Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Tencent

Black Shark deixará de ser oficialmente uma marca da Xiaomi

A Xiaomi tinha na sua marca Black Shark a aposta certeira dedicada ao segmento gaming. A qualidade dos produtos é indiscutível, tal como o próprio desempenho em jogo. Apesar de vermos a Black Shark a apresentar-se de forma independente ao mercado, tinha a grande máquina da Xiaomi por trás.

Agora tudo poderá mudar. A divisão gaming da Black Shark será vendida por mais de 415 milhões de euros.

BlackShark deixa oficialmente de ser uma marca da Xiaomi


China: Ações de algumas empresas de jogos caem por serem “drogas eletrónicas”

As ações de duas das maiores empresas de jogos online da China caíram, abruptamente, depois de um órgão de comunicação social estatal lhes ter chamado “drogas eletrónicas”.

A Tencent, por exemplo, perdeu mais de 10% do valor das suas ações.

Tencent, China


China usa reconhecimento facial para impedir as crianças de jogar entre 22h e 8h

Chama-lhe a “patrulha da meia-noite”(Midnight Patrol) e está a ser desenvolvida pela gigantes do jogos chinesa Tencent. Esta tecnologia com reconhecimento facial tem como objetivo impedir os “truques” usados para contornar o “toque de recolher” do governo, introduzido em 2019. Esta medida foi colocada em ação para combater o vício que os jogos está a provocar nas crianças.

Atualmente, mais de 60 jogos da Tencent já exigem reconhecimento facial para controlar a idade dos jogadores.

Ilustração de tecnologia da empresa da China Tencent a Midnight Patrol


ASUS ROG Phone 5 vai ser anunciado no dia 10 de março

A ASUS é uma marca bem conhecida pelos seus produtos de qualidade ligados ao segmento gaming. Contudo, para além dos computadores, a empresa conta já com vários smartphones gaming lançados no mercado, através da linha ROG. Em breve vamos poder contar com mais um modelo, desta vez o novo ASUS ROG Phone 5.

O smartphone gaming será anunciado a 10 de março e poderá contar com uma parceria com a chinesa Tencent.


Trump investiga os acordos de segurança da Epic, Blizzard e Riot com a Tencent

Depois da polémica entre os EUA e as aplicações TikTok e WeChat estar agora mais calma, há mais uma situação a envolver o país norte-americano e plataformas chinesas.

Agora, a administração de Donald Trump está a notificar as criadoras Epic Games, Blizzard Entertainment e Riot Games para mostrarem os acordos de segurança que têm com a chinesa Tencent.