Quantcast
PplWare Mobile

Tags: messenger

Zuckerberg revelou que WhatsApp e Messenger serão o grande pilar financeiro da Meta

Contrariamente àquilo que possa ser a perspetiva dos utilizadores, Mark Zuckerberg revelou, durante uma reunião, que as aplicações de mensagens, nomeadamente o WhatsApp e o Messenger, serão os próximos grandes pilares do negócio da Meta.

Com a chegada do metaverso, o CEO da Meta está a redirecionar a sua atenção.

mark zuckerberg facebook


Como ativar a encriptação de ponta-a-ponta no Messenger

Embora a proteção da sua privacidade online venha a ser um assunto de interesse já há algum tempo, os eventos nas notícias – por exemplo, a história do chat do Facebook recentemente entregue à polícia – trouxeram-na novamente para a frente de ataque. Mas como proteger a sua privacidade enquanto se mantém em contacto com amigos e familiares? Bem, pode começar por utilizar encriptação de ponta-a-ponta (E2EE) do Messenger.

Descubra como ativar esta funcionalidade.


Facebook Messenger será ainda mais seguro com chamadas e backups cifrados

A Meta tem tentado dar aos seus serviços, e em especial ao Messenger e ao WhatsApp, camadas de proteção adicional para os tornar ainda mais seguros. Nem sempre estes mecanismos estão visíveis, mas é certa a sua presença.

Para aumentar ainda mais esta proteção, foram iniciados testes que vão tornar o Messenger ainda mais seguro. A Meta promete para breve chamadas e backups cifrados, para assim ninguém, para além do utilizador, possa aceder a esta informação.

Messenger seguro Meta proteção Internet


Não deixe que os outros saibam quando está ou esteve online no Messenger. Saiba como!

A privacidade é uma das coisas que os utilizadores mais prezam e, ainda assim, a maioria das redes sociais dá conta do estado da sua atividade. Ora, hoje, vamos mostrar-lhe como pode desativar o estado online no Facebook Messenger.

Siga para o artigo e não deixe que saibam quando está ou esteve pela aplicação.

Messenger do Facebook, Meta


Facebook acusado de partilhar com a polícia dados apagados do Messenger

Um antigo funcionário da Meta acusou o Facebook de manter, secretamente, os dados apagados do Messenger e de os partilhar com a polícia. O colaborador apresentou uma queixa, alegando que a plataforma criou uma ferramenta para aceder aos dados que os utilizadores pensavam ter apagado.

O despedimento do delator deve-se, segundo alega, ao levantamento de questões relativamente à legalidade dessa ferramenta.

Messenger do Facebook, Meta