PplWare Mobile

Categoria: Redes Sociais

Facebook vigia a localização de utilizadores que revelem ser uma ameaça para a empresa

A rede social Facebook dispensa apresentações. Sendo um inimaginável repositório de informação, adquirida das mais diversas formas, principalmente em troca da sua gratuitidade. Assim, sabemos que a empresa de Mark Zuckerberg recolhe vários dados sobre os seus utilizadores, mas nada nos preparava para esta revelação.

Sabia que a rede social vigia a sua localização se expressar alguma ameaça contra o Facebook?

Facebook rede social localização utilizadores Mark Zuckerberg empresa



Como está a reputação do WhatsApp e de todo o grupo Facebook?

As redes sociais como o Facebook ou WhatsApp enfrentam uma crise de descrédito. Sentimento exacerbado pelo fenómeno das fake news ou notícias falsas, muito em voga durante as últimas eleições presidenciais norte-americanas.

O fenómeno, longe de ser um exclusivo do Facebook ou WhatsApp, torna-se particularmente notório nestas redes sociais pela sua dimensão. Note-se que estes são dois dos maiores veículos de informação, utilizados diariamente por milhões de utilizadores em todo o mundo.

WhatsApp, Facebook, redes sociais, redes, sociais


Facebook dir-lhe-á que empresas estão a vender os seus dados para fins publicitários

A utilização, tratamento ou venda de informações e dados do utilizador para fins publicitários passará a ser denunciada pelo Facebook. A rede social de Mark Zuckerberg toma assim uma postura severa perante as empresas deste setor.

Trata-se de uma recente tomada de ação por parte do Facebook para combater o uso indiscriminado da sua informação. Algo que até agora tem sido prática comum para, por exemplo, aperfeiçoar o tipo de publicidades que lhe são apresentadas.

Facebook, dados, rede social, rede, social


WhatsApp exclui 2 milhões de contas por mês para conter notícias falsas

Tem havido um grande descrédito relacionado com as redes sociais. Casos de escândalos políticos, manipulações de consciências, fuga de informação privada e atentados à justiça democrática têm sido apontados todos os meses. Tudo graças às notícias falsas que vagueiam no WhatsApp, Facebook e afins. Lembra-se das eleições presidenciais americanas? Lembra-se das eleições presidenciais brasileiras?

Para tentar conter as notícias falsas, o WhatsApp exclui 2 milhões de contas por mês. Mas o que está por trás destes esquemas?

Imagem ilustra aumento de medidas para combater notícias falsas no WhatsApp