Categoria: Redes Sociais

Snapchat: A rede social que não cresce muito nem dá lucro

O Snapchat foi uma rede social que surgiu em 2013 e rapidamente ganhou fama, por um lado porque os conteúdos se autodestruíam passados 10 segundos, mas também porque, na altura do lançamento, recusou ser comprada pelo Facebook, que estava disposto a pagar 3 mil milhões de dólares pela empresa.

Agora, passados quase 4 anos, o cenário parece negro para esta rede social pois não cresce muito e dá prejuízo.


WhatsApp por dia faz 55 milhões de videochamadas

Sem dúvida que o WhatsApp é uma das mais preponderantes plataformas de comunicação da atualidade. A sua utilização está massificada e qualquer instabilidade, como aconteceu há dias, coloca em sobressalto milhões de utilizadores.

Para percebermos o potencial desta rede, os números indicam que o WhatsApp faz 55 milhões de videochamadas por dia. Mas qual será a parte do mundo em que mais usa esta rede?

Imagem de exemplo de vídeochamada no WhatsApp


Facebook Messenger já permite agendar e fazer sondagens

O Facebook Messenger é uma das mais utilizadas plataformas de conversação online. Por essa forma, o Facebook tem-no melhorado e dotado de mais funcionalidades que vão ao encontro dos interesses e necessidades do utilizador comum.

Agora, através do Messenger, já pode agendar eventos e criar sondagens. Saiba como!


Facebook vai colocar 20.000 hotspots em locais rurais da Índia

O Facebook é muito mais que uma ‘simples’ rede social…. é uma empresa que tem dedicado uma significativa parte do seu tempo, e dinheiro, no investimento em soluções para levar Internet a, quase, todo o Mundo.

Depois do drone para levar Internet a locais remotos, agora Zuckerberg anuncia a colocação de 20.000 hotspots em locais rurais da Índia para que, estas comunidades, usufruam de um serviço Wi-Fi mais barato e acessível.


Facebook: mais 3.000 pessoas para evitar a divulgação de crimes

Recentemente falamos do jogo da Baleia Azul, mas o poço é muito mais negro do que se imagina pois há agora uma tendência para se divulgar, muitas vezes em direto, conteúdos de assassinatos, suicídios, violações, entre outros crimes, no Facebook.

Assim, para prevenir a colocação e divulgação destes conteúdos, Zuckerberg vai contratar mais 3.000 funcionários para estarem atentos.


Se já usou o Sync.ME pode estar exposto

Quem nunca usou o Sync.ME para sincronizar as fotos dos contactos do Facebook com os respectivos números de telefone armazenados no próprio smartphone? Pois bem, não é só o Facebook que sabe demasiado sobre nós, este serviço bastante útil também...