Quantcast
PplWare Mobile

Tags: qualcomm

Huawei quer passar a usar os processadores da Qualcomm nos seus smartphones

As ações do governo Trump e dos EUA contra a Huawei têm levantado problemas à marca no que toca ao fornecimento de componentes para os smartphones. Se muitos destes são de construção própria, alguns, essenciais, dependem de outros fornecedores.

Com restrições grandes, tem tido problemas em encontrar quem venda alguns elementos essenciais. Um deles, os processadores, poderá deixar de ser um problema, se conseguir que a Qualcomm tenha autorização para os fornecer.

Huawei Qualcomm processadores EUA smartphones


Qualcomm anuncia o Snapdragon 750 5G para uma performance incrível nos jogos

A Qualcomm acaba de anunciar o Snapdragon 750 5G, o seu novo chip da série 7 para plataformas móveis com suporte à rede de quinta geração. Este chipset vai permitir uma experiência única ao utilizador, nomeadamente ao nível gaming.

O Snapdragon 750G vem assim substituir o Snapdragon 730G, já incorporado em vários equipamentos, e deverá ser lançado até ao final deste ano.


Snapdragon 875 será fabricado pela Samsung num contrato de mil milhões de dólares

Não há dúvida de que a Samsung é uma das mais fortes empresas tecnológicas do mundo, sendo líder em diversos segmentos. Agora, de acordo com as informações, a sul-coreana foi a escolhida para fabricar a nova geração de processadores da Qualcomm, nomeadamente o chip Snapdragon 875.

Segundo o que foi avaliado, o contrato entre as duas empresas para este fim estará avaliado em cerca de mil milhões de dólares.

Snapdragon 875 será fabricado pela Samsung


Qualcomm: Em breve, earbuds terão cancelamento “adaptativo” de ruído

A época de novidades está aberta e agora é a vez da Qualcomm. A empresa dos processadores acabou de anunciar o cancelamento “adaptativo” de ruído dedicado a auscultadores sem fios. Esta será uma novidade que irá revolucionar o segmento dos earbuds TWS que hoje são já tão populares.

Saiba em que consiste esta tecnologia.

Qualcomm: Em breve, earbuds terão cancelamento


Qualcomm quer autorização dos EUA para poder vender processadores à Huawei

Esperava-se que as restrições impostas à Huawei fossem do interesse da maioria das empresas americanas. O bloqueio deste gigante deveria abrir portas a novas oportunidades, que acabaram por não se concretizar.

Por um lado a Huawei soube contornar estas imposições e por outro as empresas não souberam aproveitar. A Qualcomm parece agora interessada em interromper estas proibições, querendo autorização dos EUA para poder vender processadores à Huawei.

Qualcomm Huawei EUA processadores autorização