Quantcast
PplWare Mobile

Questão: Considera que atualmente é bom investir em criptomoedas?

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Hali says:

    É ótimo.
    Só eu cá em casa tenho 200 bitcoins ali no portátil.
    Hummm… Ou será que já não tenho?

  2. Redin says:

    No que diz respeito ao conceito cripto, a minha opinião diz que Não, mas…
    Tudo o que puder colocar de lado que de alguma maneira seja identificado como p.ex. Um bilhete de futebol que acabou por não comprar, uma ida ao cinema, um jantar, um passeio, uma oferta do Costa, ou outra coisa qualquer que estaria previsto gastar e que afinal não o fez, compre apenas Bitcoin e guarde a longo prazo.
    Valoriza mais que o Ouro ou mesmo um deposito bancário.
    Ainda hoje saiu um artigo no ECO que diz assim… Salários em 2023 valerão menos do que em 2014.
    2014 – Bitcoin $300
    2022 – Bitcoin $15600
    Aumento do poder de compra: 5000%
    Como já dizia o outro… “O Burro sou eu…”

    • PQOP says:

      E continua a não haver um único comentário que diga: “Comprei BTC (ou outra cript0) e ferrei-me”.
      Todos compraram BTC em 2014 a $300 e estão a ganhar balúrdios.
      Nem um comprou no início do ano e está a perder 66%.

      • Joao says:

        Quem comprou em alta e perdeu é porque vendeu agora. Não é investidor, é jogador.
        Eu tenho compras em vários valores, se vendesse aquela que comprei no início de 2022 fazia parte dos que tinha “perdido” 66%.
        Como não vendi, não perdi nada, está investido. Daqui a 5 anos volta a fazer o comentário e aqui estarei para responder.

        • N1ldo says:

          Nunca vi um “investidor” de cripto perder dinheiro, tem sempre as mesmas desculpas, *não perdi porque ainda não os vendi*…

          Deixa ver se eu entendi.
          Por exemplo.
          Comprei 10 mil euros em criptomoedas, há dois anos, o que me deu 1 unidade de cripto.
          Mas hoje essa unidade vale 4mil euros…
          E eu não perdi só porque ainda não vendi? É pra ir? Você vai ficar se enganando até quando?
          Vou te desenhar uma coisa, você não perdeu só os 6 mil euros, você perdeu os 6mil mais o valor da inflação no período, no mínimo.

          E vai ficar sonhando com um futuro incerto pra recuperar os 6 mil e só depois se tudo correr como no seu sonho ter algum lucro.

          • Zé Fonseca A. says:

            Igual em stocks, perdas não realizadas não são perdas, tal como ganhos não realizados não são ganhos, se compraste BTC a 1k e não vendeste a 67k não ganhaste nada, é como funcionam os investimentos, só existem perdas ou ganhos quando forem realizados.

      • Profeta says:

        Isso e como uma maça podre, ninguem vai querer dizer que lhe calhou uma maça podre. Fica mal para o negocio e gera publicidade negativa. Portanto para alguns as c ryptos vao ser sempre o salvador da vida porque tanto esperaram e conseguiram sair da miseria. Vao comecar a comprar casas e investir nelas e daqui por uns anos ja estao confortavelmente bem na vida. E igual aos investidores da bolsa, eles andam naquela vida de compra e venda de accoes mas pelos vistos ninguem perde so ganha nao e ? Ninguem quer admitir que de vez em quando o mercado da-lhes a volta e alguem fica a perder fortunas. Uma vez mais isso nao e bom para a publicidade. Continuem nesse bom caminho da ilusao. Alguns dizem aqui que o proposito das cryptos nao e ganhar dinheiro. Se nao e ganhar dinheiro entao porque e que anda muita gente louca a querer aderir a isso ? E por desporto querem ver ? Mais uma vez so rir com alguns comentarios aqui. Boa sorte com o vosso pe de meia.

        • Zé Fonseca A. says:

          Maior problema das cryptos são os idealismos criados das mesmas como “moeda”, abram os olhos, cryptos nunca seriam moeda, nenhum activo volatil poderia tornar-se moeda, era semear a desgraça.
          Além disso tomem atenção para a regulação das cryptos, se forem commodities como deviam ser, quem investe estará bem no futuro, se forem reguladas como securities como o SEC pretende para a grande maioria das cryptos PoS está tudo bem lixado.

      • joao says:

        Eu digo! Nao tenho problemas…
        Comprei bitcoin desde 2013. Estou a dar-me bem. Todos os meses compro!! Claro que o que compro agora lucro menos do que quando comprava a 200 e a 3000…
        Comprei uma porrada de shitcoins em 2017 na febre da altura, perdi guito em todas!!!!
        Qual ADA, qual NEO, qual TRON, qual ARK, qual VET, qual cara%^&o…..
        comprem bitcoin e ethereum e guardem pelo menos 10 anos, e verao que nao ficam a perder…
        A ganancia lixou-me, e bem!
        para os indecisos que gostam de estudar por si mesmos, lembrem-se que o bitcoin nao sofre de inflacao, mas o dollar e o euro por outro lado:

        https://wtfhappenedin1971.com/

        https://www.reddit.com/r/Bitcoin/comments/u9iita/get_some_bitcoin_in_case_they_dont_know_what/

        isto ainda vai demorar uns bons anos ate estar mais ‘main-stream’ (e nao, isto NUNCA vai substituir o dolar e o euro na minha opiniao), portanto nao faz mal irem guardando kk coisita todos os meses… Tenho dito…

  3. NjsS says:

    É um investimento de risco, mas diria que sim, para quem pode investir e tem tempo para investigar, esta altura é uma excelente oportunidade para fazer a dinheiro a 2-3 anos, ou menos.

    Temos cryptos com bons projectos, bom potencial que foram arrastadas pelos problemas que aconteceram, tiveram quedas na casa de 90%, em teoria iram voltar a subir.

  4. joao says:

    a pergunta devia ser ( percebe alguma coisa de crypto?)
    portugal em literacia financeira somos dos piores na europa!
    quem nao tiver btc nos proximos anos vai descubris de uma forma mais cara!
    quando saires as cbdc facao de nova esta pergunta aqui!

    • Mr. Y says:

      De crypto até podes perceber mas não percebes português 🙂
      O problema não são as criptomoedas mas sim a especulação que se criou à volta delas. Enquanto isso não for resolvido, ou facilmente identificado, haverá sempre falta de confiança.

  5. joao says:

    o bitcoin nao foiu feito para meter as pessoas mais ricas! nao é esse o proposito do btc!

  6. Samuel MGor says:

    Não foi a btc que há alguns anos estava a valer 50 mil euros e no dia seguinte já só valia 10 cêntimos???

  7. Helder says:

    Já cá andam os Helders todos…. Lol que seita. O do envelope não falha uma oportunidade para começar a vender a banha da cobra…

  8. Profeta says:

    Who cares ? Prefiro ver dinheiro vivo do que idealiza-lo.

    • Eu says:

      Fazes bem Profeta.
      HFSP

    • Não sei says:

      “dinheiro vivo” é o engano de muitos. Papel que em tempos tinha valor devido às reservas de ouro que os bancos tinham e que antes de ser ouro e dinheiro era troca de bens. Neste momento em que vivemos “dinheiro vivo” ou como muitos gostam de chamar comparativamente a crypto “dinheiro real” é tão real como o pai natal. O “valor” desse papel que chamam “dinheiro real/vivo” só existe enquanto as pessoas acreditarem no seu valor porque de valor aquilo não tem nada é só papel. Portanto uma cripto perder valor ou “dinheiro vivo” perder valor, como o caso da venezuela ou o Zimbábue que até fez notas de 1 milhão, é possível em ambos os lados.

      • Profeta says:

        Portanto resumindo e baralhando, estas a querer dizer que 10€ nao valem 10€ e nem sao reais nao e ? E so rir com estes comentarios.

        • Redin says:

          Não valem nada a não ser o que o estado permitir o que podes fazer com ele.
          O dinheiro que usas é objeto de um artificio de divida que os bancos têm abusado. Antigamente todo o dinheiro estava respaldado em ouro. Depois que o dólar abandonou esse lastro, ele é “impresso” à medida das necessidades para pagar dividas dos governos e quem paga essa fatura é o povo pelos impostos e inflação. A criação de riqueza é feita por divida em cima de divida.
          É o mesmo que pedires emprestado para pagar uma divida do teu cartão de crédito. Só que tu não podes inventar mais dinheiro do que tens mas o governo pode.
          Desde que o dólar foi criado, ele já perdeu mais de 95% do seu valor devido a isso. Portanto para responder a tua pergunta, os teus 10 euros são reais porque eles dizem que sim mas ano apos ano perdes poder de compra.
          Isso é valor (perdido), não é preço (nominal).

          • jo§e says:

            Então quando dizem que as cripto valem muitos euros é uma grande treta, pois estão a avaliar com uma coisa que por si já não vale nada.
            deviam começar a comparar com o ouro por exemplo.

            Mas espera o ouro também é comparado com a moeda real que vocês dizem que não é real… Estamos mal, muito mal…

          • ervilhoid says:

            Tudo tem valor até deixar de ter, é o imediato, nada é 100%

          • Redin says:

            Vocês estão a misturar alhos com bugalhos.
            Enquanto não entenderem que o valor não é igual a preço, não aprenderam nada. E não estou a falar de cripto. Estou a falar de Bitcoin.
            Fiquem bem.

        • ervilhoid says:

          Daqui a uns anos 10€ poderão ser uns cêntimos de hoje

          • Mr. Y says:

            E tu achas que isso não acontecerá com as bitcoins ou outra moeda qualquer?
            O que custa hoje 1 BTC vai-se manter para toda a eternidade?

            Uma coisa é a desvalorização da moeda e outra coisa é o que podes comprar com determinado montante ao longo dos anos. Essa ideia que o BTC, ou outra qualquer moeda, valoriza-se sempre ao longo do tempo (que até pode acontecer), o preço das coisas também irá reflectir isso.

          • ervilhoid says:

            Eu não acho nada, só falei dos €

          • Redin says:

            Mr. Y Qualquer ativo que tenha na sua oferta um valor indefenido, tem sempre a tendência de cair nos mesmos erros do dinheiro FIAT.
            Bitcoin tem um supply fixo de 21 milhões que não pode ser alterado ao longo de toda a sua existência.
            Cada vez que se cria mais dinheiro FIAT, mais vai caber na proporção de 1BTC. Qualquer ativo escasso gera valor pela sua procura e pelos serviços que estão a ser criados, a tendência é ser procurado cada vez mais.
            Portanto, sim. O Bitcoin ao longo do tempo vai valorizar cada vez mais. Somente não poderás garantir se é daqui a um mês ou daqui a uma década.

      • B@rão Vermelho says:

        Por essa ordem de ideias tens 100 criptomoedas, “à Escolha” se ninguém as aceitar também tens uma mão cheia de nada, o mesmo se pode dizer de qualquer outra coisa, o valor está na procura.
        Dizer que vai valer é um ato de fé, quer seja dólar euros criptos Ferrari Tesla, valem se houver quem queira.

      • joao matos says:

        Dizes tu, “dinheiro real/vivo” só existe enquanto as pessoas acreditarem no seu valor porque de valor aquilo não tem nada é só papel”. Há aqui um equívoco. A atribuição de um certo valor a esse “papel” a que te referes é gerido por entidades oficiais em todo o mundo, independentemente de tu achares ou não o que uma nota de 20 euros vale. Óptimo, já que achas que as notas (euros, dolares, whatever) não têm valor e são só papel dá aqui para a malta para ir gastar em cafés.

    • joao says:

      dinheiro vivo que é comido pela inflacao! os governates do outro lado a imprimirem e a desvalorizar! e os tolos a acumularem euro!

    • joao says:

      dinheiro vivo a idealiza-lo, este ainda anda iludido…

      wtfhappenedin1971.com

  9. Tiriri says:

    Nunca foi! Só se for para deitar dinheiro ao lixo…

  10. says:

    Irra que o tipo do envelope é chato!!! Que seita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.