Quantcast
PplWare Mobile

Tags: motores

Volkswagen vai acabar com as vendas de carros com motores de combustão em 2035

A aposta nos carros elétricos está cada vez mais presentes nos grandes fabricantes de automóveis. Estes são já para muitos uma proposta ativa e presente na sua oferta, desbravando caminho para o que será um futuro livre de motores de combustão.

Depois de outras marcas terem tomado uma posição, é agora a hora da Volkswagen revelar os seus planos. A marca alemã revelou agora que em 2035 vai abandonar as vendas de carros com motores de combustão, focando-se apenas nos elétricos.

Volkswagen carros elétricos motores combustão


Rolls-Royce está a testar um poderoso sistema de propulsão híbrido-elétrico de aviação

O mundo está a mudar dos combustíveis fósseis para a energia elétrica e não é só nas estradas que vemos essa mudança. Aliás, há muitos anos que as grandes empresas da indústria aeroespacial procuram formas de fazer avançar os meios de propulsão para as aeronaves e até mesmo nas naves espaciais. É certo que quando falamos nesta indústria a Rolls-Royce é um dos nomes maiores e a empresa atualmente está a desenvolver projetos que podem mudar completamente este setor.

A gigante britânica apresentou recentemente um trunfo para o novo mercado das aeronaves elétricas, o UF001 ou o maior motor aeronáutico do mundo. Contudo, a Rolls também está a desenvolver algo que descreve como “o sistema de propulsão e energia aero elétrico híbrido mais poderoso da indústria aeroespacial”.



SEAT: 30 milhões de euros por centro de teste de motores pioneiro

O futuro terá reservados diversos desafios tendo em conta o que se vive atualmente. Como sabemos, o segmento automóvel foi um dos que mais perdeu com esta pandemia, mas é preciso reagir. A pensar no futuro a SEAT investiu mais de 30 milhões de euros num centro de teste de motores pioneiro no sul da Europa.

As instalações são compostas por nove bancos multi-energia que permitem testar qualquer tipo de motor, desde a fase de desenvolvimento até à sua homologação. Mas há mais…

SEAT investe mais de 30 milhões de euros num centro de teste de motores pioneiro


Tesla pode licenciar o Autopilot e vender motores e baterias a outros fabricantes

A Tesla tem conseguido mudar muito na indústria automóvel. Para além da adoção de motores elétricos e de tecnologias relacionadas com esta importante fonte de energia, tem também criado soluções únicas.

Fruto desta inovação tem sido um constante ultrapassar da concorrência e no tornar a Tesla como uma das maiores empresas do ramo automóvel. Esperava-se que Elon Musk impedisse que a sua tecnologia fosse conhecida, mas o oposto é a realidade. A marca pode em breve licenciar o Autopilot e vender motores e baterias a outros fabricantes.

Tesla Elon Musk carros motores fabricantes