Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Mark Zuckerberg

Facebook gastou 23,4 milhões de dólares com a segurança pessoal de Zuckerberg

O CEO de uma grande empresa tem sempre muita responsabilidade ao seu encargo. Para além disso é também importante que a sua segurança esteja garantida.

Neste sentido, as recentes informações indicam que o Facebook gastou nada menos do que 23,4 milhões de dólares na segurança pessoal do dono Mark Zuckerberg. E este valor supera significativamente os custos de segurança de outros executivos da área tecnológica.


Mark Zuckerberg diz que Realidade Aumentada poderá substituir a arte e os media

Não é segredo que a tecnologia, abrindo infinitas possibilidades, está a transformar, completamente, a forma como vemos e vivemos o mundo. Segundo Mark Zuckerberg, a Realidade Aumentada pode vir a substituir a arte e os meios de comunicação.

Imagine um mundo sem televisão, pintura, livros, …

Zuckerberg


Facebook gastou 23 milhões de dólares com a segurança de Zuckerberg em 2020

Ser CEO da maior rede social do mundo definitivamente que não é uma tarefa fácil. Mark Zuckerberg tem à sua responsabilidade a conta de milhares de pessoas e o espaço onde se fazem e organizam debates, manifestações, notícias, entre outros.

Portanto, tal como seria de esperar, haverá imensas situações em que Zuckerberg poderá estar em perigo. Neste sentido, informações recentes indicam que o Facebook gastou mais de 23 milhões de dólares com a segurança do seu CEO no ano passado.


Fuga de dados dos Facebook confirma que Mark Zuckerberg usa serviços da concorrência

Os serviços Signal e Telegram tiveram uma elevada procura depois das mudanças de privacidade que envolviam o WhatsApp e o Facebook. Apesar da empresa detentora dos dois serviços garantir que os dados dos utilizadores continuam seguros, a verdade é que muitos migraram então para os outros serviços… incluindo Zuckerberg.

A descoberta surgiu depois de terem sido divulgados dados de mais de 533 milhões de contas de utilizadores do Facebook.

Fuga de dados dos Facebook confirma que Mark Zuckerberg usa serviços da concorrência


Zuckerberg acredita que óculos inteligentes podem transformar presença física

A pandemia chegou e, desde então, está a conter as pessoas em casa. Com um espaço que serve agora de canivete suíço de afazeres, os lares, que antes estavam vazios grande parte do dia, servem agora de infantário, escritório, cantina e escola. Portanto, é de prever que as pessoas, que estão fisicamente afastadas há tanto tempo, estejam a contar com momentos de convívio, em breve.

Contudo, o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, pensa que óculos inteligentes poderão ser a solução para evitar futuras deslocações, promovidos por vários contextos. Dessa forma, representarão também um aliado no combate às alterações climáticas.

Mark Zuckerberg