Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Australia

AirTags: Regulador australiano avisa para manter as crianças afastadas

Como já vimos, os AirTags têm um tamanho bastante reduzido. Se para os adultos esta poderá uma vantagem, para as crianças poderá representar um perigo. Nesse sentido, um regulador australiano emitiu um comunicado, apelando aos pais das crianças para as manterem afastadas do dispositivo.

Este aviso surge dois meses depois de uma loja, na Austrália, retirar os AirTags das prateleiras para segurança dos mais novos.

Bateria AirTags


Criptomoedas: Investidores australianos têm de declarar lucros

É inevitável que o mundo financeiro não passe também pelas criptomoedas. No entanto, tal como nas mais diversas áreas da sociedade, é preciso legislação para não se tornar um setor descontrolado.

O Governo australiano revelou recentemente que os investidores em criptomoedas do seu país devem declarar lucros, pois caso contrario enfrentam penalidades por sonegação de impostos.

Criptomoedas: Investidores australianos têm de declarar lucros


Austrália está com problema de sobreprodução de energia solar

Em tempos, pensava-se que a energia renovável, como a solar e a eólica, era demasiado cara para representar uma fonte viável capaz de gerir uma sociedade massivamente eletrificada. Contudo, indo ao encontro da volatilidade dos tempos, esse tipo de energia verde revelou-se uma verdadeira mais valia.

Nesse sentido, os reguladores australianos estão com um problema de sobreprodução de energia solar.

Painéis solares nos telhados das casas da Austrália


AirTags banidos da Austrália? Preocupações de segurança com crianças pode ser a razão

Os AirTags são a mais recente novidade da Apple, criados para ajudar a encontrar qualquer objeto, independentemente da proximidade para estes poderem ser detetados de forma simples e rápida.

Este novo gadget está a chegar ao mercado e também a enfrentar os primeiros problemas. Na Austrália, os AirTags estão a ser uma preocupação associada à segurança das crianças.

AirTags Austrália bateria segurança crianças


Polícia sugere aplicação para comprovar consentimento sexual

Temas como o abuso sexual estão demasiadas vezes na ordem do dia. Quando um caso se torna conhecido as águas podem dividir-se. Há quem culpe a vítima e há quem atribua as culpas ao agressor. Além disso, o consentimento é sempre uma questão polémica que dá “pano para mangas”. No entanto, parece que há quem tenha “a solução para este problema”.

O chefe da polícia australiana sugeriu que fosse criada uma aplicação para provar o consentimento sexual.

Manifestação na Austrália.