Quantcast
PplWare Mobile

Tags: smartwatch

Smartwatch Mibro Watch T1 – uma extensão do smartphone que faz chamadas via Bluetooth

A Mibro é uma empresa tecnológica chinesa, focada no desenvolvimento de smartwatches que tem a Xiaomi como uma das suas investidoras. Atualmente, conta com presença já um pouco por todo o mundo e conta com mais de 20 milhões de consumidores. Um dos seus mais recentes produtos é o Mibro Watch T1, um smartwatch com especificações muito interessantes para o segmento e que permite mesmo atender chamadas via Bluetooth.

Mas há mais para conhecer.


Google mostra mais detalhes do seu novo Google Pixel Watch [em vídeo]

A Google este ano vai estrear-se com o lançamento do seu primeiro smartwatch. O evento de apresentação acontece no início de outubro e a empresa até já revelou alguns pormenores.

No entanto, agora todo o design fica evidente com a partilha de um vídeo oficial.


Google quer simplificar a troca de qualquer smartwatch com Wear OS usando backups

A Google tem apostado de forma muito forte no que toca ao Wear OS, o seu sistema operativo dedicado a qualquer smartwatch. A nova versão ainda não está disseminada e não deverá atingir os modelos mais antigos.

Na continuação dos desenvolvimentos que tem estado a preparar, surge agora uma novidade escondida na app da Google. Esta irá facilitar a troca de smartwatch, recorrendo a algo simples como um backup.

Wear OS smartwatch backups Google dados


Smartwatch Doogee D11 com monitorização de 70 desportos e chamadas via Bluetooth

Ter um relógio no pulso hoje em dia significa muito mais do que ver as horas. Os relógios estão inteligentes e são uma extensão perfeita do smartphone. A Doogee está a lançar novos produtos nesta área e o Doogee D11 é um deles.

O Doogee D11 permite a monitorização contínua dos batimentos cardíacos, tem 70 modos de desporto, bateria para 7 dias… mas há mais.

Smartwatch Doogee D11 com monitorização de 70 desportos e chamadas via Bluetooth


Afinal vai poder usar um smartwatch com Wear OS 3 da Google no iPhone

Algo estranho com o Wear OS 3 era a sua ausência no iOS, o que impedia a sua utilização no iPhone e no iOS. Esta parecia uma decisão da Samsung quando apresentou o Galaxy Galaxy Watch4, o primeiro smartphone a receber esta versão.

Algo que foi agora confirmado é que afinal o Wear OS 3 não vai ser um exclusivo do Android. A Google vai abrir este sistema e trazer o suporte para o sistema da Apple, para quem quiser dispensar o Apple Watch.

Wear OS 3 iPhone Google Apple smartwatch