Quantcast
PplWare Mobile

Tags: processador

Marca chinesa pretende rivalizar com processadores Intel e AMD

Há vários anos que a Intel e AMD têm combatido ferozmente pela sua fatia no mercado de processadores HEDT, dividindo a totalidade praticamente entre ambas. Contudo, um novo anúncio da marca Zhaoxin parece por fim a esta exclusividade no mercado dos processadores.

A empresa chinesa anunciou o lançamento da sua nova gama de processadores no mercado consumidor e as especificações são bem interessantes.

Imagem processador made in China


Intel investe em Inteligência Artificial e compra a Habana Labs por $2 mil milhões

A Inteligência Artificial evoluiu de tal modo que hoje em dia desenvolvem-se chips feitos especialmente para esta tecnologia. A Intel pretende manter os seus trabalhos nesse sentido e por isso comprou a Habana Labs por $2 mil milhões.

Esta startup de Israel será importante para a gigante do silício expandir o seu portfólio de IA e para reforçar os negócios em data center.

Intel investe em Inteligência Artificial e compra a Habana Labs por $2 mil milhões


Ryzen 9 3900X bate recorde mundial de wPrime e faz cair a Intel do pódio

A superioridade da AMD no mercado de processadores foi clara no ano de 2019. Agora, cabe à Intel conseguir trazer ao público uma alternativa atualizada e capaz de competir com a marca rival. Contudo, depois do anúncio da Intel, são esperadas novidades já no próximo ano. A gigante americana irá lançar os novos processadores com tecnologia de fabricação 10nm.

Segundo novas informações, o processador de 12 cores e 24 threads da AMD, o Ryzen 9 3900X, foi capaz de obter novos resultados em submissões de performance na conhecida plataforma Hwbot. Então, este terá conseguido inclusive bater o recorde mundial de wPrime, detido anteriormente por um CPU Intel.

Imagem do processador Ryzen da AMD. Intel perdeu o pódio em 2020


Intel traz de volta processador Pentium de 22nm

Os adeptos de desktops esperam ansiosamente por novidades da próxima série de processadores baseada na tecnologia de fabrico de 10nm da Intel. Depois de ano de domínio claro por parte da AMD, fica a dúvida se a rival conseguirá responder à altura. Contudo, pelo novo anúncio, parece que por agora a Intel tem apenas para oferecer um processador descontinuado com mais de 6 anos, o Pentium G3420.

Não seria propriamente o que o mercado estaria à espera. Assim, qual será a ideia para esta “jogada” da Intel?

Imagem processador Intel de 22nm


Novos AMD Ryzen 4000 e X670 chipset esperados no final de 2020

A AMD atacou de forma ousada o mercado de processadores durante todo este ano. Como resultado, a empresa conseguiu superar a Intel no total de vendas e conquistou vários recordes com os seus chips. A gigante americana parece ter já preparado o lançamento de um novo conjunto de CPUs, os Ryzen 4000, uma família baseada na arquitetura Zen 3 que faz uso da tecnologia 7nm+.

Com este novo objetivo, a AMD procura obter ainda mais performance e com uma libertação mais reduzida de calor.

Imagem que ilustra a vinda dos novos processadores AMD Ryzen 4000 e X670