PplWare Mobile

Tags: oled

Análise: TV OLED Hisense H55O8B

São várias as estratégias que os fabricantes de TVs LCD, com retroiluminação, tentam fazer vingar quando se trata de reproduzir pretos verdadeiros. Mas não vamos criar ilusões, só a tecnologia OLED o consegue fazer, e a Hisense mostra um bom exemplo disso com a TV OLED Hisense H55O8B.

Veja a nossa análise à TV OLED Hisense H55O8B.

Análise: TV OLED Hisense H55O8B


Samsung desempenhará um papel crucial na produção do iPhone 12

A Apple está já a preparar o iPhone 12 e não tem como se livrar da Samsung, já que a empresa de Cupertino quer garantir no seu novo iPhone o melhor ecrã alguma vez lançado no mercado. Conforme está a ser referido, a empresa sul-coreana terá um papel importante no fabrico do iPhone de última geração, pois garantiu a maioria dos pedidos de ecrãs OLED para este novo topo de gama da Apple.

A Apple tem trabalhado com a Samsung com ecrãs OLED no iPhone desde o iPhone X, mas não está só, há outras igualmente poderosas neste mercado.

Imagem iphone 12 concept com ecrã OLED Samsung


Samsung vai deixar de produzir ecrãs LCD e apostar nos ecrãs OLED

Todas as empresas têm um momento em que devem fazer escolhas, tomar decisões, muitas deles difíceis de tomar. A Samsung parece estar a passar uma fase de reorganização e decidiu que irá deixar de produzir ecrãs LCD até ao final do ano de 2020.

A empresa sul-coreana irá então focar-se, em exclusivo, na produção dos ecrãs OLED.


TV com ecrã OLED ou QLED? Qual escolher e quais as diferenças

Escolher uma TV com ecrã OLED ou QLED? Esta é a grande questão que se coloca nos dias de hoje. Na verdade, são duas tecnologias divergentes que ambicionam o mesmo: a melhor experiência de televisão possível.

Ao contrário do que os seus nomes deixam antever, estas são duas tecnologias assentam em princípios bastante diferentes. Vamos então perceber como são diferentes OLED e QLED.

TV com ecrã OLED ou QLED? Qual escolher e quais as diferenças


Smartphones: Xiaomi testa ecrãs OLED com taxa de atualização de 120Hz para 2020

As inovações nos smartphones tendem a ser cíclicas. As câmaras, os sensores de impressões digitais, o reconhecimento facial, são apenas alguns dos exemplos mais recentes. Há que referir também as tecnologias associadas às baterias, com carregamento rápido e sem fios.

A vez dos ecrãs está aí novamente. Depois de neste ano se terem destacado os modelos com taxa atualização de 90Hz, 2020 parece que será o ano das marcas irem mais longe com ecrãs de 120Hz. A Xiaomi, claro, não quer perder esta corrida.

Smartphones: Xiaomi testa ecrãs OLED com taxa de atualização de 120Hz para 2020