Quantcast
PplWare Mobile

Tags: M1

O processador Apple Silicon M1 supera o Intel Core i7 de 11.ª geração

Nota-se algum nervosismo no mercado dos SoCs. Depois da Apple ter lançado ano passado o seu processador M1, da coleção Apple Silicon, a Intel ficou numa posição desconfortável enquanto líder de mercado neste segmento. Aliás, a empresa reagiu mesmo com uma campanha de marketing onde o alvo da ironia foram as máquinas da empresa de Cupertino. Contudo, os benchmarks continuam a fazer estragos, ao revelar que o processador M1 supera o Intel Core i7 de 11.ª geração.

Este chip da Apple, contudo, dificilmente conseguirá ombrear com campeão Intel Core i9.

Imagem processador Apple Silicon M1 que bateu o chip Core i7 da Intel


Há uma nova falha de segurança que está a afetar o novo SoC M1 da Apple

O SoC M1 da Apple é a aposta da marca para o futuro. Abandonou a arquitetura X86 e a Intel para se focar nos seus processadores e no que conseguir criar. A resposta tem sido muito positiva, mas não isenta de problemas.

Os problemas de segurança começaram já a atingir esta plataforma, representado um perigo para os utilizadores e os seus dados. Uma nova falha foi descoberta e volta a afetar este SoC da Apple, trazendo problemas graves.

Apple M1 SoC segurança falha


Utilizadores dos Mac com SoC M1 podem ter de deixar de usar apps mais antigas

Com o SoC M1 a Apple trilhou um caminho para a sua independência no campo dos processadores. Tem assim mais um componente seu e que controla de forma completa, desde o desenho até à produção e montagem nos novos Mac.

Para ajudar na transição, a Apple criou a Rosetta 2, que permite usar as apps mais antigas, convertendo-as. O problema é que agora a Apple estará a preparar-se para remover este elemento e sem uma qualquer justificação. Com a mudança, podem ter de deixar de usar apps mais antigas.

Mac SoC M1 Rosetta 2 Apple


Tem um Mac com SoC M1? É melhor ter cuidado com a duração que o seu SSD vai ter

Apesar de todos os avanços que a Apple trouxe para os seus novos computadores com o SoC M1, continua a ter de usar componentes tradicionais em muitas áreas. Entre estes estão os SSDs, que é hoje o padrão para o armazenamento.

Este componente terá, em norma uma vida útil alargada, mas esta poderá não ser uma verdade no caso destes Mac. O alerta foi lançado agora e revela que os SSDs dos computadores com o SoC M1 podem estar a sofrer de desgaste rápido e apresentar problemas muito mais cedo que o esperado.

SoC M1 SSD vida Apple


Há um novo malware para macOS que está a intrigar os investigadores de segurança

Com toda a sua aura de segurança, os produtos da Apple têm estado sob um forte ataque de malware nos últimos meses. Os hackers perceberam que esta é uma franja de mercado que interessa e por isso têm voltado a sua atenção para estes sistemas.

Com provas dadas em ataques recentes, esta é cada vez mais uma certeza. Agora, e do que foi revelado, existe um novo malware que está a espalhar-se no macOS. A sua forma de atuação é estranha e está a intrigar os investigadores de segurança.

malware Apple M1 segurança hackers