Quantcast
PplWare Mobile

Tags: gps

Problemas a usar o Google Maps no Android Auto? Tem aqui a solução mais rápida

Mesmo com algum atraso da Google na chegada das novidades, o Android Auto tem conseguido manter-se na lista de preferências dos utilizadores. A nova interface está a ser disponibilizada para todos e em breve este será um novo sistema.

Não é um sistema isento de problemas e um novo está agora a afetar os utilizadores. As queixas apontam para problemas com o Google Maps e a utilização do GPS. Este perde aparentemente o sinal, mas uma solução simples está já disponível.

Android Auto Google Maps GPS problema


Modelos 2022 do Apple Watch já têm independência GPS

O Apple Watch possui o seu próprio GPS desde que a Série 2 chegou, há seis anos. No entanto, o relógio sempre que pode usa o GPS do iPhone. Tal comportamento mudou com a última rodada de modelos do Apple Watch. Como tal, os modelos Apple Watch Ultra, Series 8 e SE (2.ª geração) usam GPS integrado mesmo quando o iPhone está próximo.

Então, se no passado já poderia ser independente, porque não o fazia? Essa questão é simples, tem a ver com a gestão de bateria.


Portugal: Dados do GPS tramam funcionário que foi despedido

Como se costuma dizer, no digital tudo fica registado! É verdade que há várias plataformas, com recurso a GPS, que vieram ajudar nas mais diversas tarefas, mas a privacidade e o rastreio de pessoas passou também a ser uma realidade.

Um funcionário usou o carro da empresa fora dos dias de trabalho e a empresa utilizou esse argumento para rescindir o contrato.

Portugal: Dados do GPS tramam funcionário que foi despedido


Portugal: Burros com GPS vão ajudar a prevenir incêndios

Burros, GPS e incêndios são três palavras que, aparentemente, não têm qualquer relação entre elas… até agora! É verdade que o tempo não é de incêndios, mas é fundamental começar a pensar em novas estratégias para o próximo ano.

Em Portugal, vai haver burros com GPS que vão ajudar a prevenir incêndios.


TomTom despedirá 500 funcionários. A culpa é de uma nova ferramenta

Assistimos a uma crise latente no mundo da tecnologia com grandes empresas a despedir funcionários às dezenas e centenas. Vimos a ARM que apontou para 15% dos seus funcionários. Depois foi também notícia a PlayStation com o despedimento de 90 colaboradores, a Netflix despediu no mês passado 150 dos seus funcionários e mais recentemente, já este mês de junho foi a Klarna que num vídeo fez saber a 700 funcionários que estavam sem trabalho. A TomTom parece seguir o mesmo caminho.

Segundo informações, TomTom diz que as suas novas ferramentas de automatização são tão boas que despedirá 500 empregados.

Ilustração de um carro com tecnologia TomTom, empresa irá despedir 500 pessoas