Quantcast
PplWare Mobile

Tags: flash

Agora é oficial! O Flash da Adobe vai morrer até ao final de 2020

Há muito que a morte do Flash é pedida pelos utilizadores e até por quem cria sites para a Internet. Esta tecnologia, muito útil e importante há alguns anos, tem vindo a ficar ultrapassada e é cada vez mais um fardo para quem desenvolve sistemas e até os browsers.

Por várias vezes se falou no fim desta tecnologia da Adobe, sem que efetivamente chegasse ao fim e deixasse de ser usada. Esse momento parece estar agora próximo com o anúncio que o Flash vai ser descontinuado até ao final do ano de 2020.

Flash Adobe morrer desaparecer browsers


Novo Mozilla Firefox 84 remove o Flash de uma vez por todas

Era uma morte anunciada e, pouco a pouco, o Flash começa a desaparecer da vida da internet. Nesse sentido, a Adobe, “proprietária da tecnologia”, está já programada para abandonar o suporte ao Flash de uma vez por todas até ao final deste ano. Como resultado, os fabricantes dos navegadores estão a preparar-se para esse momento histórico há vários anos.

A Mozilla anunciou recentemente quando irá ocorrer a etapa final. Segundo os seus planos, o Flash será inteiramente abandonado no seu navegador este ano para manter os utilizadores protegidos.

Imagem navegador sem Flash Mozilla Firefox Pplware


Microsoft só matará o Adobe Flash quando o Google Chrome também o matar

Provavelmente já nem dá conta de como o Flash está ultrapassado. Na verdade, as empresas mudaram os seus conteúdos, as suas plataformas e a Adobe vaticinou mesmo o fim desta tecnologia. Contudo, ainda há browsers que teimam em dar suporte. Na verdade, é importante perceber que há ainda muitos conteúdos por transformar. Assim, a Microsoft vem “descansar” alguns utilizadores desta tecnologia.

Parece que a Microsoft está disposta a melhorar o suporte Flash nos seus navegadores web, uma vez que a gigante Redmond anunciou que vai continuar a apoiá-lo até o final de 2020. Esta também é a data de “morte” que a Adobe tem determinada para a sua (em tempos) tão popular tecnologia.


Dica: O que fazer para voltar a ter o Flash ativo no Chrome 76

Com o Chrome 76 a Google mudou de forma drástica a forma como este browser trata o Flash. Passou a bloquear de forma permanente este componente, não o tendo disponível para os utilizadores.

Apesar de compreensível, esta mudança torna-se incómoda para muitos utilizadores, que precisam dele. A Google deixou algumas portas abertas para contornar esta limitação. Veja como pode ter de volta o Flash ativo no Chrome 76.

Chrome Flash Google browser sites


A Adobe prepara-se para matar o Shockwave já dentro de poucas semanas

Com todas as novas tecnologias que têm surgido, a Internet tem procurado terminar com o Flash ou o Shockwave. Este não tem sido um caminho simples e tem sido liderado principalmente pelos browsers.

Agora, a Adobe, responsável por estas tecnologias, veio dar uma ajuda. Anunciou que vai matar o Shockwave já no próximo mês, sem qualquer justificação e com uma decisão irrevogável.

Adobe Shockwave Flash matar abril