Quantcast
PplWare Mobile

Tags: ethereum

A Bitcoin pode ser destronada “a longo prazo” pela Ethereum

Aos poucos e poucos as criptomoedas têm vindo a valorizar, tentando chegar a valores do passado. Depois de um período muito mau, as principais moedas digitais voltaram a dar sinais de recuperação e é com muita expectativa que se olha para o futuro.

No top das moedas mais populares, os especialistas consideram que a Ethereum pode mesmo ultrapassar a Bitcoin.

A Bitcoin pode ser destronada “a longo prazo” pela Ethereum


Compraria uma placa gráfica usada anteriormente para minerar criptomoedas?

Desde meados de 2020 que as criptomoedas recuperaram em força a sua popularidade e elevaram o seu valor para montantes surpreendentes. No entanto, alguns países, como a China, mostraram cartão vermelho à mineração e pagamentos com moedas digitais, o que surtiu num forte abanão neste mercado.

Como tal, muitos mineradores chineses optaram por vender os seus equipamentos a um preço mais reduzido. Dessa forma, na nossa questão semanal, queremos que nos diga se compraria uma placa gráfica usada anteriormente para minerar criptomoedas. Participe.


Ucrânia fecha sistema de mineração ilegal com 3.800 PlayStations 4 e 500 GPUs

As criptomoedas são um assunto frequente nas notícias sobre tecnologia. Mas nem todas elas são abonatórias para os mineradores e investidores das moedas digitais.

Segundo as últimas informações, a Ucrânia fechou agora um sistema ilegal de mineração com 3.800 PlayStations 4 e 500 placas gráficas.


Mineração de Ethereum perdeu 19% da sua força em apenas um mês

O assunto das criptomoedas tem sido vastamente abordado, especialmente desde o ano passado. Apesar de já não se tratar de uma novidade, o que é certo é que o interesse das pessoas pelas moedas digitais cresceu significativamente à medida que as moedas aumentaram a pique a sua valorização.

No entanto, muito devido à aplicação de medidas restritivas por parte de alguns países, este mercado tem sentido uma regressão. Desta forma, segundo as recentes informações, a mineração GPU da criptomoeda Ethereum perdeu 19% da sua força apenas no espaço de um mês.


Imagem mostra uma Nvidia CMP 170HX com uma taxa de hash Ethereum de 164 MH/s

Como a própria Nvidia já fez questão de frisar, as placas gráficas da linha GeForce RTX são para os jogadores. Como tal, a fabricante pensou e criou a gama CMP destinada em exclusivo à mineração de criptomoedas.

Agora, de acordo com uma imagem revelada, é possível ver um modelo CMP 170HX com uma taxa de hash para Ethereum de 164 MH/s.