Quantcast
PplWare Mobile

Bitcoin tem subida abrupta e passa a barreira dos 2 mil dólares

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Vítor M.


  1. antonio says:

    Esta moeda é uma piramide parem de postar e incentivar
    Não passa de um esquema para roubar dinheiro

    • Vítor M. says:

      Disparate. A tecnologia por trás desta moeda está há anos a ser estudada pelos bancos. Estamos a falar num recurso que poderá ser o futuro.

      Leia a perceba.

      • Marcelo says:

        Vitor, Não perca tempo a pessoas que nao atingem.

        • Francisco Moreira says:

          Alguns governos já estão a estudar como poderão implementar moedas criptográficas. Quando isso acontecer as pessoas atingem todas.

      • Anti-Obnóxios says:

        Menos agressividade Vitor! Há que respeitar a opiniao dos outros, quer nos pareça mais ou menos correta!
        “Leia a perceba.”…acho que se aplica, à esmagadora maioria dos que postam por aqui…incluindo o Vitor, que estão muito longe de ser especialistas em mercados financeiros e afins.
        Para já e de facto, não passa de um ativo altamente”especulativo”. Neste momento eventualmente ainda mais ( pq é um mercado desregulado), que as “Small Caps” ( um dos pináculos do mercado especulativo por excelencia), ou as “Options” em mês de expiraçao (outro). O mercado de futuros ( também demasiado arriscado para o “homem comum” e ainda assim mais virado para o mercado profissional), apesar de tudo, já será menos agressivo. Mas convém “atirar” sobre os principais indices, SPX, NDX, DJI, DAX, ETC…para diluir mais o risco, ao invés de individualizar por ativo. Uma opçao a considerar, são tb os “ETF”, tipo, QQQ, SPY, BTK, SDX, ETC…investindo por setores, Depois, há as “Commodities”, no entanto cuidado, que ao contrario do que parece , estas, sao tambem um mercado altamente especializado e aconselhado para “profs”. Para o comum dos mortais, os fundos serão sempre o mais aconselhável, exatamente, pq dilui mais o risco e não tem de olhar constantemente a cotaçao e tomar decisoes ( estas sao sempre o calcanhar de aquiles de qq investidor, mesmo profissional).
        Normalmente o mercado mais especulativo, fica essencialmente reservado para os “day-traders”, que acompanham o mercado ao segundo.
        Quando se olha para um “chart” à posteriori, aquilo até parece “fácil” de negociar. Pura ilusao! Acham que nao? Comprem 20 contratos do Es ( futuro sobre o sp500), e quando o indice, tiver um movimento intra-day contrario a vossa posiçao (pode-se comprar ou “shortar” ou seja apostar na queda tambem) de 20 pts, e estiverem a perder 20.000 us dolares num abrir e fechar de olhos, num investimento de uns 50.000 (as margens podem variar entre os brokers e tipo de investidor, se inclui as noturnas ou nao), e percebam o que se vai passar nas vossas cabeças!
        Por alguma razão, todas as entidades reguladoras e Bancos Centrais, alertam constantemente, para os riscos deste tipo de ativos. Estudam-nas ? Claro que sim, mas para já é um “deep market”. Comprar uns troquitos e ver o que dá, é uma coisa, por lá uma boa % do nosso bolso…só um louco ou com “bolsos muito fundos”.
        Se o mercado pseudo regulado, provoca as crises que temos visto, com absolutas insanidades como a bolha tek de 2000 ou o sub-prime de 2008, imaginem assentar numa base praticamente “opaca”.
        Por alguma razao, ao longo do tempo, só uma infima parte do mercado ganha efetivamente; há estatisticas que apontam para entre 10 a 20% apenas.
        O futuro? Nao o conhecemos! Moedas deste tipo ou outros certamente aparecerao, mas quando estiverem maturadas e devidamente legisladas e reguladas. E mesmo aí, obviamente, que o risco estará sempre presente em qualquer tipo de investimento. Quanto maior o risco, maior probablidade de putativo premio…ou…DESGRAÇA ! Cabe ao investidor, calcular devidamente o seu nivel de risco e a “profundidade” do seu bolso, para NAO ter de deixar de conseguir continuar a por “comida na mesa” diariamente.
        Acho este alerta importante ( apenas um alerta, nada mais que isso), pq infelizmente há muita gente AINDA, a embarcar em viagens vendidas como paradisíacas e depois quando sao apanhados em autenticas tempestades do mar de Bering, ficam completamente perdidas, nao sabem o que fazer, fruto tambem da inexperiencia, cometem erros em cima de erros ,um dos mais profundos, é continuar a comprar mais e mais conforme vai caíndo, para fazer “preço médio” mais baixo, quando não sabem qual sera o verdadeiro fundo, acabando mesmo por “afundar”, antes de aparecer o “socorro”.
        Fiquem bem e bons investimentos!

        Ps: Boa coleçao de artigos, que o Pplware compilou, neste artigo, em relaçao a este “leit-motiv”.

        • Vítor M. says:

          Já reparei que tu tens sempre uma atitude negativa, vingativa… até porque o que eu referi foi que apelidar de esquema piramidal era um disparate. Não foi agressivo com ninguém, tu tens sempre essa carga negativa contigo. Ultrapassa isso que até te faz mal.

          Claro que eu leio para perceber e se reparares na compilação de informação que fomos fazer, nos especialistas nas tecnologias que convidamos a escrever, estamos mais informados sobre o assunto para o podermos explicar.

          O que vens a dizer, neste teu testamento, algumas coisas são irreais outras não tem fundamento e outras não é nada que não tenhamos já referido, alias, falámos neste assunto desde 2010 salvo erro.

          Repito, é um disparate meter isto no mesmo saco dos esquemas piramidais,

        • C says:

          não li nada disto. ahahahah

      • JM says:

        Para mim o Vítor tem alguns em carteira 😉 De resto como outros abaixo referiram não passa de um esquema de Ponzi.

        https://www.ft.com/content/b5d66ed8-d1b3-11e6-b06b-680c49b4b4c0

        • Vítor M. says:

          Olha, por acaso não tenho, mas porque fui “nabiço”… logo na altura que apareceram abri uma conta para testar numa Bitcoin Wallet e quando foi para trocar uns euros por bitcoins… não comprei… deveria ter comprado.

          Estuda um pouco do que está por trás desta moeda e vais ficar surpreso com a tecnologia e as entidades envolvidas 😉 ainda vais ouvir falar muito nesses tecnologias até na tua instituição bancário 😉

    • Pérolas says:

      @antonio: Uma pergunta: BPêPê, BPêN, B3S e BAN1F foram o quê???

    • Wellington says:

      Me fale o que você intende de moedas Bitcoin e sobre pirâmides financeiras Sr Antonio ?

  2. transcendez says:

    o Kim Dotcom avisou no Twitter dessa subida… https://twitter.com/KimDotcom/status/865865304257069056?s=09

  3. João Barbosa says:

    estamos perante uma bolha, que um dia haverá de estourar como qualquer bolha
    não passa de um esquema ponzi
    é um aviso

    • Miguel says:

      Isto em nada se parece com um esquema de Ponzi…

      A valorização do ativo está subjacente à sua procura e oferta (tal como acontece com o Euro, Dollar, Iene, ouro, etc.).

      Neste caso a moeda fiduciária (Euro, Dolar, Iene) não estão subsjacentes a nenhum activo físico e pode ser criada do nada. Já o ouro têm limite assim como a quantidade de bitcoin que pode ser minada, daí o seu preço.

      • Rui says:

        Não é de todo verdade, qual é a contra-parte do Bitcoin por exemplo? Para mim bitcoin é quase como um cartão de crédito, tem um limite de utilização e tem associado dinheiro virtual que a qualquer momento pode desaparecer!

    • Miguel says:

      Aliás, esquema de Ponzi é a nossa segurança social… bitcoins é completamente diferente.

    • rui says:

      assim como todo o mercado bancário, de moedas dos países, ações, etc. desde que haja empréstimos (ou bens virtuais) e especulativos. A diferença é se são esquemas legais ou ilegais.

  4. AlexX says:

    Curioso em saber que acontecerá quando todos os 21 milhões de bitcoins possíveis tiverem sido adquiridos. O milionésimo em que para já está dividido 1bitcoin nunca seria suficiente para fazer dele uma moeda universal. Isto foi excelente para quem se amealhou até há um ano e meio atrás e vive agora dos loucos que estão comprando 😀

    • Miguel says:

      Tal como na moeda real a inflação faz colocar muitos zeros à direita na moeda virtual quando isso acontece podes também o nome da moeda e um padrão de valorização menor.

      De reais para escudos e de escudos para euros sucedeu-se semelhante.

  5. carlos V says:

    A palavra aqui é mesmo “virtual”…
    O ouro é mesmo real…
    Espertos são os tipos que trocam bitcoins por outras moedas e por ouro.

    • Gerardo says:

      O ouro só tem o valor que as pessoas lhe dão. Para mim de pouco serve pois não gasto dinheiro com coisas ridículas como joias (entendo o fascínio dos povos primitivos por coisas que brilham). Tem uma aplicação real na industria, mas o seu valor real anda muito longe do seu valor virtual

      • APereira says:

        Uma coisa é investires em Joias que tem o valor do seu metal mais o trabalho de producao da mesma…

        Investir em ouro, nao é isso, é investir em barras de ouro ou ouro independentemente da sua forma.

    • int3 says:

      Pedra é real. tem valor? não.
      O facto de ser virtual não significa que não tenha valor. Uma nota de 5€ vale o quê? O que é o valor para ti? Para mim moedas e notas de países africanos não tem valor nenhum. É papel e nickel e cobre.
      Bitcoin tem valor porque é virtualmente impossivel de copiar bitcoins da mesma forma que o dinheiro é, legalmente, impossivel de copiar. Desta forma torna a contrafração praticamente impossivel e este problema estaria há muito tempo resolvido. Os bancos podiam adotar várias moedas virtuais.
      Se fores a ver as notas e moedas são mais fáceis de copiar do que o bitcoin. Papel, cobre e nickel. fácil. Agora bitcoin? como contrafazes? tentas resolver um problema matemático que durava-te milhões de milhões de anos? Mais tempo que o próprio universo?….

      O ouro tem valor pela sua raridade assim como o bitcoin é valioso pela sua raridade e dificuldade em obter (minar ouro vs complicações matemáticas para ‘minar’ bitcoin).

    • Miguel says:

      Explica-me então o que achas do Euro, Dolar, Iene e de todas as outras moedas fiduciárias…

  6. Rafael Mateus says:

    Então Srº que percebem tanto do assunto, expliquem as vossas razões para afirmar que se trata de um esquema em pirâmide ou ponzi? Primeiro deveriam de se informar e depois abrir a boca.. Daqui a uns anos quando a banca, seguros, impostos, etc. funcionar tudo sobre a tecnologia blockchain quero ver a bolha a rebentar na sua cara!

    • carlos V says:

      Amigo, quando tudo funcionar assim e tudo pagar os devidos impostos e ser à prova de falta de energia elétrica ou à prova de net em baixo, é porque o sistema merece confiança e é para ser utilizado, assim como o ouro continuará a ser. Enquanto isso não ocorre, a moeda é valida apenas para alguns.

      • Luis Borges says:

        Deveria ser assim mas… o sistema financeiro que utilizamos ja ha muitos anos que nao se baseia no ouro. Por isso, podemos ter um banco (ex: citybank) que por cada 1 USD depositado pode emprestar 42 USD.
        E devemos ter sempre em consideracao a “lei da oferta e da procura” que ‘e a base para a valoriacao seja do que for… um USD, um bitcoin, um quadro do picasso.
        So uma nota – pagar impostos so interessa para financiar o estado. ‘E possivel termos um sistema sem impostos e continuar a ser totalmente valido.

        – os meus 2 centimos para a conversa 🙂

  7. piri_vm says:

    Para mim é bem válida, comprei 6 a 166 euros, na altura dei 1000 euros, hoje valem quase 12 vezes mais. Não necessito de vender, pelo que vou aguardar mais um pouco (é um risco), mas não é isso os investimentos?
    Mas sim, eu prefiro o ouro 🙂

    • int3 says:

      o ouro vai descer. estamos a sair da crise economica. mas este sistema é sempre assim. é por altos e baixos. por isso tens que saber quando é que se vende e quando se compra.

      • Miguel says:

        O euro é uma moeda de reserva, só desce de valor caso os restantes sistemas económicos do mundo ganhem valor (ou deixem de imprimir moeda)….

        De grosso modo, o ouro só ganha valor porque as restantes moedas perdem-no.

  8. Kabindas says:

    1 bitCoin vale 2 mil dolares. Não sei se 2 mil dolares valem um bit coin … se é que me faço entender 😉

  9. Emanuel says:

    As moedas reguladas estão muito mais próximas de ser um esquema em pirâmide regulado por governos do que aas bitcoins. Enquanto que as moedas convencionais reguladas pelo estado podem ser impressas como bem lhes apetecer. Veja-se o caso dos EUA e o que na altura do vietnam.
    As Bitcoin’s estão logo a partida com um numero máximo definido não podendo esse ser alterado, agora o que isto implica é a deflação que é má para economia capitalista que vive do seu oposto – a inflação – isto pq como existe um numero certo de moedas e as suas transações vão ficando mais complicadas e como a popularidade também subiu causa um aumento de valor.
    Certamente gostaria de explorar a moedas digitais mas os recursos computacionais que possuo nem para o criptoescudo é suficente mesmo recorrendo a pool’s. Como não tenho, ainda, interessem em comprar limito-me a ler algumas coisas sobre esta matéria bastante interessante, e que sem dúvida num futuro próximo vai ser considarada a “norma” nas transações

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.