PplWare Mobile

Comandos Linux para Totós – Tutorial nº23


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. FNP.PT says:

    Já vai no 23º tutorial? Por quanto me vai ficar este Curso Superior? Não importa, se conseguir completá-lo e ser um Doutor Totó! 🙂

    • Pedro Pinto says:

      Eh eh eh, a maior satisfação é mesmo a partilha de conhecimento. Na semana passada alguém me enviou um e-mail a dizer que estes tutoriais estavam a ser usados numa Universidade, numa disciplina.

      • FNP.PT says:

        Sim, infelizmente existem casos desses. Se souberes qual a Faculdade, tiras a esses mamões a chupeta com facilidade e ainda podes ir buscar algum. Essa do partilhar conhecimentos, tem de partir de nós. Nunca por roubalheira dos outros!

  2. Vitor says:

    Pedro, obrigado pela constante partilha de informação com a comunidade. Aproveito este post par colocar uma duvida/questão sobre a temática. Tenho procurado utilizar o Backtrack como SO base em todo caso gostava de alterar a linguagem para PT_PT em vez de EN mas não consigo. Existe alguma forma simples de o fazer? Obrigado

    • Pedro Pinto says:

      Obrigado Vitor. Vou investigar, neste momento nao tenho o BT instalado aqui na machine

      • Vitor says:

        Eventualmente uma aplicação que o faça. Já tentei diversos comandos mas sem sucesso.
        O Bcktrack como saberás bem melhor que eu, é um Ubunto bastante despido de apps, pelo que se o Ubuntu tem na sua administração a possibilidade de o fazer, no BT também será possível…

        • zeca says:

          O BT não é um Ubuntu despido de apps. É uma distribuição baseada no Ubuntu sim mas com muitas ferramentas de segurança de informação e redes instaladas. O objectivo do backtrack é realizar Penetration Testing aos sistemas e com isso descobrir falhas de segurança. Não te aconselho a utilizar o BT na tua máquina base se não tiveres como objectivo fazer este tipo de acção.

          Se pretendes um Ubuntu despido de aplicações aconselho o Bhodi Linux é super rápido e leve funciona bem em qualquer máquina e é muito personalizavel. No processo de instalação desta distribuição podes escolher instalar PT—PT como a tua linguagem.

          Espero que te tenha ajudado mas se a tua ideia for mesmo instalar o BT em PT-PT diz 🙂

  3. PeterOak says:

    Pelo que percebi… acho que o Exemplo 2 não precisa da “/” e o Exemplo 5 também tem parâmetros a mais (. -type f), ou estarei enganado?

    • Gil says:

      Sim, o exemplo 2, a “/” deveria ser substituída por “.” e no exemplo 5 o -f indica que é um ficheiro regular, portanto, dependendo do objetivo, pode não ser um parâmetro a mais.

  4. José Afonso says:

    Penso que ainda não existe tutorial de como criar links em Unix. De resto muitos parabéns pelos tutoriais que são fantásticos.

  5. Carlos Silva says:

    Não esquecer o -iname 🙂 (case insensitive)

  6. Kaian says:

    Ótimo site, sempre acesso para ficar ligado nas novidades tecnológicas 🙂

  7. Adelino says:

    Onde está find / -type -d -name “PPLWARE”
    penso que a seguir ao type é só “d” o menos está a mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.