PplWare Mobile

Tags: foguetão

Europa lançou apenas três foguetões em 2023, o número mais baixo desde 2009

2023 foi o ano com o maior número de lançamentos espaciais da história, mas a Europa contribuiu apenas com três. A reforma do Ariane 5, os atrasos do Ariane 6 e os problemas com o foguetão Vega contribuíram para um ano péssimo da Agência Espacial Europeia, que vê em 2024 uma oportunidade para dar a volta à situação.


“Nós voamos, partimos coisas e voamos de novo”: Elon Musk confirmou a Starship Version 2

“Nós voamos, partimos coisas e voamos de novo”. Este é o lema que Elon Musk impôs à SpaceX – e a razão pela qual o desenvolvimento da Starship está a ser mais acelerado e explosivo do que o do SLS, o outro foguetão americano envolvido no regresso à Lua. O magnata confirmou a Starship V2.


Foguetão H3 do Japão: Fracasso total… o que se passou?

O programa aeroespacial japonês parece não estar a correr da melhor forma. As tentativas para enviar o foguetão H3 têm sido muitas e o fracasso foi total na sua última tentativa.

Foguetão H3 do Japão: Fracasso total... o que se passou?


NASA: Foguetão lunar resistiu ao furacão e está pronto para 1.º voo de teste

A missão Artemis está já em curso e dela fazem parte vários ensaios até ao dia em que a cápsula Orion aterrará na Lua. Até lá, a NASA terá de enviar a Artemis I, que tem como objetivo chegar a orbitar o nosso satélite natural sem tripulação e regressar. Contudo, o lançamento do SLS, o foguetão que levará a nave Orion para o espaço, tem sofrido vários atrasos. O último deveu-se a um novo furação que passou pela plataforma.

Com uma tempestade que ainda atingiu o foguetão, a equipa queixou-se que não foi avisada antecipadamente de mais este evento meteorológico que atingiu o SLS. Ao que parece está tudo OK com o veículo que está de novo pronto a voar. A data parece já ter sido marcada!

Imagem do SLS da NASA pronto na plataforma para voar até à orbita lunar


Detritos de foguetão chinês vão atingir a Terra este fim de semana. Portugal está em risco

O lixo espacial é um problema real para o nosso planeta. É com frequência que muito dele atravessa a atmosfera do nosso planeta mas acaba por ser destruído nesse momento, acabando por não representar nenhum risco. No caso do foguetão chinês Long March CZ-5B que tem vindo a ser monitorizado o risco é real.

As autoridades já alertaram para um possível risco de queda dos detritos na Terra, este fim de semana, sendo que Portugal está na rota, tal como outros países da Europa.

Detritos de foguetão chinês vão atingir a Terra este fim de semana. Portugal está em risco