Quantcast
PplWare Mobile

Tags: foguetão

Um helicóptero apanhou um foguetão espacial 2.000 metros acima do mar (vídeo)

A conquista espacial está a mudar as tecnologias e os procedimentos que ajudaram o homem há mais de 50 anos a ir à Lua. Atualmente, as empresas que têm os olhos no turismo no espaço e na oportunidade de chegar a outros mundos testam e inovam no que toca aos foguetões que levarão o ser humano e as mercadorias, para lá dos limites da Terra.

O que hoje foi conseguido é um marco na história espacial. Um helicóptero apanhou um foguetão a cerca de 2.000 metros acima do mar.

Imagem foguetão caçado pelo helicóptero


Caiu com estrondo parte do foguetão russo Angara-A5 que entrou na atmosfera

Lançado a 27 de dezembro da estação espacial de Plesetsk, o foguetão russo Angara deveria testar um novo módulo da estrutura, conhecido como o propulsor Persei. Segundo as autoridades russas, o lançamento foi um sucesso. No entanto, um problema técnico fez com que o Angara-A5 perdesse propulsão ficando em órbita baixa.

O resultado foi a queda no Oceano Pacífico, perto da Polinésia Francesa.

Caiu com estrondo parte do foguetão russo Angara-A5 que entrou na atmosfera


Onde será que vai cair? Parte do foguetão russo Angara A5 perdeu o controlo e ruma à Terra

O programa espacial russo aposta muito na família de foguetões Angara, em desenvolvimento há mais de 20 anos. Um novo teste aconteceu no passado dia 27 de dezembro, com o voo do Angara. É precisamente este foguetão que agora se revela um problema.

O Angara 5 falhou e está descontrolado e rumo à Terra. O pior é que não parece ser possível calcular nem quando e nem onde este foguetão vai cair. Há algumas possibilidades já avançadas, mas ainda nenhuma certeza.

Angara A5 Terra foguetão russo


Porsche acaba de se juntar à corrida espacial

Embora a corrida ao espaço pareça um luxo desmedido, na realidade, poderá abrir muitas portas e possibilidades. Aliás, se para já estavam apenas envolvidas agências espaciais e milionários, parece que o leque de intervenientes vai alargar-se e a Porsche será a pioneira.

É verdade… A Porsche acabou de entrar na chamada corrida ao espaço e a sua presença poderá representar uma redução significativa dos custos.

Spectrum da Isar Aerospace


NASA reage à queda do descontrolado foguetão chinês

As empresas, tanto privadas, como públicas, estão numa incessante corrida à exploração do espaço. Contudo, é preciso cautela, porque as missões podem  surpreender pela negativa. Foi o caso do já muito mencionado foguetão chinês sobre o qual o administrador da NASA já exprimiu opinião.

O referido foguetão estava numa queda descontrolada, tendo os seus destroços aterrado perto das Maldivas.

Administrador da NASA