Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Pat Gelsinger

Intel espera ter novamente a Apple como cliente ao produzir chips mais potentes

A Apple já foi uma forte parceira da Intel, no entanto, optou por outros caminhos para os seus chips, o que colocou de parte a fabricante norte-americana.

No entanto, numa recente entrevista, o CEO da Intel, Pat Gelsinger, afirmou que espera ter novamente a marca da maçã como cliente ao produzir novos e mais poderosos processadores.


Intel diz que “a liderança da AMD terminará com os Alder Lake e Sapphire Rapids”

A Intel é um dos ‘dinossauros’ no que respeita a empresas de tecnologia, já andando nestas lides há mais de 50 anos. É líder indiscutível no segmento dos processadores, no entanto tem perdido uma parte de terreno valioso para a rival AMD.

Mas, numa recente entrevista, Pat Gelsinger, CEO da Intel não esteve para meias palavras e referiu que a liderança da AMD terminará com os Alder Lake e Sapphire Rapids.


Intel diz ter melhores produtos que a AMD e vai pressionar ainda mais a Nvidia

A luta pelo melhor lugar e pela escolha do consumidor está ao rubro no segmento hardware. Os produtos estão cada vez mais robustos e, como tal, cada empresa joga com o que tem para conquistar o mercado.

Agora, numa recente entrevista, o CEO da Intel Pat Gelsinger revelou ter melhores produtos do que a AMD e que irão aumentar a pressão feita à Nvidia.


Evento Intel Accelerated realiza-se a 26 de julho e será apresentado pelo CEO

A Intel é das marcas tecnológicas mais antigas e reconhecidas em todo o mundo. E mesmo com uma concorrência cada vez mais feroz, a fabricante norte-americana não se deixa intimidar e mantém o foco no seu trabalho para trazer aos consumidores os melhores e mais inovadores equipamentos.

Sabemos agora que o evento Intel Accelerated vai acontecer no próximo dia 26 de julho. A apresentação ficará a cargo do CEO Pat Gelsinger e esta será a oportunidade de conhecermos melhor a nova estratégia IDM 2.0 e o roadmap da empresa.


CEO da Intel diz que a falta de chips ainda vai durar “alguns anos”

A escassez de componentes tem tido consequências em diversos setores. Desde o automóvel, das placas gráficas, dos smartphones, computadores, eletrodomésticos, entre outros. Todos à sua maneira estão a sentir este problema.

E se, por um lado, há quem esteja confiante de que esta situação ficará resolvida em breve, para o CEO da Intel a escassez de chips ainda vai durar “alguns anos”.