Quantcast
PplWare Mobile

Tags: hidrogénio

Supercarro a hidrogénio XP-1 da Hyperion é capaz de chegar aos 355 km/h (vídeo)

Estamos na fase de perceber para onde caminha o futuro. Serão os 100% elétricos a solução? Híbridos? E onde cabe nesta equação o tão mal amado hidrogénio? Pois bem, a proposta que mostramos hoje é um bólide cuja marca afirma ter uma autonomia para 1.600 quilómetros, que tem uma velocidade máxima perto dos 355 km/h e que leva apenas cinco minutos para reabastecer totalmente. A start-up californiana Hyperion apresentou agora o seu prometido supercarro XP-1.

Estamos de facto perante uma bomba, no sentido figurado da palavra, claro!

Imagem do carro a hidrogénio XP-1 da Hyperion


Microsoft está a testar células de combustível de hidrogénio para geradores de reserva

Correspondendo à necessidade de ação imediata exigida pelo próprio planeta, e indo ao encontro daquilo que várias outras empresas já fizeram, como a Apple, a Microsoft estabeleceu um objetivo ambiental para a sua empresa também.

Até 2030, a Microsoft irá trabalhar em direção à neutralidade carbónica, abolindo o uso de combustíveis fósseis da empresa.

Microsoft está a testar células de combustível de hidrogénio para geradores de reserva


Startup israelita cria carro voador parecido com DeLorean do “Regresso ao Futuro”

O segmento do mundo automóvel tem sofrido muitas mudanças ao longo dos anos. Se o moderno agora é ser elétrico e autónomo, o futuro próximo poderá requisitar outra faceta pouco explorada: os carros voadores.

Pode o leitor achar que é estranho e apenas uma ideia que deve ficar na ficção e não na realidade. No entanto, uma startup em Israel encontra-se a desenvolver um automóvel voador movido a hidrogénio. Curiosamente, o carro tem muitas parecenças com o DeLorean, do filme “Regresso ao Futuro”.

Carro Voador da Urban Aeronautics


Nikola Badger: A pick-up elétrica a hidrogénio que oferece quase 1000 km de autonomia

O mercado das pick-ups nos Estados Unidos será muito forte nas próximas décadas. Conforme temos visto, são várias as marcas a desenvolver veículos elétricos para este segmento. A Tesla, Ford e GM são exemplos de empresas que estão a apostar forte neste tipo de veículo. No entanto, a Nikola, que sem lançar qualquer veículo, tem marcado o mundo automóvel, promete agora uma pick-up elétrica de hidrogénio com cerca de 1000 km de autonomia.

Trevor Milton, CEO da Nikola Motors, anunciou que a Nikola Badger, uma pick-up elétrica, com um sistema de pilhas de hidrogénio, estará disponível em breve.

Imagem da Nikola Badger: A pick-up elétrica de hidrogénio


Drone com célula de combustível bate recorde ao voar continuamente durante 331 minutos

Um dos calcanhares de Aquiles dos drones é a sua autonomia. Caso contrário, o mercado destes objetos voadores seria substancialmente maior. Contudo, um projeto colocou num drone uma célula de hidrogénio e permitiu à aeronave estabelecer um novo recorde mundial, voando ininterruptamente durante 331 minutos.

O recorde de mais de 5 horas permanentes em voo poderá abrir uma nova linha de ação para estas pequenas máquinas voadoras.

Imagem drone a célula de combustível a hidrogénio