Quantcast
PplWare Mobile

Tags: general motors

General Motors não espera que os carros elétricos dominem o mercado até 2040

A penetração dos carros elétricos nas vendas de automóveis poderá não ser assim tão forte que os façam dominar este mercado nos próximo 20 anos. Pelo menos essa é a convicção de Mary Barra, CEO da General Motors. Em mercados como o americano, os veículos de combustão não irão desaparecer tão rápido e as marcas também não fazem grande questão.

Os elétricos, se não houver uma força conjunta, podem mesmo ter grande dificuldade em impor-se. Há mercados que são fundamentais nesta equação.

Imagem de uma proposta da General Motors para o segmento dos carros elétricos


Sabia que já há um carro elétrico com quatro lugares e que custa apenas 3750 euros?

Por várias vezes dissemos que num futuro próximo, a experiência de comprar um carro elétrico será muito parecida ao que temos hoje quando compramos um smartphone. Os preços e as mecânicas deste segmento não são complexas e a grande oferta obrigará o mercado a adaptar-se. Assim, poderá já não surpreender que um automóvel elétrico de 4 lugares possa estar à venda por cerca de 3750 euros.

O Wuling Hongguang MINI está à venda na China e poderá ser um rastilho para mudar certos conceitos ainda enraizados noutros continentes.

Imagem do carro elétrico Wuling Hongguang MINI já à venda na China


Trump “obriga” a General Motors a produzir ventiladores mecânicos

O cenário criado pelo Coronavírus está a deixar marcas profundas em todo o Mundo, e as atenções estão agora voltadas também para os EUA. Então, Donald Trump decidiu invocar uma lei que obriga a General Motors a fabricar ventiladores mecânicos.

Desta forma, a fabricante de automóveis, juntamente com outras empresas, unem-se para a criação deste equipamento médico tão precioso neste momento.


Cruise Origin: o carro autónomo e elétrico da General Motors para boleias na cidade

O mundo dos carros elétricos está a evoluir a olhos vistos. No entanto, não era esperado ver um carro totalmente autónomo a ser apresentado. O Cruise Origin da General Motors é um passo nesse sentido, desenvolvido para um serviço de transporte urbano “tipo boleia”.

O veículo conta com a parceria da Honda no seu desenvolvimento, tendo uma plataforma nova e um rigor na produção para ser bastante durável.

Cruise Origin: o carro autónomo e elétrico da General Motors para boleias na cidade


Michelin e General Motors estão a criar o pneu do futuro que não precisa de ar

O mundo automóvel está a atravessar uma grande evolução e revolução. São muitas as novas tecnologias que têm surgido e que cada vez mais são uma realidade.

Se o que tem sido visto se concentra nos motores e nos combustíveis, há mais áreas a serem preparadas. Michelin e General Motors trabalham para criar um pneu que não precisa de ar.

pneu Michelin General Motors Uptis ar