Quantcast
PplWare Mobile

Tags: cometa

Chicxulub: Harvard tem nova teoria sobre o que provocou o extermínio dos dinossauros

A cratera de Chicxulub, nome pelo qual ficou conhecida, foi obra de um asteroide ou cometa que atingiu a costa do México, há mais de 66 milhões de anos. Como sabemos, o seu impacto foi absolutamente devastador, provocando a extinção em massa dos dinossauros, bem como o fim de três quartos das espécies vegetais e animais que viviam então na Terra.

No ar, ficou sempre a incógnita quanto à origem do asteroide ou cometa e a forma como atingiu a Terra. Até agora… uma vez que uma equipa de investigadores de Harvard acredita ter a resposta.

dinossauros


Professor acredita que fomos presenteados com lixo alienígena em 2017

Muito nos questionamos sobre a existência de vida além do planeta Terra. Aliás, sendo o Espaço infindavelmente desconhecido, é muito provável que existam outras formas de vida por lá. Além disso, questionamo-nos também sobre a forma como ficaremos, eventualmente, a conhecê-las, como chegarão até nós.

Apesar de a imagem que esperamos ser de um grande OVNI a sobrevoar uma qualquer civilização, há um professor de Harvard que acredita que essas provas chegarão em forma de lixo alienígena.

Oumuamua


Borisov, segundo viajante interestelar partiu-se em dois e veio para “morrer”

Oumuamua e Borisov são os dois únicos objetos interestelares que foram “avistados” a passar pelo Sistema Solar. O primeiro foi descoberto a 19 de outubro de 2017. Na altura, este enigmático asteroide foi mesmo alvo de especulação quando foi referido por alguns investigadores poder tratar-se de uma nave alienígena encalhada. Posteriormente, a 30 de agosto de 2019, um astrónomo amador, Gennady Borisov, descobria aquele que era o segundo viajante vindo de muito longe.

Agora, os astrónomos estão quase certos de que o 2I/Borisov é um cometa e que se parece bastante com os cometas que temos no “nosso bairro cósmico”. No entanto, o corpo acaba de proporcionar uma surpresa: começou a dividir-se em dois. Como já foi previsto, é provável que tenha chegado até aqui para “morrer”.

Imagem cometa Borisov


Astrónomos revelam imagens de cometa 14 vezes maior que a Terra no nosso Sistema Solar

Astrónomos da Universidade Yale, nos Estados Unidos, captaram uma impressionante imagem de primeiro plano do cometa interestelar 2I/Borisov. A foto foi tirada em 24 de novembro, utilizando um espectrómetro do Observatório WM Keck, localizado no Havai. Este gigante corpo celeste e a sua cauda é 14 vezes maior que a Terra e vem de fora do nosso sistema solar.

Conforme estarão lembrados, este é o segundo objeto interestelar a entrar no nosso sistema solar depois do Oumuamua em 2017.

Imagem do cometa interestelar 2I/Borisov.


Astrónomos intrigados com estranho asteroide que muda de cor e age como um cometa

Segundo o comunicado do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), foi captado um asteroide estranho. De acordo com os astrónomos, este corpo celeste muda de cor do vermelho para azul no espectro próximo ao infravermelho.

Este astro tem uma órbita entre Marte e Júpiter e a sua condição está a deixar os astrónomos intrigados.

Imagem do asteroide que o MIT refere ser parecido com um cometa