Quantcast
PplWare Mobile

Tags: chips

TSMC vai aumentar a sua capacidade de produção de chips de 5 nm

TSMC é o nome que mais se destaca quando falamos em chips ou semicondutores. A gigante taiwanesa é a uma das maiores fabricantes destes componentes, sendo a responsável pelo fabrico dos chips que dão origem aos equipamentos mais procurados atualmente no mercado.

Contudo, estamos a atravessar uma crise no que respeita à escassez de chips. Nesse sentido, a TSMC anunciou que vai aumentar a sua capacidade de produção de wafers para 5 nm já durante este trimestre.


MediaTek poderá ser a primeira empresa a lançar chips de 4nm

A indústria dos chips está cada vez mais evoluída no que respeita ao seu processo de fabrico. E numa altura em que a litografia de 5nm é atualmente a mais avançada já no mercado, também se começa a falar cada vez mais nos processos de 3nm e até de 2nm.

No entanto, as últimas notícias revelam que a taiwanesa MediaTek será a primeira empresa a lançar chips de 4 nanómetros.


TSMC já começa a desenvolver o seu processo de fabrico de 2 nanómetros

Quando o mundo está ainda a habituar-se aos chips com a litografia de 5 nanómetros, muito já se fala no processo de fabrico de 3 nanómetros.

No entanto, segundo as últimas notícias, a gigante taiwanesa TSMC já começou mesmo a preparar o desenvolvimento do processo de fabrico de 2 nanómetros. Estima-se que as primeiras unidades de produção desta litografia surjam em 2023.


EUA querem proibir a China de aceder à litografia Ultra Violeta Extrema (EUV)

Os conflitos entre os EUA e a China não parecem ter fim à vista. Recentemente o país de Joe Biden adicionou à lista negra mais 7 entidades chinesas de supercomputação.

No entanto, segundo as últimas informações, os Estados Unidos querem mesmo proibir a China de aceder às litografias EUV e ao software EDA.


Netac quer trazer memórias DDR5 com velocidades até 10.000 MHz

O segmento hardware está cada vez mais aprimorado através da implementação das novas tecnologias de ponta nos processos de fabrico. No que respeita a memórias também estes componentes chegam cada vez mais robustos e avançados.

Agora, a fabricante chinesa Netac Technology pretende trazer memórias DDR5 com espantosas velocidades de até 10.000 MHz.