Quantcast
PplWare Mobile

Tags: streaming

Há 400 novos jogos em desenvolvimento para o Google Stadia

O Google Stadia é um serviço de streaming de jogos da empresa da Califórnia, que chegou aos utilizadores em novembro do ano passado. A plataforma tem tido um crescimento evidente, mas parece que há várias surpresas e novidades preparadas para os consumidores.

De acordo com Jack Buser, diretor de jogos do Google Stadia, estão a ser desenvolvidos 400 novos títulos para a plataforma.


Yubo é a rede social com 40 milhões de utilizadores da qual nunca ouviu falar

O nome Yubo diz-lhe alguma coisa? Muito provavelmente não. Mas e então se eu lhe disser que se trata de uma rede social já com 40 milhões de utilizadores?

Pois bem, esta nova plataforma poderá ser a grande próxima rede social muito em breve. E recentemente conseguiu angariar 47,5 milhões de dólares.


Disney+ ultrapassa os 73 milhões de assinantes e aproxima-se da Netflix

Faz um ano que foi lançado o tão aclamado serviço de streaming Disney+. A plataforma é assim uma alternativa a outras do género que, atualmente, são mais utilizadas, como a Netflix ou a Amazon Prime.

No entanto a distância entre a Disney+ e os serviços mais populares é cada vez mais curto. E a plataforma revelou agora que superou todas as expetativas ao conseguir já ultrapassar os 73 milhões de assinantes.


Futebolista brasileiro Neymar foi banido da plataforma Twitch

O Twitch é uma popular plataforma de streaming mais direcionada para o mundo dos jogos. O serviço conta já com mais de 55 milhões de utilizadores mensais ativos, sendo um dos mais usados em todos o mundo.

Mas recentemente um importante jogador de futebol foi banido da plataforma. A ‘vítima’ foi nada mais nada menos do que o futebolista brasileiro Neymar, e o motivo parece ser bastante válido.


David Ellefson da banda Megadeth disse que “Steve Jobs salvou o negócio da música”

Atualmente o negócio da música vive tempos auspiciosos. Depois de um período complicado, com a pirataria a ameaçar o futuro da música e dos músicos, o modelo de pagar para ouvir por streaming, veio dar continuidade a um outro negócio começado décadas antes. No passado, com os dispositivos MP3, muito mais massificados os iPod da Apple, a música evolui da sua forma de chegar às pessoas e de ser consumida. Como tal, David Ellefson, baixista e compositor da banca americana Megadeth, disse que “Steve Jobs salvou o negócio da música”.

O iTunes foi o modelo de negócio concebido pela Apple para vender música para dar mais utilidade ao iPod. Nascia um novo e próspero mercado.

Imagem Steve Jons com o iPod que salvou a música