PplWare Mobile

Tags: Ryzen

Atualização do Windows 10 trouxe melhor desempenho aos processadores AMD

A atualização de maio do Windows 10 trouxe certamente muitas novidades. A grande maioria delas é bem visível e pode ser já usada por todos. Claro que existem algumas que não são estéticas e residem no núcleo do Windows.

Uma delas foi anunciada agora e foca-se nos processadores da AMD. Estes passam a ter melhor desempenho e o Windows 10 tira ainda mais proveito do que podem oferecer.

AMD Ryzen atualização Windows 10 Microsoft


AMD apresenta os novos processadores Ryzen 3000 e gráficas RX 5700

A AMD deu hoje (27) a conhecer os processadores Ryzen 3000, bem como as gráficas RX 5700 de nova geração. Já, por outro lado, as Team Red e as gráficas Navi chegarão mais tarde, em julho. Nesta mesma apresentação ficamos a conhecer a tecnologia que servirá de base à PS5 da Sony.

As novidades chegam-nos da Computex 2019 pela mão de Lisa Su, CEO da AMD.

processadores AMD Ryzen Sony PS5


Vega e EPYC (Ryzen) a 7 nm: Chips já estão a ser enviados para os parceiros

Esta semana foi de grandes novidades na casa AMD. A empresa já começou a distribuir as placas gráficas baseadas na GPU Vega de 7 nm.

O chip gráfico – alegadamente Vega 20 – foi apresentado pela CEO da AMD, Lisa Su, esta semana na feira Computex.

Imagem chip EPYC (Ryzen) de 7 nm


AMD anuncia Ryzen Threadripper 2000: até 32 núcleos e 12 nm

A Intel anunciou que iria lançar no quarto trimestre de 2018, um monstro de 28 núcleos para desktop. Este deve surgir como o Core i9.

Ainda há poucos dias, perguntamo-nos se o fabricante de chips não estava a reagir prematuramente a um possível AMD de 32 núcleos que foi exatamente o que a AMD confirmou ontem na Computex: A família Ryzen Threadripper 2000 será liderada por um kernel de 64 Threads com 32 núcleos a partir do terceiro trimestre.

 


Ryzen 2700X poderá trazer aumento significativo em MHz e no IPC

O mercados dos CPUs está ao rubro, depois de ter passado por um dos seus maiores escândalos. A AMD surge forte com a sua linha Ryzen e há indícios que a empresa está de novo prestes a fazer mexer “o relógio”.

O sucessor do Ryzen 1700X, com a suposta designação 2700X será, supostamente, muito mais rápido. São cerca de 300 MHz a mais, o que eleva o CPU para perto dos 4 GHz. Tenha em mente que se trata de um CPU com oito núcleos.

Poderá estar a chegar o novo Ryzen 2700X