Quantcast
PplWare Mobile

Tags: nasa

NASA e FAA criam software para aeroportos mais sustentáveis

A descolagem e a aterragem de aviões são apenas uma pequena parte de um voo, mas são responsáveis por um quarto das suas emissões, de acordo com a NASA. Inclusive, as paragens desnecessárias de aviões durante esse processo aumentam a utilização de combustível. Não seria melhor para todos, incluindo os passageiros, se os aviões saíssem e entrassem sem problemas nos aeroportos? Pois bem, nada melhor que a tecnologia para salvar este cenário.

Por isso, a NASA e a Administração Federal de Aviação (em inglês: Federal Aviation Administration – FAA) criaram um software responsável por controlar o tráfego nos aeroportos.

NASA e FAA criam software inovador para aeroportos mais sustentáveis


O que aprendeu o rover Perseverance com a recolha de duas pedras de Marte?

O rover Perseverance superou-se esta semana, ao recolher não uma, mas duas amostras de rocha marciana para análise. Agora, os cientistas da NASA revelaram que estas amostras podem dizer-nos muito sobre a história de Marte e a presença de água no planeta.

O robô da NASA inicialmente teve problemas com a perfuração. Contudo, depois conseguiu por duas vezes furar rocha num local onde se julga ter havido água há muitos milhões de anos.

Imagem do solo e das rochas de marte e do rover Perseverance da NASA


NASA já está a testar “taxis voadores” da Joby! Saiba qual o objetivo

NASA a testar “taxis voadores”? Falar em táxis voadores parece uma ideia futurista. No entanto, são já várias as empresas que se têm dedicado à investigação e desenvolvimento deste meio de transporte.

A NASA iniciou testes de voo na segunda-feira com a aeronave totalmente elétrica de descolagem e pouso vertical (eVTOL) da Joby. Saiba qual o objetivo.

NASA já está a testar "taxis voadores" da Joby


SpaceX lança formigas, abacates, gelados e um braço robô para o espaço

Uma remessa de formigas, abacates e um braço robótico de tamanho humano da SpaceX seguiram hoje em direção à Estação Espacial Internacional.

A entrega será feita já segunda-feira na 23ª missão de carga da empresa privada.


A Via Láctea tem um dos seus braços “partido”

Os cientistas detetaram uma característica até agora desconhecida da nossa Galáxia, a Via Láctea. Segundo os investigadores, há um contingente de estrelas jovens e nuvens de gás, formadoras de estrelas, que está a “sair” de um dos braços espirais da Via Láctea como uma lasca a sair de uma tábua de madeira.

Esta extensão, que está a cerca de 3000 anos-luz, é a primeira grande estrutura identificada com uma orientação diferente. Como se fosse um braço “partido”.

Ilustração da galáxia Via Láctea