PplWare Mobile

Tags: Boeing

Inacreditável: Avião Boeing 737 MAX 9 perde porta em pleno voo

Não é muito comum que existem problemas com os componentes de um avião em pleno voo. No entanto, há um ou outro modelo problemático como é o caso do Boeing 737 MAX 9. Recentemente, um Boeing 737 MAX 9 da Alaska Airlines perdeu uma porta em pleno voo.

Inacreditável: Avião Boeing 737 MAX 9 perde porta em pleno voo


China quer acabar com o duopólio da Boeing e Airbus e atribui ao C919 a primeira certificação

A aviação comercial no planeta está maioritariamente nas mãos da empresa gigante americana Boeing e no consórcio europeu Airbus. Contudo, após 14 anos de desenvolvimento, o Comac C919, o primeiro avião de passageiros da China, passou um dos últimos testes regulamentares necessários para começar a voar. Este é um avanço fulcral para os planos do gigante asiático, que procura “deixar de ser a fábrica do mundo” para se tornar um ator importante nas indústrias de alta tecnologia.

Segundo dados do início deste ano, a Airbus conseguiu pelo terceiro ano consecutivo ser a empresa que mais aviões vendeu, ao superar a sua concorrente Boeing. Será que a China vai travar estas duas gigantes dos céus?

Imagem do avião comercial da China, o Comac C919


Astronautas da estação espacial foram visitar a cápsula Starliner da Boeing

A Boeing seguiu-se à SpaceX na colocação de uma cápsula atracada à Estação Espacial Internacional. No passado sábado, pela primeira vez, esta nave conseguiu sair da Terra e chegar ao espaço, completando para já metade da missão. A outra metade será sair da ISS e chegar, operacional, à Terra. O voo da Starliner foi sem tripulação, mas os astronautas da ISS fizeram uma visita guiada para nos mostrar como é a nave por dentro.

A cápsula tem um diâmetro de 4,56 metros que é ligeiramente maior que o módulo de comando Apollo e SpaceX Dragon 2, e menor que a cápsula Orion.

Imagem da nave Starliner da Boeing atracada na Estação Espacial Internacional. Foto NASA


Cápsula Starliner da Boeing chegou à Estação Espacial Internacional

A nave Starliner, da Boeing, acoplou pela primeira vez à Estação Espacial Internacional nesta sexta-feira (madrugada de sábado em Portugal). Conforme muito se falou, esta missão não tripulada era um importante teste para a empresa, que tem a ambição de competir com a SpaceX, de Elon Musk. Assim, neste sábado de madrugada, pouco mais de 25 horas depois do lançamento, a cápsula chegou à Estação Espacial Internacional (ISS).

A Starline permanecerá ligada à ISS durante quatro ou cinco dias. Depois, tal como está planeado, a cápsula fará a viagem de regresso à Terra e pousará no Novo México.

Ilustração da cápsula Starliner da Boeing


Boeing investe $450 milhões numa empresa de táxis aéreos

Esta não é a primeira vez que ouvimos falar em táxis aéreos. Contudo, desta vez, a conversa envolve a Boeing, um investimento de 450 milhões de dólares numa startup e uma tecnologia orientada para a aviação elétrica e autónoma.

Segundo a McKinsey, os táxis aéreos poderão vir a operar cerca de 20.000 voos diários.

Boeing