PplWare Mobile

COVID-19: Cibercriminosos estão a prejudicar gravemente ação dos hospitais e OMS


Autor: Vítor M.


  1. Jota says:

    … os amigos do Rui Pinto! Ainda há pessoas que queriam que ele fosse libertado! Essas pessoas deviam era estar lá dentro também!

  2. Miguel says:

    Mas que estupidez…

  3. ze says:

    Com sorte param os hospitais a 100% e mandamos toda a gente para a rua para obter imunidade por grupo, que é a única forma de combater uma pandemia como a história nos ensinou no passado.

    • ItsMeMickey says:

      Esse é um pensamento muito Darwinista! A sobrevivência do mais forte né?!
      Espero que não fumes ou tenhas complicações que possam ser agravadas pelo COVID-19.

    • Moisés says:

      Essa teoria é muito fixe e tal mas não encaixa com os morais da atualidade. Por exemplo, estás disposto a morrer, sim TU, morrer por pessoas que não conheces de lado nenhum?

      • ze says:

        Não é apenas teoria, este virus voltará no final do ano e todos os anos de forma consecutiva como um virus da gripe, se não obtivermos imunidade de grupo o episodio irá repetir-se.

        • Mestre em direito says:

          É fácil, podes ser o primeiro a dar o passo; e dizes isso porque teoria tens muita e decerto nem 20 anos tens, logo garganta porque a ti te afetaria pouco. Agora se tivesses 70 queria ver essa garganta.. até fechava as janelas lol

    • Nuno V says:

      Tendo em conta que existem múltiplos casos de pessoas que após terem recuperado do covid-19,foram novamente infectadas pelo vírus uma segunda vez, o teu comentário é tresanda a ignorância. Para não falar que é de crueldade extrema, pois estarias a condenar milhões de pessoas à morte.

      • Carlos Fernandes says:

        boa tarde
        podes indicar me a fonte, sff para um trabalho

      • ze says:

        Precisamente por existirem já 3 estirpes conhecidas e algumas pessoas serem infetadas por outras, demonstra que o virus voltará vezes e vezes sem conta.
        Ignorância é de quem não sabe do assunto e acha que efetivamente se vai dominar um virus que muta 2 vezes a cada mês que passa.

        • Nuno V says:

          Não existe qualquer evidência que demonstre que exista duas ou mais estirpes do sars-cov-2. De momento apenas existe esta estirpe.

          Falas de ignorância quando não sabes nada sobre algo. E dá para ver a tua ignorância quando colocas afirmações que são falsas.

          • Nuno V says:

            Como por exemplo, tu disseste que o vírus sofre duas mutações por mês. Tal é ridículo, os vírus cada vez que se replicam sofrem mutações, não apenas duas vezes por mês.

            O que te referiste das duas estirpes, são duas variantes do vírus, no entanto estas são basicamente idênticas, sendo consideradas a mesma estirpe. Isso não quer dizer que não vai aparecer uma nova estirpe, aliás, o que tu propões até acelera a hipótese de tal acontecer.

          • ze says:

            Vai dizer isso aos Italianos e à estirpe que lhes calhou na rifa..

          • Nuno V says:

            A estirpe que calhou aos italianos foi a mesma que calhou aos chineses, aos portugueses,… A tua ignorância é gritante. A razão pela qual a mortalidade na Itália é mais alta que na China está ligada à capacidade de resposta do SNS italiano. Esta vai ser a razão, que em caso de o vírus chegar em força aos países mais pobres de África, a taxa de mortalidade vai ultrapassar a da Itália, não porque tiveram uma estirpe mais agressiva.

        • PTO says:

          Isso que disseste pura e simplesmente não é verdade.

    • Covid2020 says:

      Olá Zé,
      Reparei no teu comentário profundamente errado. Na verdade a pandemia que certamente te referes chama-se gripe espanhola (mas que começou nos EUA). Esta pandemia foi provocada pelo primeiro surto de H1N1. O resultado foram entre 50 a 100 Milhoes de mortes e o surto não foi contido pela imunidade de grupo, mas porque simplesmente o hospedeiro morria antes de contagiar o próximo. Em 2009 ocorreu um surto de N1H1 – gripeA e era imperativo que as pessoas infectadas tomassem medicação própria, caso contrário a história se repeteria. Por isso pensa bem se queres experimentar a imunidade de grupo. Boa saude.

      • ze says:

        Não, refiro-me a outras como pestes negras, pestes bubónicas e até mesmo tuberculose.
        Nos dias que correm essas pandemias ainda têm surtos, tal como H1N1 e H5N1, simplesmente como no 1º mundo já atingimos imunidade de grupo não tem grande impacto e raramente são faladas, mas basta pesquisares.

        • Nuno V says:

          O quê que a peste bubónica, peste negra e a tuberculose têm em comum? Nenhuma destas foi causada por um vírus, mas sim por bactérias. E não queiras apanhar nenhuma destas bactérias, porque continuamos a não ser imunes a estas e continuam a morrer todos anos pessoas devido a estas.

          Já agora consegues fundamentar o que dizes com algum estudo?

        • PTO says:

          És mesmo ignorante, nem sequer sabes a diferença entre um vírus e uma bactéria. Nem sequer sabes que a “peste negra” e a peste bubônica são exatamente a mesma doença. Além disso essas doenças não se propagam porque podem ser tratadas com antibióticos uma vez que são causadas por uma bactéria. E como obviamente não sabes, aproveito para te ensinar que os antibióticos são tão eficazes a combater vírus como é eficaz lavar os pés para curar uma enxaqueca. Informa-te primeiro antes de vires para aqui mandar postas de pescada que só demonstram o quão ignorante és neste assunto.

    • RM says:

      Isso seria à custa de muitas vidas!
      É melhor deixar essa opção para o fim da lista.

      • ze says:

        É o ciclo natural da vida.
        Tenho familiares idosos, alguns em lares, mas não há nada que possamos fazer, estamos a poupá-los agora para lhes dar uma hipotesse mais à frente com sistemas de saúde menos lotados, só isso.

        • Nuno V says:

          Quando tiveres uma doença qualquer, principalmente uma que coloque em risco a tua vida, faz um favor à humanidade e não procures ajuda profissional. Afinal de contas, é o ciclo natural da vida.

          • ze says:

            Tenho testamento vital que dita precisamente isso.

            Maioria das pessoas não consegue reconhecer a realidade mesmo que ela lhes morda.

          • Nuno V says:

            E que realidade é essa? Que a medicina funciona, que conseguimos elevar a esperança de vida para valores nunca antes vistos na nossa história.

            Acho que fazes muito bem em negar a medicina moderna a ti próprio, quanto mais rápido nos virmos livre de pessoas como tu, melhor.

    • PTO says:

      Que imbecilidade!

  4. eu says:

    Até nesta altura fazem isto !
    Era serem apanhados e espetarem com 1 pau no cú como faziam nos tempos da tortura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.