PplWare Mobile

Xiaomi põe à venda uma lâmpada para eliminar o Coronavírus


Autor: Marisa Pinto


  1. bink says:

    que grande lol …esta xiaomi se não fosse governamental deveria ser severamente sancionada

      • Tiago says:

        Então é vocês acreditarem em tudo o que lêem.
        Eu também posso dizer que as laranjas que eu vendo foram adubadas com um herbicida que torna quem a consumir imune a qualquer vírus do subtipo H1N1.
        E assim se vende bem…
        À custa de boa publicidade o o Matthias Schmelz ficou milionario a vender aspiradores Rainbow que faz exatamente a mesma função que um aspirador comum.

        • Marisa Pinto says:

          Acho que a vida ainda tem muita coisa para te ensinar 🙂

        • Abstractedge says:

          Gostava de saber que aspirador comum é que tu tens e que oferece TODAS as mesmas possibilidades e resultados que um Rainbow oferece neste momento. E antes que fales, tenho 2 na família, um deles é quase tão velho como eu, tem 20 anos e ainda tenho contato com as novas gerações! É o dar à língua de pessoas como tu que às vezes encontro comentários sem qq tipo de valor, como é o teu caso, sem saber o que falam e depois a moderação deixa estes comentários passarem. E si, o meu também não vai para melhor caminho 😉

          Esclarece-me tu, agricultor da sabedoria, pq é que as lâmpadas não funcionam e não venhas para aqui espalhar ódio e dor de cotovelo. Não aprendi nada com o teu comentário e já que perdi tempo a ler e a instruir-te a seres melhor pessoa, se sabes que isto é um golpe de publicidade, explica o pq, não dês exemplos distintos que nem sequer são verdadeiros. Ficaria imensamente agradecido.

          • Miguel Sousa says:

            Explicação simples: precisas de 4 para uma área de 10m2. O consumo energético ultrapassa os 500 euros anuais, se forem colocadas num T2. Além disso, a luz só funciona nas superfícies em linha de alcance. Por exemplo debaixo daquela mesa, podem estar 400000000 milhões de vírus que NENHUM será atingido, mesmo que a luz lá esteja 24 horas ligada.
            E que tal ires aprender porque é que as desinfeções são feitas com equipamentos portáteis? É que um fixo tem um raio de alcance inferior a 2 metros. Como é uma onda de luz, qualquer superfície provoca uma redução de 93 a 100%. Assim, se o vírus estiver em cima da mesa, sim a luz irá exterminar, se estiver por baixo da mesa ou nos rebordos, só gasta electricidade.

          • Alguem says:

            @Miguel Sousa
            E a luz ultravioleta não reflete no chão como a luz visível?

        • Rodrigo Dias says:

          Caso não saiba, não é nada de novo.
          Usam-se há anos, para esterilizar material, hospitais, em aquariofilia…
          E sim, funciona.

        • Rodrigo says:

          Acho melhor voltares para a escola terminares a primária. Tanta asneira numa única publicação.

        • Madalena says:

          E de conhecimento científico que a luz ultravioleta combate centenas de virus há anos.. muitos laboratórios tem zonas com estas lâmpadas onde os trabalhadores passam por elas depois de expostos a trabalhar com vírus. Aliás esta luz é o pior inimigo dos vírus. Leia um pouco antes de comentar..

    • Diogo says:

      what? tu leste a noticia ao menos ? é de conhecimento geral que as luz ultravioleta mata bacterias e virus que é basicamente o que isto faz claro que tem a desvantagem de as pessoas tambem nao puderem estar por perto é que ligar isto e sair de asa em 10 segundos nao é la muito util ahah

      Enfim estas pessoas que nem seuqer lêm as noticias e só vêm fazer figurinhas para os comentarios

      • KodiakShadows says:

        Sim é por isso que nos hospitais, (Escócia ) foram os unicos onde entrei , nas casas de banho tem instalado esse tipo de luz

      • Miguel Sousa says:

        Há é um pequeníssimo problema: precisas de ter 4 delas para 10m2. O consumo energético é F, portanto, a 30 minutos, por dia, são mais de 73 euros anualmente. Vais gastar 73 por cada divisão da casa que tenhas?
        Mesmo assim, naquelas ondas, por exemplo, o H1N1 consegue-se reproduzir ao triplo da velocidade do ambiente normal. Já sem falar que ter 4 lâmpadas acesas irá aumentar a temperatura em 3 a 4 graus naquela divisão, outra forma para alguns dos vírus serem atingidos, reduzir a quantidade… aumentando, exponencialmente, poucos minutos após a luz ser apagada.
        É por isso que mal são usadas em locais públicos. Só mesmo em situações extremas e sobre evacuações gerais é que são usadas lâmpadas que chegam a ser 5000 vezes mais fortes que esta.

      • Miguel Sousa says:

        Também devia ser do conhecimento geral que uma onda luminosa só funciona num pequeno raio de vista.
        Uma lâmpada daquelas gasta o mesmo que gasta um fogão eléctrico. Também devias saber estas coisas, antes de fazeres figurinhas…
        Se soubesses o mínimo, olhavas para ali e facilmente, vias 10 locais, em cada imagem, onde a luz não teria qualquer utilidade. Curioso terem colocado toalhas ao lado dela, pois TUDO o que esteja no meio das toalhas, fica lá. Só a parte que está virada para a luz ficaria desinfestada.
        Se quiseres aprender, procura informações sobre aquelas ondas luminosas, referidas no artigo.

    • Desconhecido says:

      Um vírus criado pela própria humanidade,assim como os cientistas criaram crianças geneticamente modificadas e dá uma pena de 3 anos e depois tá solto e ninguém presta a atenção nisso

  2. HRQ says:

    Sair de casa depois de ligar a lâmpada => apanhar o vírus na rua

  3. Avelino Goncalves says:

    Verdade, mas não olhem para a luz, directamente e sem oculos de UV!

  4. Jota says:

    Com mil macacos!!! 🙂

  5. Sandro says:

    E pronto. já cá faltava, os abutres, a quererem ganhar milhões com as tragédias Humanas. Mundo cão

  6. Carlos says:

    Os vidros não sobrevivem muitos dias fora do corpo, ex. o vírus da gripe pode ir até aos 2 dias, em casos extremos 6 dias, segundo alguns especialistas.

  7. Carlos says:

    Vidros- vírus

  8. George Orwell says:

    A denominada gripe espanhola ou pneumónica, uma pandemia do vírus influenza A do subtipo H1N1 ocorrida em 1918, até hoje a pandemia mais letal da história da humanidade, vitimou mais de 50 milhões de pessoas pelo mundo entre as quais muitos portugueses, segundo as estimativas mais trágicas terá dizimado 5% da população mundial de então, sendo em Portugal as vítimas mais conhecidas os irmãos Jacinta e Francisco Marto, dois dos três videntes de Fátima que foram recentemente beatificados.

    Nessa altura, os bombeiros da antiga província de Trás-os-Montes e Alto Douro não tinham mãos a medir para assegurar o transporte de pacientes e vítimas pelas sinuosas vias de então, retirados de suas casas em maca, e depois transportados em viagens que demoravam uma eternidade se compradas com os actuais IPs e ICs. Era pois suposto que em todas as corporações de bombeiros houvesse uma ou outra vítima contagiada. Porém, houve uma corporação, a da Régua, que não registou uma única vítima, um acontecimento digno de paridade com o chamado “porco de Bikini”, um animal que, “against all odds”, sobreviveu a uma experiência de explosão nuclear no atol do mesmo nome situado no Pacífico.

    Qual o segredo ? Vinho do Porto.
    Tais bombeiros antes do trabalho, tinham o cuidado preventivo de bochechar um gole e deitar fora, seguido da ingestão completa de um cálice grande.
    Não me perguntem se era Ruby, Tawny ou Branco, remeto para a corporação da Régua, mas toda a história está relatada e documentada, por exemplo, aqui :
    https://www.acorianooriental.pt/noticia/vinho-do-porto-usado-pelos-bombeiros-da-regua-para-prevenir-gripe-pneumonica-ha-um-seculo-190952

    Fica a notícia, por se enquadrar no tema e por poder ter fundamento científico.
    Mas convirá recordar que não se deverá abusar de tal “medicamento”, muito menos se conduzir qualquer viatura. Tudo deve ser usado com moderação.

    Brindemos pois à nossa saúde ( por alguma coisa será )!

    PS:
    Não tenho interesses em nenhuma companhia vinícola do Alto Douro ou quaisquer outras.

  9. Rui Mendes says:

    Já parece as tretas das televendas e outras banhas da cobra como a goop e afins… É preciso ser muito burro pra ir nestas conversas…

  10. AlexX says:

    Luz UV é usada em desinfecção desde há décadas e é um excelente método, dificilmente existirá “bichinho” que lhe resista e o aviso para sair em menos de 10 segundos deve ser levado muito a sério. Mas a luz uv não cura ou seja, de nada serve se, uma vez desligada, entrar alguém infectado na divisão. Boa oportunidade de negócio para a Xiaomi.

  11. Paulo H. says:

    Penso que estarão a confundir vírus com bactérias …
    Não estou a ver como poderá ser útil um aparelho deste se os virus só se multiplicam num hospedeiro !
    Enquanto as bactérias reproduzem-se no meio ambiente , os vírus não ; e apanhamos-los diretamente como uma o da gripe através de um espirro …
    Leiam este documento para perceberem melhor :
    https://expresso.pt/sociedade/2020-01-30-Virologista-explica-coronavirus.-Afinal-de-que-falamos-quando-falamos-de-virus-

  12. Tvlio Detritvs says:

    A culpa disto é do… Vcs sabem de quem.

  13. Miguel says:

    Basta usar cachecol que os vírus não entram pelo pescoço. Toda a gente sabe que é o ponto de entrada dos vírus da gripe.

  14. jimmypt says:

    Essa malta que deixe de comer ,cobras,morcegos,cães e tanto outros animais,para não contaminarem o mundo
    com ás epidemias criadas por eles..quanto a Xiaomi,que invente uma lampada portátil para a próxima epidemia.

  15. jocapoga says:

    sendo certo o efeito bactericida da luz UV, também é certo o malefício dessa mesma luz na pele e, principalmente, nos olhos. Quem já foi ao dentista nos ultimos anos verificou que certas obturações são feitas com uma massa endurecida com luz UV e, quer o médico quer a assistente colocam uns óculos de lente castanha durante a exposição a essa luz

  16. ToFerreira says:

    Ainda alguém se lembra da Gripe A?

  17. Gohara says:

    O povo acha qualquer forma de ganhar dinheiro com a situação kkkkkk

  18. Joao Ptt says:

    Mas alguém acha que esta lâmpada vai tratar sequer uma divisão? Já vi pessoas a utilizar lâmpadas UV-C para limpar o ar, mas eram tipo filas de lâmpadas compridas (como aquelas que se vêem em escritórios e escolas) de alto a baixo no meio da divisão divisão e pelo menos duas filas delas em paralelo e estavam numa divisão tipo do tamanho de uma pequena arrecadação por onde o ar entra antes de ir para o resto da casa.

    Agora esta lâmpada super miniatura ainda tem aquela protecção plástica que só faz como que reduza ainda mais a sua eficácia.

    Tenho uma lâmpada UV-C portátil, e aquilo funciona, mas no caso daquela que uso a superfície tem de estar exposta pelo menos 10 minutos directamente à sua luz para realmente ser eficaz… e qualquer coisa à sombra da luz não é desinfectada como alguém já escreveu.

    Talvez aquela malta na China precise é de bons sistemas de tratamento de ar com filtros tipo HEPA de qualidade e claro podem até lá meter estas lâmpadas dentro da máquina, que em principio pode ser boa ideia para reduzir ainda mais a contaminação… que eles precisam de qualquer maneira porque em algumas áreas da China a poluição é tão terrível que até imensos membros do partido falam abertamente da gravidade do problema assim como a comunicação social… ou seja as pessoas precisam mesmo destes equipamentos em muitas áreas da China com ou sem este coronavirus.

  19. António says:

    Sou uma pessoa relativamente informada e dificilmente embarco no conto do vigário mas nesta notícia acredito muito mais do que nas promoções dos supermercados cá da zona. Isto porque ganhei confiança nesta boa marca, Xiaomi. Aguardo para ver, estou expectante!

  20. Eduardo Simoes says:

    Então e desliga automaticamente! Não devia, assim o pessoal matava o bicho e ficava com um granda bronze.

  21. nuno says:

    isto é coisa da corporação da sombrinha!!

  22. Joao P Santos says:

    Este robot us exactamente a mesma tecnologia e está a ser usado na china,

    https://www.therobotreport.com/coronavirus-fight-china-gets-boost-uvd-disinfection-robots/

  23. Jim Morrison says:

    Banhada….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.