Quantcast
PplWare Mobile

Relatório da Xiaomi mostra que a marca chinesa é amiga do ambiente

                                    
                                

Fonte: Xiaomi

Autor: Marisa Pinto


  1. AqueleAmigo says:

    … E mantiveram o carregador na caixa .

    • Heribert says:

      Que ninguem usa logo mais lixo. Ha anos que carrego o iphone com o carregador do ipad. Não preciso de carregadores extra

    • Tadeu says:

      por acaso, para alguns deles, não…

      • Artemus says:

        @aqueleamigo
        E acreditas mesmo nessa história da carochinha que foi por causa do meio ambiente? 😀

        • iDroid says:

          Claro que a principal razão (muito principal razão) é a de aumentar os lucros. Contudo, se as pessoas utilizarem os carregadores que já têm, então a justificação do meio ambiente tem alguma razão de ser.

          Obviamente que a maior parte dos carregadores que cada um de nós tem em casa não será fast charge, mas cada um sabe das suas necessidades…

          • ASilva says:

            É muito simples, já alguém deixou de comprar um smartphone porque não vem com carregador, headphones ou cabos? Claro que não. E eles sabem disso e por issso vão continuar a não incluir extras e argumentar com as preocupações ambientais, e o argumento é simplesmente genial.

        • José says:

          Claro que não! Isso vai é causar a compra dos componentes em falta! tenho vários carregadores que vieram com as marcas e a maioria avariaram ao fim de uns tempos ou deixaram de carregar de todo, para nada servem. O remédio foi compara outros e ter assim eu de me desfazer do entulho que as marcas vendem. Se estivessem realmente interessadas no ambiente terminavam de vez com a obsolescência programada ou com a falta de apoio aos equipamentos mais antigos. Não me venham, com tretas que já não são capazes de suportar os novos S.O., quando vemos gente a colocar windows 11 num Wm10 ou conseguem actualizar os seus equipamentos “furando” as restrições impostas pelos fabricantes, conseguindo fazer correr esses S.Os, em equipamentos muito mais fracos do que um telemóvel com 4 anos. O que há hoje e com abundância é a gula desmedida por dinheiro seja lá a que custo for, vale tudo, até dizerem publicamente que se “preocupam muito com o ambiente” enquanto exploram trabalho infantil ou escravo num país qualquer a lutar por comida na mesa!

  2. FAR says:

    Mas alguma coisa que venha desses senhores é minimamente credível? Pelo amor de deus…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.