Quantcast
PplWare Mobile

Banco Mundial reprova bitcoin e recusa-se a ajudar no plano de criptomoeda de El Salvador

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Helena Isabel says:

    banco mundial, FMI, who cares? são apenas braços dos EUA.

    A Bitcoin está aqui para ficar, quer queiram quer não.

  2. LApalice says:

    Outra vez a porcaria das questões da transparência!?!?!?!?!!?!?
    Eles são estúpidos ou fazem-se?

    • Samuel MG says:

      Não existe transparência com as moedas virtuais pois podem ser usadas por mafiosos, terroristas ou pessoas sem ligações a estas organizações!!

      • CF says:

        Errado as transações bitcoin on-chain são mais transparentes e fáceis de rastrear que dinheiro físico, por alguma razão os grandes roubos em bitcoin estão congelados em endereços que ninguém mexe, qualquer que seja a exchange que processe um desses endereços tem logo o FBI em cima, não leu a notícia dos americanos que recuperaram o dinheiro do resgate do oleoduto?

        Dinheiro físico sim é usada por 99% da economia paralela a nível mundial e ninguém está preocupado que seja usado por terroristas, drogados, prostitutas, etc. isso porque os maiores terroristas, varões da droga e chulos é que são donos disto tudo.

        • kodiakshadows says:

          @CF “… as transações bitcoin on-chain são mais transparentes e fáceis de rastrear…!
          Verdade e é por isso que já há países a quererem adoptar, para depois controlar as finanças de cada cidadão ao ponto caso seja necessário limitar o uso. Por exemplo em caso de pré bancarrota , e caso aconteça as ferias são no concelho vizinho e no supermercado compra-se bananas, porque o dinheiro não é de ninguém está hipotecado, para bem da nação

          • aquele says:

            Obviamente isso teria de ser regulamentado da mesma forma que as moedas atuais também estão. O que difere dos euros que tens nos bancos de serem tb congelados? regulamentação.

      • Toni da Adega says:

        Todas as moedas (incluindo o Euro) podem ser usadas por mafiosos, terroristas ou pessoas sem ligações a estas organizações!!

      • PitWeiler says:

        Mafiosos, pedofilos, terroristas, organizações frauduletas etc, operam todos a partir da internet, e quando a internet foi criada sabia-se desse perigo, mas não deixou de existir nem de avançar, e eu pergunto, a internet é uma coisa má?

        Tudo tem o lado positivo e o negativo, e em tudo pessoas com más intenções se aproveitam de pessoas, projetos ou coisas com boas intenções…

        Temos é que ter entidades próprias para a regulamentação e investigação, como existe com o Euro ou Dolar, e depois de existirem essas entidades, será muito mais fácil verem o histórico de uma crypto do que de uma moeda fiduciária…
        Na minha opinião este interesse não existe porque os maiores mafiosos estão no topo, e não deixam, ou não querem as cryptos exatamente por ser perigoso para eles, têm medo, mas atenção que isto é apenas uma opinião…

        Pode não ser para agora, e pode até nem ser Bitcoin, mas que cryptos são futuro, não me restam dúvidas..

  3. SANDOKAN 1513 says:

    É aquele tipo na primeira imagem o presidente de El Salvador ?? Com um boné ao contrário ?? Ele parece um garoto,um rufia.Que figura… 😐

  4. Fo says:

    Se o problema são os custos de transacções porque não usam o ripple ou uma crypto do género? Vão logo escolher a pior crypto em todos os aspectos! Ahhh que esperteza!!!

  5. Miguel says:

    Um banco está contra as criptos? E novidades? A uma década que tentam minar a confiança delas,mas azar estão cada vez mais fortes.

  6. Redin says:

    Até parece que alguma vez na vida se duvidou desta atitude perante uma ameaça total que as cripto causam ao sistema bancário.
    É normal, afinal estão a defender o bolso deles, não o nosso.
    Agora que o façam inventando outras desculpas porque essas já passaram de moda.

    • SirGrifoPT says:

      só para reforçar:
      deve ser complicado para um banco ver o futuro deles com um fim a vista, com um sistema de DeFI robusto, quem precisa de pagar taxas a um banco? com outros a ganhar dinheiro com produtos duvidosos (sim, tambem há cryptos com esquemas fraudulentos) o que eles fazem? dizer que é o futuro?

    • FreakOnALeash says:

      Acho que também estão a defender o bolso de toda a gente que vive , recebe ordenados e paga impostos com FIAT. O lugar das cripto coisas é no mercado de valores junto com mercadorias voláteis e não na mão do merceeiro da esquina!

  7. Eu sei lá says:

    O presidente tem 30 anos e bitcoins para valorizar. Está bem que não é o Elon Musk, mas ninguém lhe pode levar a mal a promoção da bitcoin.

    P.S. Acabem com essa história dos bancos terem medo das criptomoedas, e que é o meio de pagamento do futuro e pá-tá-ti pá-tá-tá. Limitem-se a reconhecer que é um meio de especulação – quem comprar na baixa e vender na alta ganha, ao contrário perde.

  8. CF says:

    Quem é que escreve estas notícias?

    Muita falta de “bagagem” para escrever sobre bitcoin, só barbaridades, as transações não são lentas nem demoram 10m, vão usar a APP Strike que suporta Lightning Network, foi o criador da APP que incentivou e convenceu o presidente.

    Depois, efetivamente as transações Lightning são baratas ou até gratuitas, mas não são para incentivar mineiros nenhuns.

    As transações “on-chain” é que são para os mineiros e essas não são baratas nem gratuitas, até são bem caras, essas sim tem que entrar nos blocos e demoram em média 10m a ser confirmadas.

  9. António says:

    Noticia incorreta. Ninguém tem que esperar 10 minutos. É instantâneo. As transações são na lightening network…. As taxas são ridiculamente baixas, senão não seria uma solução adotada por uma economia pobre

    • Vítor M. says:

      Não, da forma como estão a usar em El Savador, e como eles próprios descrevem, a transação demora 10 minutos.

      • António says:

        “President Nayib Bukele cited Bitcoin Beach as inspiration for his push to adopt the cryptocurrency nationally. The town’s use of a platform called Lightning Network to enable smaller transactions has helped overcome some of the technical and practical obstacles to using bitcoin as a currency, Bitcoin Beach’s founders say, which could be useful on a larger scale.”
        Fonte: https://www.reuters.com/business/el-salvadors-bitcoin-beach-town-digital-divide-slows-uptake-2021-06-14/


        If the technical infrastructure needed to facilitate bitcoin transactions is established, BTC can be an incredibly efficient method for sending and receiving remittances. It is free from the third parties and regulators that can hamper or collect fees on such payments and with additional layers like the Lightning Network, transactions can be near-instantaneous and incredibly cheap.

        Lightning Network payments platform Strike launched for customers in El Salvador in March and quickly became one of the most downloaded apps in the country.

        Fonte: https://bitcoinmagazine.com/culture/el-salvador-bitcoin-transfers-surge

        • Vítor M. says:

          “Problema da escalabilidade do Bitcoin:

          Bitcoin, a moeda digital mais utilizada e valiosa do mundo, permite que qualquer pessoa envie valor sem um intermediário ou depositário confiável. Bitcoin contém um sistema avançado de scripting que permite aos utilizadores programar instruções para fundos. Existem, no entanto, algumas desvantagens para o design descentralizado da bitcoin. Transações confirmadas na Blockchain podem levar até uma hora antes serem irreversíveis, contudo os micropagamentos, ou pagamentos menores que centavos, são inconsistentemente confirmados, mas as taxas cobradas atualmente tornam tais transações inviáveis na rede.”

          • António says:

            O que está a dizer é verdade, mas a solução usada não é na layer 1. É na layer 2 e chama-se lightening network. Não estaria a insistir, se não soubesse o que estou a dizer

          • Vítor M. says:

            Se funcionar, e se não tiver taxas, pode ser a forma de contornar este problema.

        • Redin says:

          No ano passado já havia nos EUA quem procurasse demonstrar essa viabilidade.
          https://youtu.be/dGbefEeHa98?t=142

  10. ervilhoid says:

    Banco de Portugal atribuiu licença a uma exchange portuguesa, criptoloja

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.