Quantcast
PplWare Mobile

Tags: fusão

Spotify vai descontinuar o Duo Mix, mas não é o fim das playlists partilhadas

É oficial, o Duo Mix do Spotify vai acabar. Até ao final de Maio, a empresa irá desfazer-se da funcionalidade. Mas o que significa isto para os utilizadores do Premium Duo? O que se segue para os utilizadores deste plano?

Descubra, aqui, tudo que precisa de saber acerca da remoção desta funcionalidade.

Spotify vai descontinuar o Duo Mix, mas não é o fim das playlists partilhadas


MIT quer fundir humanos com máquinas a fim de ‘acabar’ com as deficiências

A tecnologia é um mundo imortal e tem vindo a evoluir bastante rápido. Por essa mesma razão, começam a surgir ideias e oportunidades que, inicialmente, parecem impossíveis. Contudo, há entidades que não conhecem esta palavra como, por exemplo, o MIT.

Muita gente defende que o mundo precisa da evolução das tecnologias direcionadas a pessoas com deficiências físicas e neurológicas, e o MIT parece ter um plano.

Imagem fusão de humanos com máquinas


Dica: Quer uma lista partilhada única com o Spotify? Crie uma Fusão e fica tratado

Mesmo sendo um serviço focado no utilizador, o Spotify permite uma interação muito grande entre quem usa este serviço. Para além das partilhas de músicas e podcasts que podem ser feitas, existe muito mais para ser descoberto e até usado.

Uma das mais recentes chama-se Fusão (Blend) e permite criar listas de reprodução automáticas e partilhadas entre os utilizadores. Assim, e porque é algo muito interessante, aprenda a criar uma destas listas partilhadas. É hora de criar uma Fusão e conhecer quem as usa.

Spotify lista partilhada Fusão utilizadores


Reino Unido ligou o seu ambicioso reator de fusão nuclear

O mais recente reator de fusão do Reino Unido, o ST40, foi ligado na semana passada e já conseguiu atingir o “primeiro plasma”, gerando com êxito uma gota escaldante de gás (ou plasma) carregada de eletricidade dentro do seu núcleo.

Poderemos estar a falar de energia ilimitada sem poluição?


Fabricantes de computadores nipónicos podem fundir-se

As empresas de tecnologia que estão ligadas à produção de computadores pessoais estão a passar momentos menos bons. O mercado continua a não responder de forma positiva às novas ofertas e as vendas têm descido de forma dramática.

A Toshiba, depois de um processo em que teve perdas elevadas, pondera agora separar a sua divisão de PCs e uni-la com a de outros fabricantes japoneses criando assim uma das maiores empresas do ramo.

toshiba_1