Quantcast
PplWare Mobile

Tags: emissões

Apple anuncia plano de isenção de emissões de dióxido de carbono até 2030

Como uma das marcas com mais presença no mercado e sendo uma das mais valiosas, é importante que Apple não negligencie determinadas questões que, neste momento, são uma prioridade para o mercado. Nesse sentido, a empresa quer ser isenta de emissões de dióxido de carbono até 2030.

Este processo de isenção de emissões vai incluir a produção dos seus equipamentos, como o iPhone, Apple Watch, iPad e Mac.

Apple anuncia plano de isenção de emissões de dióxido de carbono até 2030


Inovador sistema usa hidrogénio para reduzir as emissões de NOx

O mundo procura de forma mais acelerada uma alternativa limpa para servir de transporte. Assim, a indústria automóvel tem desenvolvido várias tecnologias quer para diminuir as emissões poluentes, quer para as retirar totalmente das estradas. Os carros movidos a energia elétrica estão a avançar a bom ritmo. Já os movidos a célula de combustível a hidrogénio estão a espreitar a oportunidade. Contudo, com térmicos que usam combustíveis fósseis não parecem desistir.

Um grupo de investigadores criou um sistema que usa o hidrogénio para reduzir as emissões de NOx dos veículos.

Imagem escape com emissões de NOx


Fraude: Nissan admite que falsificou resultados de emissões poluentes

Depois de todo o escândalo que envolveu a gigante alemã Volkswagen no caso da manipulação das emissões poluentes, agora foi a Nissan que veio admitir que também falsificou resultados de emissões poluentes.

As ações da fabricante nipónica do segmento automóvel estão já a cair quase 5% na bolsa de Tóquio.


Portugal: Novas regras de emissões param Autoeuropa

Os novos veículos vão estar sujeitos à aplicação de uma nova norma que visa avaliar, com mais precisão, as emissões poluentes. No sentido de cumprir todas as regras definidas pelo novo protocolo WLTP ou Worldwide harmonized Light vehicles Test Procedure, a Autoeuropa vai suspender a laboração por três semanas em Agosto.


Carros novos mais caros? A culpa é do novo protocolo de emissões WLTP

É verdade que as vendas no segmento automóvel têm vindo a crescer, mas tal cenário poderá mudar em breve. A culpa é da nova norma de emissões poluentes que entrará em vigor em breve.

A subida no imposto poderá rondar os 40 a 50%, o que levará ao aumento significativo do preço dos veículos novos.