Quantcast
PplWare Mobile

Tags: alfândega

Alfândega dos EUA apreendeu 360.000 AirPods falsificados em 9 meses

Os equipamentos tecnológicos são, na sua maioria, muito desejados pelos consumidores. Mas há alguns produtos mais desejados do que outros, especialmente se falarmos de modelos de marcas populares.

Neste sentido, e de acordo com as informações agora reveladas, a alfândega dos EUA já apreendeu 360.000 AirPods falsificados em apenas nove meses.

Imagem AirPods Pro para problemas de audição


EUA: Alfândega gaba-se da apreensão de ‘Apple AirPods falsificados’. Afinal eram OnePlus Buds

Os dispositivos estão cada vez mais parecidos uns com os outros. Se uma ideia vende, as marcas vão atrás e “copiam-se umas às outras”. De tal forma que as semelhanças podem ser tantas que aos menos atentos pela tecnologia podem confundir e prender “gato por lebre.” A Alfândega e a Patrulha de Fronteiras dos EUA anunciaram, como a normal excitação, terem apreendido 2.000 Apple AirPods falsificados. Contudo, o ânimo caiu quando descobriram que afinal eram OnePlus Buds.

Parece difícil de acreditar, mas num comunicado de imprensa os factos foram bastante claros.

EUA: Alfândega gaba-se da apreensão de 'Apple AirPods falsificados'. Afinal eram OnePlus Buds


Todas as compras extra-comunitárias vão parar na Alfândega a partir de 2021

Quem compra online, em sites de China e não só, conhece bem o “limite” dos 22€. Este é, atualmente, o valor que nos permite escapar a burocracias na Alfândega. No entanto, foram hoje reveladas alterações. A partir de 2021, a isenção de IVA para compras até 22 € vai desaparecer.

Num comunicado publicado pela Comissão Europeia pode ler-se, no entanto, que todo o processo será menos burocrático.

Compras extra-comunitárias: Isenção de IVA para compras até 22€ vai desaparecer


Se comprar fora da UE, saiba o que esperar da alfândega

As compras online estão mais populares que nunca. O processo de compra está cada vez mais simplificado e a comodidade com que um produto chega à porta de casa, sem perdas de tempo e deslocações, faz deste método de compra uma opção apetecível.

Por questões de preço, mercado ou disponibilidade, por vezes surge a necessidade de adquirir um produto além fronteiras. Se for tão além que saia da União Europeia, o processo deixa de ser um simples envio e passa a ter a acção da Autoridade Tributária, havendo a possibilidade de cobrança de taxas alfandegárias. Saiba todos os detalhes e a melhor forma de proceder dependendo do caso.

alfandega_1