Quantcast
PplWare Mobile

Tags: alemanha

Na Alemanha, uma estação de carregamento da Tesla tem agora uma piscina

O problema das estações de carregamento é real e, embora haja cada vez mais, ainda não respondem à necessidade dos proprietários de elétricos. Na Alemanha, esta questão é abafada, agora, que uma estação da Tesla recebeu uma piscina.

Os condutores podem aproveitar alguns momentos de relaxamento enquanto aguardam o carregamento do seu elétrico.

Piscina numa estação de carregamento da Tesla, na Alemanha


Alemanha vai reduzir os apoios financeiros para carros elétricos em 2023

Há cada vez mais interesse por parte dos condutores no mercados dos carros elétricos, ao mesmo tempo que crescem os modelos de carros disponíveis no mercado por parte de várias marcas populares neste setor. E para ajudar e incentivar à produção e compra destes veículos, os governos de vários países adotam estratégias de apoios e subsídios.

No entanto, de acordo com as mais recentes informações, a Alemanha irá reduzir os apoios financeiros destinados aos carros elétricos já a partir do próximo ano de 2023.


Tesla está a atrasar as entregas do Model Y fabricado na Gigafactory da Alemanha

A Gigafactory da Tesla em Berlim está já em plena produção, tentando assim recuperar algum do tempo perdido. Foram vários meses de atraso e que resultaram de problemas que a marca teve com as autoridades e com as suas regras.

Esperava-se agora que a Tesla começasse a enviar os seus carros para os respetivos clientes, mas aparentemente há alguns problemas. As datas de entrega dos novos Model Y estão a ser adiadas e não existe ainda uma razão para esta mudança.

Tesla Model Y entregas Gigafactory Alemanha


Intel pode receber 6.800 milhões de euros da Alemanha para subsidiar as suas fábricas

Já não é surpresa para ninguém que as várias fabricantes querem expandir a sua atividade, nomeadamente em terreno europeu. Nomes como a norte-americana Intel e a taiwanesa TSMC são as principais interessadas nesta aposta.

E, de acordo com as mais recentes informações, a Intel poderá receber 6.800 milhões de euros da Alemanha para subsidiar as suas fábricas.


Alemanha quer atrair fabricantes de chips e o governo ajuda com 14 mil milhões de euros

Já aqui dissemos por diversas vezes que o mercado dos chips eletrónicos tem tido um especial destaque no mundo tecnológico. A pandemia da COVID-19 veio sublinhar a importância deste setor e, no geral, a população ficou mais consciente sobre o impacto que problemas e escassez deste segmento podem ter em vários mercados do mundo inteiro.

Como tal, várias empresas e países estão a apostar cada vez mais no crescimento deste setor. E as informações recentes indicam que a Alemanha quer agora atrair fabricantes de chips e, para isso, o governo do país irá disponibilizar uma ajuda de 14 mil milhões de euros.