Quantcast
PplWare Mobile

Estados Unidos “ameaçam” Portugal, se Huawei entrar na rede 5G, perdemos apoios americanos

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Test User says:

    Esta começar uma nova guerra fria, têm de escolher um dos lados.
    Um dos lados é uma ditadura que faz Repressão política (Hong Kong), invade um país independente (Tibete), perseguição minorias religiosas (uigur), têm escaramuças com vizinhos ( a mais recente com India), além das acusações genocidias que recai sobre regime apoio um regime genócidio (Coreia do Norte), etc.
    Outro pode ter muito defeitos mas é uma Democracia e têm sido nosso aliado.

    • Vítor Silva says:

      Disseste tudo. E disseste bem. Ainda assim, não seria a primeira vez que este governo da mão estendida se vergaria ao dinheiro chinês.

      • Rei David says:

        Portugal so tem de se impor, ja dividimos o mundo com a espanha, somos o 5 imperio, Basta o nosso presidente elevar o tom que os americanos saem a tremer, isso de sermos poucos nunca foi um problema. Aljubarrota, batalha de diu, so alguns exemplos!

        • Um Do Li Ta says:

          Queres mesmo comparar esses tempos do de agora? xD O 25 de Abril diz-te logo o quao xoninhas somos.
          Embora nao seja apoiante de Trump,uma coisa que sou contra e aliar-me ao Imperio Chines e ter 5G. Duas coisas super perigosas. E para mais, temos muito mais a ganhar com os EUA do que com a China. (Ou muito menos a perder depende de como o Presidente fizer as coisas xD )

          • Rei David says:

            Caro amigo o 25 de abril foi considerada um exemplo mundial de como uma revolucao e possivel sem derramar uma gota de sangue e disparar uma bala. Portugal foi de tal maneira bem visto que a europa decidiu logo juntar nos a cee da altura. Nao aproveitamos foi bem o dinheiro, mas isso e outra historia a qual o cavaco devia explicar.

          • Ita says:

            Excelente explanação, é necessário observar a complexa e silenciosa tática do PCC, o 5G é apenas um componente .
            Estão comprando empresas estratégicas mundo a fora, endividando paises , entrando no meio econômico e de comunicação, fiquei perplexo quando soube que a Apple migrou produção pra China .
            Estamos em época que a maior arma é a informação , todos estão subestimado o apetite voraz e os meios nada ortodoxo do Dragão

          • Test User says:

            @Rei David
            Morerram seis na revolução do 25 Abril
            https://www.sabado.pt/vida/detalhe/quem-sao-as-vitimas-do-25-de-abril

          • Amora de Bruegas says:

            Falta contabilizar os mais de 3 milhões que morreram nas guerras civis, na sequência das vergonhosas descolonizações, em Angola, Guiné, Moçambique e Timor.

        • eu_mesmo says:

          somos PORTUGAL

        • Amora de Bruegas says:

          Portugal a impor-se? A quem e de que forma, quando há mais de 30 anos só sabe caminhar a Bruxelas/Berlim de joelhos e mãos estendidas a pedir euro-esmolas?
          os exemplos que dá, são de um tempo em que a governação era feita por Cristãos, Patriotas e Nobres governantes. Agora, é feita por desertores, traidores e servos do marxismo-cultural, do nazismo chinês, como comprovado!

        • Gilmar Ramos says:

          Nosso presidente?
          Continua a ver o presidente como um pai/dono…
          Essa é a mesma visão que inicialmente os povos dos países ditatoriais tinham dos seus governantes!
          Sermos poucos nunca foi um problema?
          Os tempos são outros sau anta, Portugal atualmente não tem poder algum e está dependendo destes países, para de sonhar e acorda para vida!
          Um povo que só vive de histórias, lamentável esse teu pensamento!

      • Jorge Sousa says:

        Eu adoro o meu pais.Mas eu prefiro os americanos.Os chineses,são uns ditadores,porcos,e comem toda a merda.Nas lojas os artigos que vendem não duram muito tempo.Querem é envadir oMUNDO com seu monopólio, e ditadora.China não. AMÉRICA, sim por favor.VIVA PORTUGAL E AMÉRICA.

      • Paulo José says:

        A China está interessada na nossa joia da nação a base das Lages.
        Atenção ao endividamento não sustentavel e à venda das infraestruturas nacionais para pagar poços sem fundo/TAP, Bancos e PPPs…
        Nao vamos ser a Jamaica da Europa…

    • Tenha um bom dia! says:

      Está a dizer que devemos ficar do lado da China?

      • Rei David says:

        Portugal so tem de por os americanos em sentido, lembra los que temos dos melhores pilotos do mundo que dao uma coca em jatos americano, a nossa marinha poderosa envergonha a marinha deles e faz tremer qualquer um, os otomanos que o digam, fomos nos que introduzimos a polvora no japao, criamos os canhoes mais potentes jamais feitos. Batalha de diu! Portugal so tem de puxar dos galoes e mostrar ao mundo quem e a grande potencia mundial!

        • Zimmerer says:

          LMAO, Rei David conseguiu me arrancar gargalhadas.

        • Ricardo Morgado says:

          Diz me que isso foi piada? Essas batalhas foram outros tempos, hoje em dia os americanos ocupavam-te o país num dia.

          • Filipe says:

            Da mesma maneira que ocupam o Afeganistão? Lol

          • Caganotas says:

            Ouve, tuga tem raça. Ninguém ocupa Portugal assim sem sofrer as severas consequências, somos dos melhores a combater no mato e mato temos muito. Não temos armamento sofisticado mas aqui ninguém entra..

          • Gilmar Ramos says:

            Verdade,parece que estas pessoas pararam no tempo!
            Não têm noção do poderio bélico americano!

        • Um Do Li Ta says:

          Ya, vives mesmo ha 100 anos atras. Lembras-te que nao entramos na segunda guerra mundial ne? oO E ja te esqueces-te como perdemos as colonias na Africa? xD

          Anyways….o que os EUA está a fazer por um lado faz sentido. Embora a China tenha comprado a dívida Portuguesa, os EUA têm sido nossos aliados (ou vice versa) ha decadas mesmo.

        • Tiago says:

          Amigo/camarada,Portugal foi um império, ainda tem muita gente excepcional talvez ao nível dos americanos mas em geral nos dias de hoje tendo tudo em conta Portugal há não é um império mundial a América tem um exército muito mais numeroso mais bem armado mais treinado mais bem pago, e mais fanático, embora não goste muito deles não sou idiota sei perfeitamente que bastava um submarino nuclear de classe Ohio, olha o USS West Virginia um submarino transporta 24 mísseis trident 2, cada míssil contém entre 8-14 ogivas nucleares no mínimo 4, 4×24=96 na melhor da ipoteses ou 336 na pior, cada míssil viaja a 29.000kmh com 11.000km de alcance, com 96 bombas nucleares Portugal ficava devastado, e isto a apenas um submarino, obviamente ninguém no seu perfeito juízo iria dar tal ordem já para não falar nas consequências que teria perante a UE China Rússia etc, mas em conflito directo Portugal sozinho nunca conseguiria vencer a América, adoro o meu país mas tenho que ser realista

          • Ricardo Morgado says:

            Exato Tiago, Portugal como dizes foi um Império e esse Portugal já não tem nada a ver com o de hoje, Portugal do século 21 nem uma guerra com as antigas colónias conseguia suportar já que a nossa divida é brutal.

          • Pedro says:

            Triste realidade. As nossas forças armadas estão tão bem equipadas e motivadas, as regalias, previlegios e progressões de carreira tais que num hipotético confronto com EUA metade dos nossos bravos militares salvariam o seu coiro e dos seus familiares para algum país da Europa.

        • PauloT says:

          +1 “devíamos deixar de roubar aos contribuintes e investir, é assim num futuro próximo estaríamos ao nível de certos países”… pelo que se houve dizer esses países que tem muito poderio militar, têm nas suas fileiras crânios portugueses, logo se os crânios estivessem cá…

        • Henrique Moura says:

          Maior potência bélica do mundo te lembra alguma coisa? Infelizmente Portugal só vive de saudosismo agora não é nem a sombra daquilo que já foi a centenas de anos atrás

        • Gilmar Ramos says:

          Realmente, a sua imaginação é muito fértil!
          Se os estados unidos dessem um pe31#o, Portugal desmoronaria!

      • Vasco says:

        A chantagem e sempre de quem tem um ascendente faz lembrar o ultimato inglês e arrogante a maneira de tratar a política externa dos estados unidos e no passado já sentimos a ferroada dos “aliados”

    • António Alberto Sampaio Barandas says:

      democracia? se puderes explica lá o conceito…

      • Jorge Tomaz says:

        Democracia é poderes críticar ,gozar com o Trump, Antônio Costa ou Marcelo Rebelo de Sousa, e não IRES preso!!! Na China existe uma ditadura do partido comunista desde 1949. Se criticares o governo chinês ou o presidente Xi Jinping, vais PRESO ou simplesmente desapareces!! Até Em Hong Kong que tinha mais direitos e liberdades, já está em vigor a nova lei de segurança. Vários estudantes entre os 17 e 23 anos, foram presos e podem apanhar prisão perpétua! Entendes? É apenas um exemplo, tens a perseguição as minorias, Tibetanos, Uigures, Mongóis, aos cristãos, aos membros da Falun Gong, etc.

        • Amora de Bruegas says:

          Bem observado! Infelizmente há muito cegueta em Portugal, lacaios da esquerda serva da ditadura chinesa, que julgam que o governo ditatorial chinês é bom.
          Têm tanta instrução que nem sabem que no final dos anos 50 com o chamado “grande salto em frente”, o camarada socialista Mao Tsé Tung matou á fome mais de 50 milhões de chineses.

      • lay says:

        Jorge Tomaz LOL achas que isso é assim ou nao conheçes o edward snowden ou é um dorminhoco da vida

    • Robin Hood says:

      Se for escolher por esse ponto então acrescente q o outro pais financia guerras por causa de petróleo, dizimou uma nação indígena na sua colonização, e acrescente q o mesmo país jogou uma bomba atômica e extinguiu uma cidade inteira.

      Ou deve ser mais inteligente e não julgar a decisão somente por esse lado (considerando q, de qualquer lado q ficar não terá nenhuma vantagem, será dependente de qualquer forma)

      • bill says:

        Foram 2 bombas atomicas

      • Joao Ptt says:

        Tendo em conta que os Japoneses iam libertar peste negra numa cidade costeira dos EUA por essa altura, e que só essas duas bombas nucleares e a ameaça da próxima ser mesmo em Tokio, é que salvou os EUA de uma desgraça enorme… sem falar em toda a desgraça que os Japoneses já tinham provocado… as bombas pelo menos meteram-nos em sentido, sem elas poderiam nunca ter conquistado o Japão até à rendição ou então demorarem anos.

    • Nocode says:

      História não é o teu forte pois não? Uns quantos nomes para escreveres no Wikipédia:
      -Napalm no vietnam
      -Nagasaki e Hiroshima
      -guantanamo
      -Iraque é as armas químicas invisiveis
      -golpes de estado orquestrados

      • rafa says:

        realmente vais buscar guerras de há mil anos atrás comparativamente com o que a China está a fazer agora, nem teve tomates para admitir a fuga do Covid de Whuan. Comparação de merd* realmente.

        • adsm says:

          O mais triste nesta história é estarem todos aqui a discutir algo que nada tem a ver seja lá para o que for…
          Tudo isto entre estados unidos e China nada mais é que os Estados Unidos estarem a perder para a economia chinesa a anos, e quando não se pode começar uma guerra de armas em mãos, o Trump optou pela guerra mental. Será que o vírus saiu mesmo da China?? Estranho Mais ainda que a única dizer ter provas disso, foi viver para onde por coincidência, a pois estados Unidos. Infelizmente a mente das pessoas é muito fácil de manipular ou melhor dizendo as mentes fracas.
          As pessoas realmente vão apenas atrás do que se vê na televisão. Vivi anos nos Estados Unidos porque tive que o fazer por razões profissionais, e aquilo é um país de mer.., tem mais gente a passar fome numa cidade apenas do que em Portugal inteiro. Mas infelizmente quem nunca lá esteve faz daquele país um sonho.

          • Pedro Jesus says:

            E também nem para falar a sociedade deles. Polícias a matarem cidadoes… Vi um vídeo de uma criança autista que levou 11 tiros… Ela tava armada e assustada mas 1 na perna era mais que o suficiente. Cidadoes a se matarem uns aos outros. É uma desgraça a sociedade de lá. Mas a economia deles parece ser boa e o exército tbm.

        • Dredd says:

          Mil anos… Está mesmo mal essa noção da História, inocentes que são os gajos do país da NSA, Cambridge analytica ou agora o Facebook que quer importar os dados dos cidadãos europeus…

          • Hunter says:

            O meu sonho é casar com uma americana portanto Portugal já sabes de que lado tas kkkkk

          • saladastateofmind says:

            mas o problema é a china controlar dados porque EUA a controlar dados não é/nunca foi problema…. farto desta palhaçada toda, meterem sempre os EUA como exemplo a seguir e etc

      • Isidoro Martins says:

        Irão, Afeganistão…etc (concordo)
        Pergunto…preferem um país que mostra tal e qual o que é, ou um país que tem criado tudo todas as guerras modernas das últimas décadas com base em falsos pretestos e pela calada apenas por questões capitalistas….!? Além de que, Trump não ser ditador, ainda está para ser visto…(não paga impostos, já disse que se perder não vai entregar pacificamente…..que mais vai acontecer?)

    • Antonio says:

      Esqueceu de fazer a lista de países destruídos de povos arruinados e a fome que os americanos teem na sua conta. Por mim só quero ser EUROPEU não estou interessado em nenhum deles

    • Luke Skywalker says:

      O outro que “tem muitos defeitos mas é uma Democracia”, é aquele que atacou e invadiu o Iraque a pretexto de este ter armas de destruição maciça, foi ao Panamá prender um Presidente (Noriega) a pretexto deste ser um traficante de drogas após Noriega ter dito que o canal do Panamá, no final do contrato, deixaria de estar sob alçada dos americanos, tem relações privilegiadas com várias ditaduras como a Arábia Saudita onde os governantes mandam matar e esquartejar jornalistas com cidadania americana só porque denunciam a tirania vigente naquele país do Golfo, apoiaram e deram suporte ao golpe militar de Pinochet no Chile em 1973 onde foi derrubado um governo democraticamente eleito – o de Salvador Allende -, andou a vender armas ao Irão já depois da revolução islâmica de 1979 – através de Portugal para dar esse dinheiro aos ‘contras’ da Nicarágua – negócio feito com a ajuda de militares portugueses e que esteve na origem do atentado ao avião o de Adelino Amaro da Costa (Ministro da Defesa de Sá Carneiro no governo da AD) viajava juntamente com Sá Carneiro e outros passageiros n campanha presidencial de 1980, atentado efectuado com o apoio da CIA, etc., etc., etc.

      O rol não acaba aqui mas isto só para dizer que com algumas diferenças, americanos e chineses é tudo farinha do mesmo saco.

      • Sougus says:

        Oras na muche,

      • L Sampaio says:

        A CIA é conhecida por vender a droga apreendida para financiar as operações secretas em que está envolvida. Os EUA controlam toda a informação mundial e não querem outro actor a fazer o mesmo. Os EUA tinham uma dívida de 22+ Biliões de dólares (trillions nas contas deles) no final de 2019. Agora já vai perto dos 27: https://www.usdebtclock.org/. Só a China tem 1, 07 Biliões (T) de Treasury holdings da dívida dos EUA, o Japão 1,266b (T) e por aí fora. E estes falidos andam a ameaçar-nos?

    • Humberto says:

      Sem dúvida nenhuma. Os chineses não são confiáveis.

    • Dawilson Daio says:

      Eu tenho a a percepção de que normalmente quem acusa ,(americanos ) fas o mesmos actos bárbaros ou pior que os acusados.

  2. TESTE2 says:

    Tanto de um lado como de o outro, estamos tramados amigos.
    Ninguem sabe nada sobre nada e a guerra fria já começou, mas doutra forma.

  3. darksantacruz says:

    Ou seja uma guerra para ver quem espia mais.
    Os EUA na minha opinião ficam muito mal na fotografia.

  4. PGomes says:

    Mesmo com o Trump como Presidente, os EUA estão muito mais próximos de Portugal do que a China. Seja em ideologia, politica, cultura e aliados.
    No entanto, alguns dos nossos lideres, que são muito competentes e nada corruptos, venderam várias empresas Portuguesas importantes à China. E se a China se zanga connosco, vai doer.
    Estamos um pouco entre a espada e a parede.

  5. Algo says:

    Nesse caso mantemos o 4G. Boom. #ProblemSolved.

  6. Miguel says:

    Em resumo, o embaixador dos EUA está a pedir ao governo português para se despachar a decidir se prefere que os portugueses sejam espiados pelos americanos ou pelos chineses.
    Apesar de não gostar do tom do embaixador nem da forma como os EUA têm lidado com o resto do mundo nos últimos anos, a verdade é que a China não me inspira confiança nenhuma, a começar por ser uma ditadura comunista.

  7. SANDOKAN 1513 says:

    “Santos Silva responde a embaixador dos EUA: “Quem toma as decisões é Portugal”.”
    Ah,ah,ah,deixem-me rir !! Mas o que é que esta abelha,este imbecil quer ?? Portugal tem que se sujeitar e baixar a bolinha neste jogo de interesses.Somos tão pequeninhos a nível mundial que não passamos de uma formiguinha a defender o quartel.Temos que acatar o que nos impõem porque se nos fizerem algum tipo de um embargo futuramente nem para sobrevivermos teremos.

    • Pegulho says:

      Mas tu estás bem? Ele disse alguma mentira? Quem lá está é que sabe melhor que tu e que qualquer um de nós o mais vantajoso.. Não interessa se somos pequenos ou minúsculos, somos capazes de tomar a decisão, felizmente ainda nos cabe a nós escolher… E nesse ponto, mandava os dois para um sítio que cá sei e tratava era de parcerias com países europeus…

    • Abreu says:

      Somos tão pequeninos… Sandokan nós fomos a 1 grande potência a nível mundial.. temos tanta história!!

      Os americanos limpam cérebros através de Hollywood, mas tb não estou do lado da China.

      Em Portugal quem decide são os portugueses.

    • Filipe says:

      Contrasenso. Se fossemos assim tão pequenos eles nao se preocupariam tanto com o que fazemos. Vai lá ver se eles andam preocupados com a Islândia ou a Tailândia…

  8. ElectroescadaS says:

    De um ao outro, venha o Diabo e escolha e nós é que nos lixamos… 😀

  9. Sardinha Enlatada says:

    Isto agora e a descarado. E triste quando um pais comeca a fazer chantagem e nao deixa os outros paises tomarem as suas decisoes livremente. EUA e China ? Esta guerra cheira-me a pretexto para outra coisa. Igual o covid so falta despir as cuecas. Que diferenca faz sermos espiados pelos EUA ou Chineses ? Vamos ser espiados de qualquer forma. O que nem devia ser permitido, mas e impossivel nao sermos.

  10. zezinho says:

    É assim desde 1974 ainda não ampredemos.

  11. njag says:

    Isso não é só Portugal, é a Europa toda.
    A Europa vais ter de escolher a quem baixar as calças, EUA ou CHINA.
    Ou um ou outro vamos ser espiados, neste momento somos espiados pelos EUA e sabemos para onde e para que servem essas informações, agora da CHINA não sabemos de momento qual o efeito disso.

  12. ToFerreira says:

    “Santos Silva responde a embaixador dos EUA: “Quem toma as decisões é Portugal”.”
    Que anedota!

  13. Cicrano says:

    Na boa… Os variadíssimos (des) Governos de Portugal estão habituados a serem paus mandados e vão baixar as calcinhas como sempre.
    Depois dizem que Portugal é um País independente.

  14. Rock the box says:

    Assim que o Trump cair acaba a guerra com a huawei. Que investimento é que os estados unidos fizeram em Portugal? Dívidas, a começar pela base das lages, onde nunca pagaram um cêntimo pelo espaço!!!! O Trump quer mandar no mundo mas é apenas um palhaço com poder.

  15. supersilva says:

    Democracia: nós podemos espionar vcs, mas não queremos que usem tecnologia de outros que podem espionar vcs, além de perdemos dinheiro, então, tem de usar uma tecnologia inferior e mais cara fornecida por nós…

  16. Xi Jiping Jr says:

    ja estamos nas mãos da china, só falta prender toda a oposição, construir campos de concentração… perdão campos de formação e reeducação, fazer colheita de órgãos nas prisões, proibir e prossecução de minorias, quem é cristão, muçulmanos, judeu entre outros e dar todos os portos, bases, industria e recursos naturais, por chines como primeira lingua e deixar a china explorar os recursos maritimos. porque portugal faz parte da china desde tempos ancestrais……

    @Nacode

    -Napalm no vietnam
    -Nagasaki e Hiroshima
    -guantanamo
    -Iraque é as armas químicas invisiveis
    -golpes de estado orquestrados

    china:

    – secretamente colabora com japão para enfraquecer KMT para depois usurpar o poder, que custou milhões de vidas.
    – invadiu tibete
    – invadiu Turquestão Oriental que depois mudou de noma para “Xinjiang” onde tem campos de concentração e genocidio de uigures
    – desde queda do imperio Qing continua a ocupar 50% do territorio d mongolia (inner/outer)
    – invadiu e continua a ocupar partes da india
    – genocidio e contrução de campos de “reeducação no tibete” e em inner/outer mongolia
    – reclama territorios de: Tajiquistão,Russia, Vietname,Filipinas, Coreia, Malasia, Indonesia, India, Japão…..
    – “Debt Trap” ou seja forma mais subtil de ter colonias em paises pobres no sudeste da asia, africa e o mais famoso caso VENEZUELA.
    – Mente sobre corona virus, porque tudo tinha que parcecer ir bem até o congresso do partido comunista chines, coincidência dias depois “confirmaram que havia uma pandemia”
    – Raptos de estrageiros para chantagem para fazer os países obedecerem e baixar as calças.
    – Ameaça destruição da VERDADEIRA REPUBLICA DA CHINA “taiwan”
    – roubo de tecnologia e tudo mais de todos os paises, não foi milagre que fez a china passar de pais pobre para rico num piscar de olhos….
    – revolução cultural que matou milhões
    – “great leap” do mao que matou milhoes devido a fome
    – agradecer a china a existência da coreia do norte quando a UN tinha a guerra ganha, sim “UN” mas a esquerda só fala dos EUA mas esta guerra foi de various paises sobre a tutela da UN

    lista é longa……… podiamos estar aqui um ano a escrever a bela historia de quanto melhor é a china do que os EUA…..

    • adbu says:

      Falta aí comentar os black que são subjugados no seu próprio país.
      Os os verdadeiros americanos, aka nativos americanos, que têm de viver em reservas e que são administradas pelo Governo dos EUA. Os EUA continuam a oprimir pessoas no seu espaço territorial mas como são os EUA podem fazer tudo.

  17. Jota says:

    Está na hora da UE ter o seu próprio exército, para que passa defender os seus interesses! Ou então esperar por um novo presidente dos EUA que não tenha esta visão do 1º eu, 2º eu e depois eu!

  18. Rui Varalonga says:

    O Vladimir explica-lhes como se faz.

  19. Maria says:

    Não entendo muito . Não temos tecnologia europeia! Por exemplo a NOKIA nao fornece este tipo de tecnologia?

  20. Quelhas says:

    Isto é de demais, ninguém fala das verdadeiras razões. Vamos ser espiados e vamos, só que não quer ver e que pensa que mesmo com tecnologia 5g chinesa os usa não vão espiar e vice-versa. A única coisa aqui é o dinheiro. Os usa não tem tecnologia 5g de jeito. É quem mais implementar a sua arquitectura 5g vai ganhar triliões de biliões de euros nas próximas décadas. Os usa apenas estão a forçar todos os que podem para usar a sua tecnologia de mer** para poderem ganhar dinheiro. Como para os usa infelizmente não dá para invadirem todos os pais do mundo para os forçar a usar o 5g deles (como fizerem é fazem com todos os pais com petróleo que não seguem as suas regras) então ameaçam. Gosto da China mas é verdade que não são santos e têm os seus próprios interesses em tudo que fazem (aliás como qualquer país) mas isto é apenas uma questão de encher os bolsos dos americanos e a suas políticas nas próximas décadas.

  21. CMatomic says:

    Com este IP já dá para comentar nesta pagina ?

  22. Nobre says:

    Estava para dar a minha opinião sobre a noticia,li alguns comentário e perdi a vontade

  23. KodiakShadows says:

    Matéria para entretenimento. Venha o próximo episódio, os amaricados gritam mais alto tal o é o desespero.

  24. Marcio says:

    A Europa sempre foi insignificante a partir da última guerra fria…Imagina Portugal…

    • Rei David says:

      Não sabes o que dizes. A europa abdicou de exercito por ser protegida pela Nato da qual faz parte, bastava esse acordo não ser cumprido e a europa volta a ter exercito. Toda a gente fala dos americanos mas quem ganhou a segunda guerra mundial foram os sovieticos e ao radar inventado pelos britanicos, pois o exercito alemao estava anos luz a frente do americano. Ainda hj a europa em tecnologia esta em muitas areas a frente dos estados unidos, claro que militarmente não esta simplesmente pelo acordo que tem com a nato e prefere investir em infraestruturas e seguranca social algo que os americanos coitados nem sabem o que e.

      • Test User says:

        Por acaso sovieticos ganharam a guerra no Pacífico?
        Os americanos combateram em duas frentes e ganharam nas duas. Ambos lados tinham aliados. Não vamos agora reescrever história como esta em moda hoje em dia.
        Europa estava com economia de rastos, teve de optar por usar os recursos na recuperação da economia. Europa poderia ter criado exercito mais tarde mas não o fez.
        Alguns países fizeram como por exemplo Inglaterra e a França.

        • Rei David says:

          Os americanos so se meteram na guerra porque foram atacados pelos japoneses, antes disso eles nunca quiseram ajudar. Contra o Japao ganharam apenas e so gracas ao genio europeu Einstein que deu a formula da bomba atomica para fugir da europa. Mas não comparem o japao imperial com a alemanha nazi….ate portugal ganhava ao japao. A alemanha tinha os melhores avioes, os melhores tanques, misseis v1 e v2 que eram chamados de olho do inferno tal era a destruicao e ai foram os sovieticos que fizeram o servico quase todo e como consequencia perderam um terco da populacao total da russia na altura.

          • Rui says:

            É só especialistas!!!!

            Portugal ganhava ao Japão imperial em que século? Nos séculos XX e XXI não é de certeza!

            Só a força naval que arrasou Pearl Harbour tinha um poder de fogo que Portugal só teve no século XV!!!!!

            Só a força que atacou a ilha:
            6 porta-aviões
            2 couraçados
            2 cruzadores pesados
            1 cruzador leve
            9 contratorpedeiros
            8 petroleiros
            23 submarinos
            5 minissubmarinos
            414 aviões
            (350 participaram do ataque)

            Diga-me em que altura é que Portugal teve esta força de ataque junta no mesmo local!!!!

          • Test User says:

            @Rei David: Revisionismo continua
            Japão tinha exercito com 6,300,000 homens e marinha com 2,100,000 homens.
            Imagina Portugal quanto teve uma guerra tinha 148,000 homens
            (guerra colonial).

            Sovieticos tambem derrotaram os Italianos ?

            Sovieticos queriam tanto ajudar, que começaram logo por atacar Filândia e posteriormente anexaram Estonia, Letónia, Lituânia e partes da Romenia.

      • Rui says:

        Enquanto os europeus não quiserem saber da sua defesa e nem investirem a sério, vai ser sempre irrelevante para qualquer decisão mundial. Os tugas por exemplo só querem saber do COVID, futebol e big brother. Querem lá saber que a nossa costa não seja vigiada e venham para cá marroquinos que não sabemos sequer as origens ou as intenções!!!! Um país manso destes só pode ser um pau mandado de outra potência. É assim na vida e é assim com os países!!!!!

        Hoje em dia quem manda em qualquer parte do mundo são os EUA, Rússia e China. E a Rússia como sabemos tem uma economia muito atrás de vários países europeus.

        Continuem os mansos europeus a não investir no própria defesa, que vêem cá os outros de bom grado defender-nos!!!!!!! Ridículo!!!!!!

        • Rei David says:

          A russia manda em que? Um pais pauperrimo, com pib per capita metade do portugues, tem algum armamento militar e petroleo mas de resto….a china sim tem crescido muito. A russia e um pakistao ligeiramente mais evoluido.

          • Rui says:

            Como!?
            Meu caro, a China pode ter muito mais poder económico, mas para já a Rússia manda mais que a China em todo o mundo.

            Pesquise lá quais são os 2 países com maior arsenal nuclear do mundo. Um é os EUA, e o outro?

            A quem acha que o ditador da Bielorrússia pediu ajuda para o proteger? E a Síria? Porque é que americanos e Turcos não conseguiram derrotar o Assad? É a Sìria assim tão forte? E porque é que a Turquia, o 2º maior exército da NATO-OTAN, foi derrotado humilhantemente quando invadiu parte da Síria?

            Outra questão, quem é o 2º maior exportador de armas do mundo sabe?

            Meu caro, neste momento, o que impede o Putin de vir por aí a baixo (como demonstrou na Geórgia e Ucrãnia), são os Estados Unidos, ou acha que toda a Europa junta consegue fazer frente à Rússia? Se acha que sim…… é crente!!!!!!

            Olhe, conte os navios de guerra que estão no activo na Marinha Russa: https://en.wikipedia.org/wiki/List_of_active_Russian_Navy_ships

            A Europa sem os EUA em dias tombava. Veja bem a lista de navios de guerra Russa e compare com os 5 navios de Portugal (dos anos 90) + 2 submarinos…… olhe, só submarinos a Rússia tem 70 e pode ter a certeza que tem mais que toda a Europa junta!!!!!

          • Test User says:

            @ Rei David: Desculpa dizer-te continuas fazer comentários deslocados da realidade. Procura ajuda.

            PIB Russia: 1,637,892 Milhões Dolares
            PIB Portugal: 236,408 Milhões Dolares

  25. jorgeg says:

    “ameaçam” loollll,… TRISTE & RIDICULO
    #Trump2020, #Trump2024, #Trump2028, #Trump2032

    Somos um pais comunista ameaçado,…

  26. João Santos says:

    A minha opinião e ficar neutro. Temos os USA que quer sugar ainda mais dinheiro e temos o chinês que quer mais e mais. A verdade e que se calhar temos de criar algo europeu ou europeu e russo. Caso não funcione avançamos para uma nova descoberta marítima e vamos ensinar os gajos que não mandam e que voltamos a nadar neles se for não houver outra solução. Eles usa e China só falam assim porque os europeus idiotas compram material deles. Talvez se aplicarmos sanções europeias aos usa e repatriarmos o diplomata eles acalmem.

  27. Rui says:

    Para quem anda a leste de geopolítica e até acha que nem devemos ter forças armadas!!!!!! O que seria inédito em 900 anos de história, que nos fez chegar aos dias de hoje independentes (não foi graças aos políticos que permanecemos independentes, foi muitas das vezes à força e com a ajuda de aliados….. que muitas das vezes até fizeram mais dano do que os nossos supostos inimigos!!!!!

    Portugal é um importante membro da NATO-OTAN, temos forças das NATO-OTAN no nosso território e até temos um grande porta-aviões nas lajes para os americanos utilizarem!

    A China já será ou está prestes a ser uma superpotência a par dos americanos (pelo menos constrói mais navios de guerra que qualquer outro país do mundo, são só 10 navios de guerra por ano do tamanho dos nossos maiores navios que temos actualmente).

    Os EUA já perceberam que não estão a conseguir sustentar a sua força militar no mundo e estão a recolher para o seu país de origem.

    A China está a comprar empresas e até países (suborno a governos) pelo mundo a fora. Para quem tem dúvidas, vá a Angola ou Moçambique e veja lá quem é que mais constrói nesses países! Estão a tentar caçar tudo o que permita a troca de mercadorias, bens e matérias-primas.

    A Huawei não tem nada de inocente e os americanos sabem perfeitamente que é usada tecnologia de espionagem e captura de sinais.

    Nós operamos F-16 já relativamente obsoletos, apenas com MLU (são aviões que compramos nos anos 90 do século passado!!!!!!) e o próximo avião de combate de Portugal, lá para 2030 a 2040 vai ser o F-35 (quando os nossos F-16 tiverem perto de 50 anos!!!!!!!! Inédito no mundo).

    Os americanos, com republicanos ou com democratas, não vão arriscar vender material militar a Portugal que depois vai ser rastreado pelos fabulosos equipamentos HUAWEI!!!!! Isso não vai acontecer.

    Os americanos e os chineses sabem que dentro de algum tempo vão entrar em guerra (já existe a guerra comercial), o que eles estão a perguntar é se estamos com eles ou contra eles!!!!!!

    Eles (americanos) sabem sabem o que o comum português não imagina, que já temos imensas empresas nas mãos dos chineses, só para os mais distraídos:
    – EDP;
    – BCP (parte do capital);
    – Mota-Engil;
    – Galp;
    – REN;
    – Luz saúde;
    – Fidelidade;
    – Agora até a TAP….. https ://sol.sapo.pt/artigo/689942/portugal-o-cantinho-que-nao-fica-esquecido

    Atenção que estamos a falar só das maiores empresas no país!!!!!!!!

    Se isto não é preocupante, então não sei o que será!!!!!!

    • Joao Ptt says:

      Quanto aos F-16, ao aos F-35 ou outro F qualquer coisa não servem de muito de qualquer maneira, são muito poucos, teriam de ser centenas e estarem prontos a levantar voo imediatamente, do contrário é só para fingir que existe uma força aérea, praticamente qualquer país invadirá Portugal com grande facilidade, sim existem muitos malucos nas forças armadas, mas os outros países todos também tem malucos e gente com muita experiência por isso no final das contas seriamos aniquilados e os F qualquer coisa não farão qualquer diferença no resultado final, até porque mesmo que estivessem a funcionar as armas acabariam em tempo “nenhum” e lá ficávamos nós (nação) com uns pisa papéis dispendiosos.

      De qualquer forma Portugal pode ir comprar aviões de combate a qualquer outro lado, Eurofighter, SAAB Gripen, entre eventuais outros… não tem de ir comprar aviões aos EUA para os EUA depois poderem desactivar à distância, ou simplesmente deixar de mandar peças como costumam fazer sempre que alguém não faz tudo o que eles querem.

      • Rui says:

        Não me lembro dos EUA algum dia ter recusado enviar-nos peças…… excepto se não pagarmos.

        Não precisamos de centenas, só do número suficiente para que os vizinhos não olhem para nós como uns fracos. Basta vermos as compras recentes de Espanha, Marrocos e Argélia para percebermos facilmente que agora somos o elo mais fraco.

        Não percebo porque grande parte dos tugas não se importa pela sua defesa e os políticos como são iguais a quem os elege, tratam de desmantelar o pouco que ainda temos que nos defenda.

        Não precisamos de centenas de aviões, não temos pretensão de sermos uma potência militar, basta estarmos ao nível da Argélia, Marrocos e Espanha. E para isso 50 a 100 aviões era suficientes e não os 28 que temos agora e ainda por cima com o peso da idade.

        Até 2030 se actualizássemos os nossos F-16 MLU para F-16V e comprássemos mais tarde uns 20 F-35, que podíamos aumentar à medida que vendássemos os F-16V, teríamos sempre uma FA de respeito!!!!!

      • Rui says:

        Os nossos vizinhos têem isto:
        Marrocos:
        – 23 F-16 D e + 25 F-16V encomendados;
        – 26 F-5E;
        – 25 Mirage F-1

        Argélia:
        – 13 Mig-25;
        – 32 + 14(encomendados) Mig-29;
        – 22 SU-24;
        – 58 SU-30.

        Espanha:
        – 72 F-18;
        – 73 Typhoon

        Nós estamos a anos luz de qualquer destes países.
        O Gripen não é solução, o Gripen igual ao que o Brasil encomendou, é um avião de 4ª geração, tal e qual como o F-16!!!!!! A gastarmos dinheiro, que se gaste num avião de 5ª geração (stelth)!!!!!

        Compare os números dos vizinhos do norte de África e quem parece do 3º mundo somos nós, com apenas 28 F-16 obsoletos e mal armados!!!!!

      • Martins Jean says:

        Reparou como o Azerbaijão ganhou a guerra à Arménia em Novembro 2020? Com drones (turcos) lança mísseis (que rebentaram com tanques, órgãos de Stalin etc, q custam balúrdios qdo comparados com aviões, helis, tanques, barcos de guerra, submarinos etc.. Lembre-se dos stinger EUA com que os Afegões derrotaram os Russos. O que me parece é que as futuras guerras vão ser ganhas 1.º por via eletrónica e 2.º por sistemas baratos tipo mísseis e drones.

    • adbu says:

      E as empresas que estão na mão dos americanos não é preocupante?
      Temos aviões europeus, não precisamos de Fs e enviar o nosso dinheiro para a amarica

      • Rui says:

        A única empresa relevante nacional, nas mãos americanas assim de repente só me lembro da Lone Star que está mortinha para vender o Novo Banco, assim que receber o último cheque de 900 milhões.

        Conhece mais alguma empresa nacional e relevante nas mãos americanas? Ou ando esquecido ou não vejo mais nenhuma!

        Já agora, já pensou porque é que os chineses compram empresas nacionais ligadas à energia, transportes, portos, água, construção civil, banca e seguros? Eu respondo por si, são sectores estratégicos que entregamos aos chineses!!!!!!

        Mas como os canhotos andam muito ocupados a culpar a Alemanha e os EUA por tudo o que de mal nos atormenta, nem reflectimos no facto dos chineses terem investimentos muito maiores em Portugal que a Alemanha e EUA juntos!!!!!!!!

        • adbu says:

          Pelo menos alguém que investir em portugal.
          A europa deveria tomar uma posição forte e deixar de estar dependente dos eua e america. Devos ter empresas que sejam alternativa à google, microsoft, apple, amazon, facebook, etc.
          Os nossos dados estão todos nos eua e que são explorados pela nsa e companhia.
          Portugal tem que dar o exemplo e ser uma farpa no poder americano, assim como os lusitanos foram ao império romano.

          • Rui says:

            Não sei se o que diz revela inocência, ignorãncia ou pior!!!!!

            Os EUA estão a perder influência no mundo e a China está a ocupar o lugar dos EUA, mas há uma grande diferença entre os EUA e a China, o 1º é uma democracia e a 2ª é uma ditadura. Veja lá quem se mete com a China o que lhes acontece: Hong Kong, Tibete,……
            Já ouviu falar nas ilhas artificiais que os chineses “plantaram” à porta dos países vizinhos!?!?!?!

        • lol says:

          rui isso e desculpa para o EUA querem comandar tudo, ou tentam impor marcas

  28. Samuel MG says:

    Portugal devia usar tecnologias europeias. Se os EUA querem mandar que vão mandar no país deles. Cambada que palhaços estes americanos.

  29. Mario Mireno says:

    Afinal de onde vêm as ameaças?!… As interferências de soberania? De Bulling político e econômico?!… Da China ou da América? … Este “embaixador” nem se fica por meias palavras… “O Senhor” dá ordens ao seu vassalo… Abram os olhos. .. quem está a pôr em risco a paz mundial quer politicamente, economicamente e militarmente, não é a China, é a América!…

  30. RM says:

    E que tal nenhum dos dois !? Porque não escolher tecnologia Europeia, não seria melhor ?

  31. egnestle says:

    Bom, mas mesmo bom, era vender as Ilhas
    Selvagens a China, eventualmente os espanhóis iriam se opor pois querem as ilhas para si, por isso era 25% para eles e tá feito.
    Tendo em conta a localização estratégica no Oceano Atlântico, uma Base Militar para proteger os seus interesses Africanos, 200000000 de € seria um preço adequado e acessevel para os chineses.

  32. Tiago Santos says:

    Eu acho que reduzir ao mercado das telecomunicações as parcerias entre Portugal e China é muito limitador do espectro. Há imensas empresas com parcerias com empresas chinesas. Menos as há com empresas Americanas. Arrisco a dizer que poucas vantagens nos trazem os EUA. Além do mais, os EUA está a cobrar impostos ridículos a produtos que venham de certos países europeus, como é o caso da Alemanha. Dito isto, os EUA têm de perceber que ninguém depende deles, eles é que dependem dos mercados europeus e asiáticos. É catastrófico no mercado dos telemóveis perder para a oferta chinesa? É claro. São os produtos EUA desajustados á maioria do poder de compra? Eu acho que sim… Mas é só a minha opinião sobre o assunto… Continuarei a comprar Xiaomi, no AliExpress!

  33. Euéquesei says:

    Eu acho que Portugal deveria já enviar a Esquadra do Ártico, junto com a Esquadra do Índico, para meter os Americanos na ordem.

    Mandamos tb a Esquadra do Polo Sul e do Pacífico para junto de beijing,para eles verem o nosso potencial ameaçador…

    Aqui quem manda é quem tem dinheiro.
    Não temos dinheiro? Então mandam os outros.
    Ponto final.

    País falido, sempre a pedir esmola, a dizer que quem manda é Portugal?
    Hihihi, quem manda é quem pode, não quem quer.

    Portugal vai fazer o que os outros disserem para fazer e mais nada…

  34. Adrisoares says:

    Os Trumpianos esquecem-se quem são os arrendatários da Base das Lages? Eles que venham com ameaças que Portugal começa a consultar os Russos ou os Chineses para serem os futuros arrendatários…. FdPs, tem o rei na barriga

    • Ricardo Morgado says:

      Se os americanos saem da base das Lajes o governo cá até se borra lol

      • L Sampaio says:

        Os americanos não pagam nada pelas lajes e andam a contaminar aquilo tudo com radioactividade que provoca vários cancros nos habitantes da Terceira!!!!

      • pedro neves says:

        das coisas ke deve continuar a passar na base das lajes ehhh ( Pasta Base Cocaine ) como passou naquele aviao da CIA em que nao foi permitida a revista ao aviao porque era ( top secret presos de guantanamo bay ) e passado nem 1 ano esse mesmo aviao foi encontrado despenhado no mali em africa com 10 toneladas de cocaina

  35. João Ribeiro says:

    Portugal tem de escolher o mal menor que são os EUA, pois os chineses não interessam a ninguém com a sua política de total desrespeito pelos direitos humanos.
    Invadiram o nosso país vendendo quinquilharia
    não investem nada, não criam postos de trabalho , se precisam mandam vir da China e os portugueses permitem tudo isto e ainda se lamentam que não há emprego.
    Em cada loja chinesa são dois ou três empregos de portugueses que se perderam pois eles só em casos raros admitem portugueses .
    Tudo com a convivência dos nossos políticos.
    Devemos estar do lado dos nossos parceiros não dos chineses, país havido de recursos que não olha a meios para os obter.

  36. Rei David says:

    Portugal e um pais socialista de esquerda neste momento, a china e a russia seriam os primeiros a vir proteger nos. Claro que o pior pesadelo dos americanos sempre foi a russia e a europa juntas, pois passariam a ser irrelevantes. O Putin sabe disso e por isso fez Hillary perder para Trump, provocou o brexit para afastar os ingleses que sempre foram pelos americanos e deixar a europa aberta a um acordo com russia e turquia. Os chineses ao verem isso investiram milhoes na europa pois preferem os europeus aos americanos, e os estados unidos desesperados fazem estas ameacas pois sabem que vao se tornar irrelevantes pois de nada lhes serve ficarem apenas com ingleses e australianos.

  37. Abreu says:

    Temos que ter a sabedoria de jogar para os dois lados, América e a 1 economia mundial mas a China daqui a 5 ou 6 anos já vai ultrapassar os EUA, no futuro vai ser a China a maior potência económica. Cabe agora a Portugal escolher o presente ou apostar no futuro

    • Samuel MG says:

      EUA já perderam o 1º lugar, por isso é que andam a fazer guerra com a China. Outra coisa que EUA não entenderam ainda que estão nas mãos da China (60% da divida externa).

  38. Padeira de Aljubarrora says:

    “Não há qualquer ameaça. A ameaça vem da China…” Só esta resposta deste badameco diz tudo.
    EUA sempre com a mania do “Quero, Posso e Mando”. Desculpem lá, prefiro morrer com orgulho a erguer o dedo do meio aos EUA do que lhes baixar as calças. Não que a China seja muito melhor, mas entre os dois, que venha a China. Já viram ficarmos sem AliExpress? 😛
    Como já foi dito, e bem, já fomos uma das maiores potências do mundo. Sim, foram outros tempos, no entanto, não deixa de fazer parte da história. E o que os EUA pensam disso? Simples, basta pegar em jogos de estratégia e ver que nos mapas não vem Portugal e Espanha, apenas Espanha. Dou o exemplo do jogo “Rise of Nations”, de uma produtora de jogos americana.
    Já foi comprovado que temos as melhores forças especiais (GOE), os melhores pilotos de caças, a melhor frota naval, muitos investigadores portugueses bem reconhecidos lá fora, temos o melhor vinho, temos os melhores enchidos e a melhor cozinha. Fomos os primeiros a construir caravelas e a navegar os mares. Tivemos a melhor padeira do mundo. Fomos nós que criamos o ATM.
    Sim, os americanos podem invadir-nos e limpar-nos o sebo. Mas gostava de os ver tentar. Pobres, sem recursos, mas orgulhosamente Portugueses!!

    • Rei David says:

      O age of empires 3 tem Portugal e ate falam portugues. O cossacks também tem portugal, idioma portugues e ate tem a torre de belem como um dos melhores edificios do jogo.

    • Rui says:

      Outro que vive na lua!!!!!
      Por acaso sabe que as nossas Forças Armadas são só 26 000 soldados dos 3 ramos? Por mais profissionais que sejam (e são sem dúvida) o que é isso nos dias de hoje! Todo o nosso exército só dá para 1 ou 2 divisões!!!!!

      Sabe com quantas divisões o Franco pensou invadir Portugal na 2ª Guerra Mundial? Eram só 20 divisões!!!!!! https: //expresso.pt/actualidade/o-plano-de-franco-para-invadir-portugal=f446991

      Você sabia que nem aviões de treino temos para treinar os nossos pilotos?
      Sabia também que temos 1 fragata na Holanda à 2 anos para fazer um miserável upgrade e…… ainda não regressou porque falta pagar a reparação!?!?!?! Das 5 que temos, só 1 está a navegar!?!?!??! Que apesar das Fragatas terem cada uma 1 helicóptero, também só 1 está pronto a voar!?!??!

      Isso diz tudo sobre a forma como políticos e a população em geral pensam na forma de desmantelar as FA e depois somos os melhores do mundo…….. tretas!!!!!!

    • pedro neves says:

      E tambem vamos ser os primeiros a levar um balazio na cabeca sem fazer nada no momento que os americanos vierem ca invadir portugal

  39. jorge says:

    Os americanos a melhor coisa que poderiam fazer era deixar Portugal ao abandono, e lhes enviarem todos os tugas que se encontram nos USA para que a tugolandia os envie para a china, assim os tugas aprenderiam mais a dar valor a países ditos democratas e que nos poederiam defender um dia.

    • Joao Ptt says:

      Se houver guerra aqui na Europa pode ter a certeza que os EUA só se preocuparão em proteger a sua nação e Israel, e só quando perceberem que a seguir seguem-se eles é que decidirão avançar para proteger a Europa o que restar da Europa, não porque o queiram, mas porque a seguir sabem que são eles, um pouco à semelhança do que aconteceu na segunda guerra mundial, eles sabiam perfeitamente que se os Alemães conseguissem a Europa toda, parte de África, e a Rússia… a seguir eram eles e não teriam hipótese nenhuma de ganhar a guerra nessa altura, também estariam a falar alemão por esta altura.

  40. Ana says:

    Não sou de acordo a que os EUA venham fazer ameaças a um pais soberano como é o nosso e que nao podemos ceder a ameaças de outros Estados, mas sou contra a entrada da China em mais um negocio qualquer dia isto é tudo deles estamos a vender o nosso pais aos chineses isso sou totalmente contra

    • Rui says:

      De acordo!

      Esta “ameaça” estúpida, que eu acredito que tenham feito a todos os países, mostra a diplomacia “polida” trumptiana!!!!!!!

    • pedro neves says:

      amigo os estados unidos podem alegar o que literalmente quiserem sobre os chineses comprarem tudo mas os estados unidos tambem fazem o mesmo imprimindo USD dollars non stop … neste caso os estados unidos nem sequer deveriam ter oportunidade de alegar fosse o ke fosse visto a intervencao deles se impor em coisas que apenas cabe ao governo portugues decidir como tambem de os estados unidos tentarem por via de terceiros criar instabilidade nos negocios de portugal e dos portugueses com ameacas de sancoes e ultimatos sore cortar relacoes com a china

  41. Rodolfo Silva says:

    Por um lado a china um dos países mais deploraveis do mundo, sinónimo de ditadora, presseguição política, atentados à liberdade e segurança pessoal, invade países, reprime minorias de forma violenta, etc. E por outro lado um país que tem os seus problemas mas que é uma democracia. Acho a resposta a esta situação obvia. A china é uma ameaça a segurança global e Portugal deveria pensar antes de se juntar a qualquer iniciativa chinesa.

  42. Antonio Borges says:

    Que o 5G seja chinês ou americano, isso não é importante ,ambos vão continuar a espiar-nos como têm feito até hoje.

  43. Gervas69 says:

    Neste momento acho que os EUA precisam mais de nós do que nós deles.
    Usam as nossas bases para chegar ao médio oriente porque a alternativa é passar pela China.
    Devemos olhar para o nosso nariz e ver o que é mais conveniente e não ouvir os interesses dos outros porque quanto mais não seja daqui a 4 anos a política nos EUA muda.
    Este será talvez um último folgo de uma administração que não conseguiu arranjar um inimigo invisível para colocar em prática as políticas que queriam.

  44. Romeu Janeiro says:

    Era bom que o ministro dos negócios estrangeiros leia mais sobre a estratégia do governo chinês em dezenas de países pobres como nós!…. Nunca ninguém os vê a criar empresas, apenas compram as boas empresas estratégicas para, posteriormente, controlarem politica e financeiramente esses país.
    Portugal que se cuide!?…

  45. Pedro Farinha says:

    Pronto oh Santos Silva. E quem toma as decisões também são os EUA.
    Este xuxas é burro que nem uma porta! Aliás…todos eles.

  46. greego says:

    Os gringos, os maiores destabilizadores da paz mundial na últimas décadas a quererem impor a países soberanos as suas estratégias comerciais e ameaçando com retaliações. Num país decente teria guia de marcha até à origem…mas nós somos pequenos de mais e parece que lidamos bem com os hipócritas americanos…

  47. Rei David says:

    Temos o Antonio Costa que e visto como um lider visionario e serio, que mete muito respeitinho aos americanos. Ja tive colegas do fbi que ficaram pasmados quando viram o treino dos nossos comandos, um dos nossos chegava para 100 americanos. So para terem uma nocao durante o cerco de chaul na India, 2600 portugueses derrotaram 150.000 otomanos, 1 portugues para cada 100 e vencemos. Acreditem em nos!

  48. Pedro says:

    É a dependência tecnológica. A arma dos EUA é a tecnologia, as patentes americanas, os acordos, as sanções comerciais ou a inclusão em listas de não confiáveis, se todos virassem as costas aos EUA dizendo sim ao 5G chinês então os americanos ficariam no limiar da miséria sem acordos comerciais com ninguém ao seguir em frente com os seus “avisos” (ameaças).
    A guerra comercial com a Huawei já está a dar prejuízos enormes as empresas americanas.
    Porque ninguém fala nos biliões de investimentos em 5G e as suas reais aplicações? Não é o setor mobile que vai ver uma nova luz do dia é sim a indústria e a ciência em geral que vão lucrar com as velocidades do 5G. É disso que o Trump quer uma fatia. Quando o 5G estiver implementado globalmente já a China estará a fazer testes ao 6G. Corrida tecnológica os chineses vão a frente, a ditadura comunista só tem contras em relação a liberdade dos cidadãos, mas o crescimento chinês tem sido imparável. Talvez por isso os Russos apoiem a China. Qual o país comunista ou cuja ditadura os leva no pelotão da frente de crescimento económico e tecnológico? Digam me outro cujo crescimento económico se compare…

    • Rei David says:

      Portugal embora não com a mesma pujanca mas com centeno cresceu mto

      • Rui says:

        Cresceu tanto, tanto, mas tanto que só este ano vai tombar provavelmente mais que nos anos de subida de Centena (só num ano!!!!!!!)

        Ah, mas há a crise e tal….. também houve uma bancarrota que todos tivemos de pagar do camarada Sócrates!!!!!!

  49. luiz correia dias says:

    A chantagem dos poderosos!

  50. Pedro says:

    Eu não gosto do Trump e também não gosto do 5G. Mas entre uma coisa é outra não quero o 5G o 4G chega muito bem para o que nos utilizamos. Esse dinheiro, deviam era investir num bem que cada vez está mais em falta e todos nós temos de utilizar, a água vai ser a pior guerra que vai haver no mundo, para nós talvez já não vamos ver essa guerra mas os nossos bisnetos já devem começar a sentir a falta de água…
    Por isso tudo o mundo devia de pensar, sem água não á ser vivo, sem ser vivo não há 5G…

  51. António says:

    É o destino dum país com 46 anos de democracia, com uma divida a caminho dos 300 mil milhões e a pobreza das maiores da UE onde a corrupção alimenta todas estas desgraças. Assim ; vamos ter que rezar”.

  52. Miguel says:

    Uiiii..agora?
    Agora já a Altice comprou quase tudo á Huawei. Aliás até a transmissão core da Altice é quase toda Huawei.
    Na Altice só vale o que é barato.

  53. Joao says:

    Um espião chinês fugiu da China e procurou asilo na Austrália. Fez uma série de denuncias da China de práticas para controlar os manifestantes em HongKong, de tentativas de infiltrar espiões no parlamento Australiano e de tentativas para manipular as eleições em Taiwan https://www.youtube.com/watch?v=zdR-I35Ladk

  54. Sardinha Enlatada says:

    No fundo tudo se resume a: baixa a cuequinha, money talks. Nao estou a ver os paises Europeus darem-se ao luxo de andar a perder PIB, Duma forma ou de outra tem de escolher um lado, estao refens e nao sao assim tao autosuficientes que possam mandar as urtigas a China ou EUA (Dessa tenho duvidas).

  55. Silvio says:

    Somos poucos mas não parvos nem fracos, porque não se podem esquecer que já tivemos meio mundo na nossa mão e deixamos tudo para trás. Hoje podia mos a maior força mundial. Se calhar hoje não estávamos a depender de ninguém. Enfim

  56. Martins Jean says:

    Boa noite.
    Acho que já foi tudo quase dito, e bem. O 5G é uma questão estratégica, de vital importância em matéria de negócios. Não se trata apenas de EUA / Europa se terem “descuidado” e não terem investido tempo e recursos humanos e financeiros suficientes nessa área. Trata-se sim que a CHINA só é amiga de si própria e com o 5G pode entrar, com todas as facilidades, em qq sector estratégico de Portugal e, por essa via dos nossos aliados.
    Parece-me que a opção é clara: EUA.
    Se nos estamos na UE, NATO, CPLP, e em muitas outras organizações Internacionais porque existem valores e princípios éticos, morais, sociológicos, históricos, culturais, civilizacionais, quiça mesmo antropológicos – como sejam Dignidade da Pessoa Humana (Artigo 1.º da Constituição da República Portuguesa) e, a partir daqui, Liberdade, democracia, etc., os nossos políticos não precisam certamente de uma chamada de atenção e vão naturalmente conceber que a única solução possível passa por fazer negócios com a China, desde que tal não ponha em causa estes nossos valores. Que não são os valores chineses. Ou não fosse este país a mais sangrenta e implacável ditadura actual do planeta . Até o “Falung Gong” é uma ameaça para o PC chinês!
    “En Passant”: Não consigo perceber porque é que se colocam lampiões na Av. Almirante Reis (Lisboa), para celebrar o novo ano lunar Chinês, e, não se celebra, o dia em que celebramos o mais antigo tratado de aliança ainda em vigor (com a Inglaterra), ou o 4 de Julho (EUA) ou o 14 de Julho (França). Etc.
    Mas confesso que tenho o receio de os políticos portugueses, desejosos de mostrar obra feita para serem reeleitos – ou eleitos – afundem ainda mais o país em termos económicos e caiam nas debth trap diplomacy em que têm caído países como o Montenegro, Sri Lanka, Malásia, Quénia, Venezuela, etc. (África da Sul está por um fio). é que, uma dívida equivalente a cerca de de 140% de toda a riqueza produzida por Portugal não autoriza mais nenhum disparate e, muito menos, que se entregue aos gananciosos do PC Chinês (a troco de um qq empréstimo) o pouco que ainda nos pertence.
    A propósito: que tal a marinha portuguesa começar a verificar se os chineses, espanhois etc não andam a dar cabo do que resta do nosso peixe?

    • Jota says:

      Festejar o 4 de julho ? por favor até me ri sozinho agora

      • Martins Jean says:

        É evidente que estou a ser jocoso, sarcástico quando falei no 4 e no 14 de Julho. Não faz sentido nenhum, tal como não faz sentido algum estar a Câmara Municipal de Lisboa a pôr lampiões chineses ao longo de toda a avenida Almirante Reis

  57. Filipe Rodrigues says:

    A cereja no topo do bolo seria Portugal ter uma empresa publico privada na área e não ter necessidade de contratar uma empresa externa.

    • Martins Jean says:

      Temos tudo isso: Empresas portuguesas capazes. Mas têm que ser privadas porque se entende (na UE – União Económica, OMC – Organização Mundial do Comèrcio, e outros fóruns do mesmo género) que a actividade do Estado não pode ser concorrencial com as das empresas. Pelo que o Estado tem que se retirar de tudo quanto têm a ver com empresas comerciais, industriais, etc.

      Para completar ideia anterior que resulta de troca de mensagem entre nós os dois e numa das quais manifesta “preocupação” com eventual invasão de Portugal pelos EUA. Portugal não vai ser invadido pelos EUA (a não ser numa situação) porque fazemos parte de uma aliança militar chamado NATO. Somos aliados e parceiros militares.
      Porém, se Portugal for “invadido” pelos EUA será para nosso próprio benefício: Será porque fomos invadidos e dominados por uma potência estrangeira e, consequentemente, foram activados os mecanismos de defesa previstos no Tratado. Assim, Se os EUA nos invadirem, não se surpreenda que o façam em conjunto com, por exemplo, Espanhóis, franceses, e Alemães (entre outros) porque todos estes países fazem parte da NATO (ou OTAN – sigla em inglês)

      O tema do artigo que levou a que escrevesse o que escrevi – e à sua reacção – tem a ver (directamente) com a OTAN/NATO. No âmbito deste tratado Portugal tem acesso a tecnologia militar (designadamente americana) que os nossos potenciais inimigos actuais (Rússia, China, Coreia do Norte, Turquia, Irão, …) não têm nem devem ter. Se Portugal levar mais adiante o estreitamento das relações com a China, existe forte probabilidade de estes últimos passarem a ter acesso a esta tecnologia (designadamente por causa da questão do 5G que é um sistema informático global extremamente poderoso e intrusivo). Em consequência, a China terá possibilidade de construir novos sistemas de armas capazes de contrariar e eliminar aqueles que existem na NATO – e neste caso põem-se em causa o sistema de defesa individual e colectivo de muitos países europeus (e não só) – como ainda irá adquirir tecnologia militar e conhecimentos que não tem e que lhe fazem falta para serem (mais rapidamente) a 1.ª potência militar, que é isso que querem fazer e serem (além de muitas outras coisas que só interessam à China e, em particular PCC – Partido Comunista Chinês).

      • Jota says:

        ‘Portugal tem tecnologia que os outros não têm’ ahahah cada vez melhor a sério

      • Jota says:

        E ja agora os usa só avancaram com a tecnológia graças a 2 guerra mundial e ao facto de os Britânicos terem cedido as suas pesquisas ao americanos visto o pais estar a beira de ser dominado pelos nazis

      • greego says:

        Essa da segurança é treta, a única coisa que interessa aos EUA é que desta vez foram ultrapassados no 5G e como tal usam a segurança como forma de impedir e ameaçar os seus aliados…Faz-me lembrar a mentira do Iraque e seus aliados, hoje o mundo está mais perigoso não pelo Iraque mas sim pelas políticas expansionistas dos USA em busca do petróleo…

  58. Martins Jean says:

    Eu escrevi: “Portugal tem acesso a tecnologia militar (designadamente americana) que os nossos potenciais inimigos actuais (Rússia, China, Coreia do Norte, Turquia, Irão, …) não têm nem devem ter.

    Não escrevi “Portugal tem tecnologia que os outros não têm”.
    Esteja atento.

    Refiro-me exclusivamente a tecnologia militar. Nada mais. Por tudo quanto tem a ver com a peça que foi escrita pelo jornalista.

    Se quiser saber algo sobre armas e tecnologia militar Americana, Europeia, Chinesa, Russa o mesmo Israelita ou Indiana, tem montes de informação no Youtube, na Wikipédia e na internet.

    • Jota says:

      Primeiro o tópico é relaciona com a tecnologia 5G e a mão de ferro que os usa estão a usar para fazer pressão, não sobre se os eua nos vão invadir ou se se dão melhor com a França Espanha etc

      já ouviu falar do recente Amazon One e da sua agenda satânica ? senão aconselho a fazer uma breve pesquisa sobre o assunto é tudo muito estranho isto estar a acontecer tudo junto

      e que eu saiba não existem armas nucleares cá

      graças a Deus estudei obrigado e tenha cuidado porque todas as páginas referidas da web nem sempre a informação está correcta

  59. Martins Jean says:

    A questão do receio de uma “invasão” americana era para outra pessoa que trocou mensagens comigo mas que não surgem aqui não publicadas. As minhas desculpas pela imprecisão e pela minha distração: fica feita a retificação.

    Quanto a questão da tecnologia 5G e dos debates e suspeições em torno da Huawey os americanos fazem um grande banzé à volta disso, é certo. Têm suspeitas. Deus sabe onde está a verdade. Tenho para mim que não há fumo sem fogo. E não acreditei em nenhuma das palavras do presidente da Huawey quando afirmou – todo sorrisos – que a esta multinacional chinesa não fazia nada disso que se imputa. Basta conhecer o básico sobre “body language” para se ter a perceção contrária ao que foi afirmado.

    Mas o que é certo e conhecido é que os americanos – via NSA creio – criaram o programa Echelon e, por essa via ou outra, têm espiado os próprios americanos, europeus e que lhes for conveniente. Há inclusive investigações feitas pela UE que deram origem a documentos (que são públicos e categóricos) produzidos pelo Parlamento Europeu. Quem diz programa Echelon diz redes sociais tipo Facebook, Whatsapp, etc. – quiça o que o “Jota” refere agora – o Amazone One – e notícias que têm vindo a lume de forma recorrente, ao longo dos tempos.

    Quanto a qualidade da informação da net, há com certeza motivo para preocupações e reservas severas. Cada uma diz o que lhe apetece. Mas quando se espreme o limão e se procura indagar a fontes ou fontes é o diz que diz.
    Com uma ressalva: a Wikipédia tem preocupações de rigor e qualidade informativa. Há páginas eletrónica que qualificam como “artigo de qualidade. E são-no. não se limitam a expor certa matéria. Citam fontes pesquisáveis.

    Mas há muito por fazer. Faço pesquisas em 4 línguas e dentro da mesma temática nem sempre as batem certo. Neste momento a Wikipédia permite a tradução automática de páginas em línguas como o Polaco, o Russo, Chinês (mandarim ou cantonês), o hindi etc para PT, En, Fr.

    Mas não me limito à Wikipédia sobre a mesma temática. Tb pesquiso em fontes abertas, páginas oficiais, o que aparecer.

    Já que diz que estudou, pela graça de Deus (“não invocaras o Nome de Nosso Senhor em vão!”) sugiro que faça o mesmo Sr. Jota porque já truncou segmento da minha intervenção adulterando por completo o sentido do que escrevi e permitiu-se ainda ser jocoso. Não faça isso. É feio, não fica bem a ninguém. Estamos a debater ideias, a trocar impressões, conhecimentos, informações, pensamentos. Façamos isso com a necessária elevação e respeito.

    Para finalizar. Há uma máxima do Bento de Jesus Carraça que adotei e dela faço modo de vida, a seguinte: Não tenho medo de errar porque estou sempre pronto a corrigir os meus erros.
    E, como dizem os Beirões (não o sou mas adorou a expressão, plena de sentido: “Bem haja” (por bem fazer)

    Os meus respeitosos cumprimentos a todos quanto tiveram a paciência de me ler

  60. Jota says:

    Pela graça de Deus e graças a Deus são duas coisas completamente diferentes
    Entendo a tua perspetiva
    Mas valeu a intenção tudo de bom !
    Espero ver o pais melhorar ainda mais

  61. Martins Jean says:

    Assunto encerrado. Haja PAZ.
    Bem haja

  62. lay says:

    pessoal diz que a china é uma ditadura e o EUA sao uma democracia pobre edward snowden 😀

  63. Martins Jean says:

    Reparou como o Azerbaijão ganhou a guerra à Arménia em Novembro 2020? Com drones (turcos) lança mísseis (que rebentaram com tanques, órgãos de Stalin etc, q custam balúrdios qdo comparados com aviões, helis, tanques, barcos de guerra, submarinos etc.. Lembre-se dos stinger EUA com que os Afegões derrotaram os Russos. O que me parece é que as futuras guerras vão ser ganhas 1.º por via eletrónica e 2.º por sistemas baratos tipo mísseis e drones.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.