Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Ucrânia

Um email fraudulento sobre o Coronavírus levou a protestos violentos na Ucrânia

Pequenos focos de tensão, alguns indícios ao redor do mundo, começam a dar a entender que o problema pode ter uma escala nunca antes vista. O Coronavírus já fez mais de 2.300 mortos e apareceram já 78 mil infetados. Um, ao que parece, é português e encontra-se a bordo do cruzeiro Diamond Princess, que está em quarentena ao largo da costa do Japão. Na Ucrânia, bastou um email falso que foi produzido para trazer a violência às ruas.

Após as notícias fraudulentas, vários manifestantes bloquearam a chegada de evacuados da China.

Imagem protestos na Ucrânia por causa dos repatriados que estiveram com o Coronavírus


Central nuclear na Ucrânia foi usada para mineração de criptomoedas

Um dos pilares da Bitcoin e restantes divisas digitais é a mineração. A mineração é crucial para a manutenção e estabilidade de todo o ecossistema, sendo que os mineiros recebem criptomoedas como recompensa pela sua contribuição.

Ao passo que uma boa parte das farms de mineração estão na China, foi agora descoberto que uma central nuclear na Ucrânia estava a ser usada para mineração de criptomoedas. O caso já está a ser investigado e pode ter colocado em causa a segurança da central nuclear.

Bitcoin Operadores Mineração rig criptomoedas


Ciberataque para Ucrânia atingindo governo, bancos e aeroporto

O novo tipo de guerra mundial tem novos intervenientes, novas armas e os ataques são com outro tipo de danos. Estamos perante uma guerra cibernética com danos que são pensados e levados a cabo de forma letal, danificando as estruturas de um país.

Na Ucrânia, os sistemas informáticos de várias instituições estão a ser atingidos por um ataque informático. O ataque está a ser dirigido ao governo, bancos e aeroporto. Mas há informações que o ataque já chegou a outros países europeus.


Ciber ataque de grupo pró-russo atingiu serviços Alemães

Recentemente temos visto vários ataques cibernéticos, com resultados devastadores, que começam a ser ligados a alguns governos um pouco por todo o mundo.

O último caso e um dos mais badalados foi o ataque à Sony Pictures, que segundo alguns investigadores teve o apoio do governo norte-coreano.

A mais recente “vítima” de um ataque deste tipo foi não uma empresa mas sim um país e os seus serviços. Desta vez foi a vez da Alemanha.

alemanha_1


Rússia: Hackers atacam o site do canal televisivo Russia Today

Num momento de grande tensão,o site do canal televisivo Russia Today sofreu um deface tendo sido incluído em todos os títulos de artigos a palavra “nazi”. De acordo com um tweet do próprio canal russo , os hackers conseguiram obter a password de administração do site e em seguida deturparam um conjunto de noticias.

O site esteve inoperacional durante 30 minutos e até ao momento ainda não há qualquer reivindicação.

imagem_site_russo_atacado