Quantcast
PplWare Mobile

Tags: planeta

Astrónomos descobriram dois novos planetas errantes na nossa galáxia

Astrónomos polacos acabaram de descobrir dois novos planetas na nossa galáxia. Pode ser uma notícia muito interessante só por si, mas estes planetas são diferentes da maioria.

Ao contrário de quase todos os planetas conhecidos, estes dois astros não orbitam uma estrela. Em vez disso, eles vagueiam sem rumo através do vazio frio e morto do espaço – e presumivelmente passam o tempo numa rota angustiante.

Astrónomos descobriram dois novos planetas errantes na nossa galáxia


Há um planeta gigantesco a vaguear pela vizinhança da nossa galáxia

É uma descoberta que está a fascinar a comunidade cientifica dadas as características do que foi revelado.

Astrónomos norte-americanos descobriram um planeta errante gigantesco, com um campo magnético extremamente forte, a vaguear pela nossa vizinhança galáctica. Este objeto está a apenas 20 anos-luz da Terra.

 


Dia 1 de agosto esgotam-se os recursos naturais do Planeta

Não, não é propriamente um artigo sobre tecnologia mas a notícia que damos hoje, tal como fizemos há um ano, pode influenciar e condicionar em muito o mundo da tecnologia e outras áreas da sociedade no futuro.

Esta quarta-feira, 1 de agosto, a humanidade terá consumido todos os recursos que a natureza pode dar num ano. Nos próximos cinco meses vamos viver “a crédito” e um dia mais cedo que em 2017.

Overshoot Day


Mark Zuckerberg é já o terceiro homem mais rico do planeta

O Facebook, para além de uma rede social, é também uma máquina bem oleada no que toca à publicidade e à criação de receita. A prova desta sua capacidade está agora mostrada, com a chegada do seu CEO ao topo da lista dos homens mais ricos do planeta.

Mark Zuckerberg, o co-fundador do Facebook, conseguiu recentemente chegar à terceira posição de uma lista restrita onde figuram apenas os mais ricos e influentes. Esta posição foi atingida apenas com a valorização do Facebook em bolsa.

Mark Zuckerberg Facebook rico planeta


Rotação da Terra abranda misteriosamente e aumentam os sismos

Os cientistas encontraram evidências de que em 2018 haverá um forte aumento no número de grandes sismos em todo o mundo. A rotação da Terra, tal como outros fatores naturais, é cíclica, abrandando por alguns milissegundos por dia e acelerando novamente.

Segundo os geofísicos, a velocidade de rotação da Terra é influenciada pela atividade existente nas profundezas do planeta e isso poderá estar sincronizado com a atividade sísmica.

Sismos podem estar sincronizados com a rotação da Terra