PplWare Mobile

Tags: dados

Google parou de partilhar dados com os operadores por questões de privacidade

Por estar junto dos utilizadores o tempo todo, o Android e a Google conseguem recolher um conjunto alargado de informação. Não se limita ao software e à utilização do sistema operativo e vai mesmo mais longe.

A empresa mãe do Android chega ao ponto de recolher informações sobre as redes dos operadores e a sua prestação. Claro que depois esta é passada aos operadores, donos destas redes. Esta funcionalidade foi agora cancelada, por razões de privacidade.

Android Google operadores dados utilizadores


Dica: Como ouvir as suas músicas preferidas e conseguir poupar dados no Spotify

Com o verão a começar a crescer, é hora de rumarmos à praia. Para muitos é o momento de ter espaço par ouvir as suas músicas no Spotify sem qualquer interrupção ou compromisso. Claro que isso consome dados e muitos não têm já os seus planos completos.

Felizmente existem formas simples de continuar a ouvir as suas músicas preferidas no Spotify e conseguir ao mesmo tempo poupar dados. Veja como o pode fazer e aplique já no seu smartphone.

Spotify dados músicas poupar preferidas


Dica: Como obter toda a informação útil sobre o seu PC no Windows 10

Cada utilizador deve conhecer de forma total o seu computador. Para além do software instalado, devem também saber que hardware está presente e que pode ser usado. Desta forma consegue controlar o seu comportamento e os recursos que podem ser usados.

Se a maioria recorre a apps externas e desnecessárias, o Windows 10 tem toda esta informação pronta a ser usada. Basta saber onde ela está e como pode ser obtida. Vamos saber como lhe aceder.

Windows 10 dados informação PC utilizadores


Carregar dados na música para “enviar comandos” ao smartphone via microfone

Investigadores da ETH Zurich desenvolveram um conceito de transmissão de dados com recurso à música. Deste modo, tornaram possível inserir dados na música para os transmitir a partir de uma coluna de som de um smartphone para o microfone do mesmo.

Como os dados são impercetíveis ao ouvido humano, isso não afeta a qualidade do som. No entanto, esta técnica poderá ter aplicações interessantes em hotéis, museus ou lojas.


Google e Facebook podem estar a registar os seus hábitos pornográficos

E não, o modo anónimo / incógnito não o protege. De acordo com um estudo recentemente publicado, vários dados dos utilizadores podem chegar ao Google e ao Facebook. Algo que traz nova luz à temática da privacidade online, ou melhor, a falta da mesma, até nas preferências e tipos de pornografia.

O estudo analisou mais de 20 mil sites dedicados à pornografia e as conclusões são claras.

Google Facebook dados privacidade pornografia