Quantcast
PplWare Mobile

Tags: campo magnético

NASA diz que ‘anomalia’ no campo magnético da Terra está a dividir-se

A Terra alberga vida porque existem características propícias para tal. O Sol está à distância certa do planeta, há abundância de água líquida, mas distribuída a não cobrir todo o solo. Além disso, temos uma atmosfera agradável e densa que nos protege da radiação e dos vários perigos vindos do espaço. Contudo, o escudo da Terra é o campo magnético, este protege a nossa atmosfera de partículas carregadas que voam pelo espaço e que, de outra forma, a rasgariam lentamente.

O campo magnético tem sido alvo de muita atenção, pelas mudanças que tem sofrido e agora os cientistas observaram alterações muito intrigantes.

Imagem da Anomalia do campo magnético da Terra


Misteriosa anomalia que enfraquece o campo magnético da Terra parece estar a dividir-se

O campo magnético da Terra é essencial para a vida. Sem este escudo protetor, o planeta poderá tornar-se num deserto desolador e sem vida. Assim, as agências espaciais têm olhado com muita atenção para o campo magnético. Os novos dados de satélite da Agência Espacial Europeia (ESA) revelam que a misteriosa anomalia que enfraquece o campo magnético da Terra continua a evoluir.

Segundo as observações mais recentes, poderemos em breve ter de lidar com um novo fenómeno estranho, dado que a anomalia está a dividir-se.

Imagem da misteriosa anomalia que enfraquece o campo magnético da Terra


Mercúrio tem um misterioso campo magnético que os cientistas tentam perceber

Mercúrio é um planeta pequeno, o menor entre os planetas do sistema solar. Na verdade, o seu tamanho é apenas um terço do tamanho da Terra. Assim, este só se qualifica como um planeta devido à sua proximidade com o Sol. Mas o seu campo magnético é que intriga os cientistas, que não conseguem explicar a razão da sua existência.

Apesar disto, esta bola estranha orbita a estrela a uma velocidade de cerca de 168 981 km/h… o que faz dela um astro veloz, mas estranho!


Campo magnético da Terra nasceu do cataclismo que criou a Lua

O campo magnético da Terra é uma espécie de escudo protetor que envolve o planeta. Segundo as pesquisas nesta área, a colisão de um “planeta” contra uma Terra primitiva iniciou um processo que gerou um poderoso campo magnético, capaz de proteger a água do planeta da radiação solar.

Este campo é um escudo que diminui e desvia o vento solar e os raios cósmicos vindos do Sol. Mas como foi formado e como se mantém este campo magnético?

Imagem do campo magnético que serve de escudo ao planeta Terra


NASA: crise misteriosa no campo magnético da Terra criou um novo tipo de aurora boreal

Desde há algum tempo que se sabe que o campo magnético da Terra está a mudar. Segundo o novo Modelo Magnético Mundial (WMM), a localização do Polo Norte magnético do nosso planeta está a mover-se rumo à Sibéria, na Rússia. Agora a NASA descobriu que estas alterações criaram um novo tipo de aurora boreal.

Uma estagiária da agência espacial norte-americana revelou este tipo de aurora através de imagens de vídeo captadas nos últimos 3 anos do céu do Ártico.

Imagem da NASA mostra uma nova aurora boreal na Terra