PplWare Mobile

Qualcomm e Intel pressionam os EUA para reatar relações com a Huawei


Fonte: Reuters

Desenvolveu desde cedo o gosto pela escrita e comunicação. Em leis formado, tem como hobbies a aquariofilia e a música. Mas é na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e no Pplware a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.

Destaques PPLWARE

  1. Mário Bonito says:

    E se a China decidisse que tudo o que é produzido no seu país não era exportado para os EUA? como ficariam todas as empresas dependentes da manufatura de tecnologias na China? Onde seriam feitos os iphone que os EUA querem proteger da queda acentuada de vendas no mundo inteiro? Se calhar as coisas invertiam-se um pouco.
    Como todos sabemos quase todas as marcas nos espiam. Até me arriscava a dizer que são todas.
    São os americanos e a sua proteção de produtos americanos. A velha história repete-se. Enfim…
    E se realmente o SO da Huawei for 60% mais rápido que o android? Como será a posição da Google nesta situaçâo?

  2. Mário Bonito says:

    Sim ambos perdem muito. O problema é que se quer controlar uma coisa que há muito deixou de ser controlável Agora é só tentar minimizar os estragos.

  3. Oscar says:

    E se a China começasse a respeitar as patentes, e a não obrigar as empresas a ter um sócio chinês. E se a china começasse a respeitar as normas ambientais, direitos humanos e competir justamente (sem a ajuda do governo em subsídios), etc.

    • KodiakShadows says:

      E a America deixa-se de provocar gueras e guerrinhas não seria melhor? Iraque, Siria, e agora o Irão. E se a America deixa-se de apoiar regimes da pior especie como Arábia Saudita e Egipto. Aí sim aquilo que escrevestes teria muito mais valor. E eu não sou comuna nenhum ou outra coisa parecida.
      Diz lá quem rompeu com as ditas normas ambientais, claro o teu amigalhaço querido lider Trampas. Ao contrário da China que sabe bem que tem que implementar normas ambientais e está a fazer por isso. Se tivesses mais informado escusavas de escrever o que escrevestes.
      Já agora os tais direitos humanos são aqueles que na China punem os ladroes, corruptos , etc ao contrário da América onde quase tudo é permitido. Cuidado antes de criticar os outros a America é só telhados de vidro

      • Oscar says:

        Dei a minha opinião, sem insultos! E como sabe se estou bem ou mal informado. E o “trampas” é meu amigo.
        Todos temos direito ao nosso julgamento.
        Filtrando todo esse ódio, quero dizer-lhe que todos os países têm telhados de vidro, as a luta economica entre a China e o resto do mundo (EUA incluído) é bastante injusta, por práticas comerciais da china e bloqueio muito mais severo que o EUA faz (a carne de suíno portuguesa, aquando da resposta europeia aos paineis solares, etc.)
        A china utiliza bloqueios fortes!
        E sou contra todas as formas de guerras, incluiva a dos EUA, mas também sei analisar o que se passa em Hong Kong, no “mar das Filipinas, etc.):
        A China pune os ladrões como fez em 1989 Tiananmen, e faz com a política de China Única (Mongolia, etc.)
        ………..
        Está a ver, podemos exprimir sem insultar nem achar que somos superiores. Aqueles comentários “escusavas de escrever” não o fazem superior, muito pelo contrário!

        • Luís Costa says:

          Oh amigo, não venha com historias da carochinha. Se a China neste momento é o grande país economico que é, muito se deve as empresas do ocidente que so pensam nos lucros rapidos e gigantes.

        • Pedro says:

          +1. Não te preocupes. Aqui há mt pessoal que adora/venera democracias tipo China; Rússia, Irão. Tudo boa gente…

      • Mateus Pinto says:

        KodiakShadows: como o Oscar disse, todos os países têm telhados de vidro, mas uns piores que outros. Veja-se no teu caso: passaste a português e mesmo assim dás imensos erros; falas dos EUA e…como foi Portugal com as colónias e escravos?! Ora faz aí as contas do que pilhamos, roubamos ou escravizamos… talvez os EUA sejam uns meninos comparados com os tugas há 500 anos

        • RPG says:

          Exato, é muito mais fácil apontar dedos aos outros. Eu não conheço país nenhum que não tenha cometido atrocidades no passado, e ainda explore mais o menos parte da população. O sr. Oscar vai buscar uma realidade da China de há 30 anos LOL.. China essa que não era nada no panorama global e que desde então se desenvolveu mais que qualquer outro país na história da humanidade em tão pouco tempo.. hoje a realidade felizmente é bem diferente, embora ainda longe de perfeita. Em modo de comparação, há 50 anos nos EUA, os negros ainda nem direito a voto tinham, tratados como animais.. e faz algum sentido trazer isso para este debate? Óbvio que não.

          • Oscar says:

            Há 30 anos? Os acontecimentos de Hong Kong tem dias, vejamos os protestos. O que passa no mar das Filipinas, Vietname é atual.
            A industria automovel da europa teve que ter sócio chinês e divulgar e partilhar patentes? Analise com a China controla Africa, e os recursos!
            Eu não sou contra a China, nem a favor do EUA. Sou Europeu e Português, mas a China abusa!
            Porque razão existem tantas lojas chinesas sem IVA (peça uma fatura) e nós portugueses pagamos 23%? Porque razão não existe 8 horas de trabalho diário (normas portuguesas)? etc. Isso é a China de 30 anos?
            Não me parece, acho que o Trump está a colocar algumas questões que são importantes, e deveriam ser debatidas pela Europa e restantes países.
            Haja concorrencia, mas legal e justa!

          • RPG says:

            Você mencionou o que se passou há 30 anos em Tiananmen, e eu disse que isso está bem longe de ser a realidade hoje em dia, é um facto. Agora vai buscar os protestos recentes de Hong Kong? Qual o problema com os mesmos e em que se compara? Um exemplo a seguir, tal como referido pela maioria dos media no mundo. Basta ir até à nossa vizinha França, onde tem protestos recentes, com uma brutalidade 10x maior de ambos os lados, e por um tema diria bem menos importante lol.
            Lojas chinesas sem IVA? AHAH.. olha outro mito urbano.. Eles têm os mesmos direitos e deveres que qualquer cidadão em Portugal, não têm benefícios fiscais. Têm no entanto apoios da China, isso sim. Presumo que já tenha ouvido falar em taxas alfandegárias, no qual eles pagam o IVA por exemplo. Depois quando você paga o IVA na loja, o mesmo vai para o estado, portanto também não entendo sequer porque refere isso.

    • pauloj says:

      Acredita que para além de serem ingratos, muitos dos tugas grandes defensores da China , não fazem a menor ideia do que escreve-te. Mais mais hilariante e desfrutarem das regalias, liberdade e democracia da cultura ocidental e desprezarem-na, odiarem-na mas a adorarem a comunista opressora da China, .. hehehe, … wtf? !!!
      Não é normal!

      De facto Albert Einstein tinha razao “Two things are infinite: the universe and human stupidity; and I’m not sure about the universe.”

    • OAK says:

      E se os EUA deixassem de Espiar os seus Aliados políticos e estrategicos? E os comuns cidadãos? E se deixassem de proteger empresas com a Google, Apple, Yahoo, etc..?

  4. Samuel says:

    Li que a Huawei vai cortar relações com a empresas americanas quer o Trump arrepie caminho ou não. Não tenho pena nenhuma destas empresas.

  5. rui says:

    acho que a europa devia estar menos passiva neste assunto, está aqui uma boa oportunidade

    • Alucard says:

      A Europa devia ter uma política a nível da UE para a sua independência tecnológica há muito tempo.
      Há 10/15 anos que devíamos ter desenvolvido o Google europeu, por exemplo. Agora é mais difícil. O GPS europeu, o sistema Galileo está a ser desenvolvido, mas a passo de caracol.

      A Airbus, o Concorde foram projetos europeus que só foram possíveis quando os governos europeus se juntaram com um objectivo comum.
      Onde está agora a ambição da Europa?

  6. Luís Costa says:

    É estes e os Ingleses, tal espécie mais reles que existe. Querem as partes boas dos negócios mas as partes más ou que não são tão boas como desejariam já não querem! Só eles é que podem ficar a ganhar!

  7. Eduardo Silva says:

    Eu concordo com o bloqueio, principalmente por veio acelerar as alternativas ao Android, o que vai fazer com que o “tiro saia pela colatra” aos americanos. Gosto muito do Android, sou utilizador diário de Linux em Desktop, mas acho que o Android nunca qui criar um sistema que também desse em Desktops. O Chrome OS é exclusivo de algumas máquinas, mas para nós utilizadores finais fazia falta um Android de fácil instalação e que funcionasse bem em Desktops. O que a Huawei tem em mãos é um sistema mais rápido que o Android conforme já noticiado nos vários meios ligados à tecnologia, compatível com as aplicações Android e que vai dar para instalar em qualquer dispositivo. Se o Trump não volta a atrás rapidamente, penso que começa aqui o fim do monopólio do Android. e mesmo voltando, também penso que nada impedirá o Ark OS de sair para o mercado instalado em alguns Huaweis e também em toda a máquina chinesa que já não deixa ninguém indiferente (Xiaomis, Oppos, Umidigis, etc, etc). Estas empresas poderão ser as próximas a sofrer dos devaneios do Trump e querem estar preparadas, principalmente a Xiaomi que se tem vindo a afirmar como grande potência tecnológica. Posso dizer que aqui em casa tenho um Sony e um Samsung encostados, 1 Huawei comprado em Portugal e 3 Xiaomis vindos da China a funcionar.

  8. Joselito says:

    Go Trump, valorize as empresas que valorizam a liberdade!

    • greego says:

      Que liberdade é essa que permite a Israel anexar(roubar) á Siria os montes Golã e construir mais um colonato e dar-lhe o nome de Trump…
      Hipócritas.

      • Pedro says:

        Aqui está cheio de burros, mistura, de problema..
        Uma coisa é certa, nao estou a favor dos Estados Unidos, mais a china não respeita a lei de qualquer que seja o país, por exemplo aqui em Moçambique, o chinês não respeita a lei do trabalho.e são muito baixo em termos de respeito.

      • Joselito says:

        Então vá e leve sua família pra Síria meu filho! Obs: Ah, só não esquece das máscaras de gás!

  9. Buckethead, O Grande, O Incrível, O Terrível says:

    Muito provavelmente a Huawei não mais quererá usar Android e comprar componentes a empresas Americanas, caso, clara está, encontre alternativas.
    Isto servirá para duas coisas, primeiro, ficar completamente independente dos EUA. Porque nada garante que o que se passa agora não possa voltar a acontecer, e segundo, punir o Trump de uma forma muito difícil de se poder recompor. Privar empresas americanas de negócios com a Huawei e ainda por cima dar-lhe a oportunidade de criar um sistema operativo que rivaliza com o Android, é muito mau para os EUA, mesmo muito mau. Isto ainda vai dar se o caso de a Huawei sair a ganhar…

  10. Humberto Beleza says:

    Direcionar-se à Huawei como fabricante de smartphones é no mínimo caricato. É um facto que a gigante tecnológica tem a sua quota em redes móveis a nível mundial sendo os smartphones uma e apenas pequenina parte.

  11. Humberto Beleza says:

    Direcionar-se à Huawei como fabricante de smartphones é no mínimo caricato. É um facto que a gigante tecnológica tem a sua quota em redes móveis a nível mundial sendo os smartphones uma e apenas pequenina parte.

  12. Tiago Mendes says:

    Existe uma solução simples, que no fundo não é assim tão sim, que é estas empresas tecnológicas mudarem a sua sede para fora dos EUA, assim já não estariam às ordens do caprichoso Trump. Seria muito complicado para estas empresas no início, mas a longo prazo a economia é que iria ficar a perder ficando cada vez mais isolada. Mas enfim, o mandato de Trump está quase a terminar e se tudo correr bem não será reeleito. Se for reeleito, com a idade avançada que já tem, não sei se
    irá conseguir cumprir o segundo mandato completo.

  13. sakura says:

    Ty trump …
    https://www.european-processor-initiative.eu/

    O trump anda a “picar” o Dragão, e quem brinca muito com Dragões, sabe que pode acabar carbonizado.
    É claro que vai haver acordo.

  14. Samuel says:

    A guerra económica mete os comentadores de aqui em guerra. O problema não é se a Huawei é da China mas sim se isto poderá ser aplicado a outras empresas de outros países. Caso seja aplicado como é que essas empresas se vão safar do bloqueio sem abrir falência!! Cada vez mais os EUA se parecem com a China em termos económicos e políticos.

  15. Ne says:

    Aí está o problema se está a acontecer com a Huawei também pode acontecer com outra empresa qualquer que ele se lembre mas será que outra empresa terá a mesma força que a Huawei

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.