Quantcast
PplWare Mobile

Trump assina hoje uma ordem executiva sobre redes sociais, devido à polémica no Twiter

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Jorge says:

    Ou dizem amem ou é despedido, substituído, mandado fechar o negócio, alvo de sanções, etc! Tem que haver alguém que ponha cobro a isto!

  2. Hugo says:

    Espero que o Presidente Trump acabe com esta palhaçada!

  3. Pedro Gomes says:

    Não sei como este fulano ainda é presidente dos EUA

    • Ricardo says:

      Não sabes porque não vives nos EUA e és manipulado pelos media.

      • Douglas Charles Cunha says:

        Exatamente, Ricardo.

      • Celso R says:

        OK, então elucida-nos…

        Porque, para quem vive por aqui, realmente parece que o homem não dá uma para a caixa… especialmente desde que começou o COVID.

        • TagusPark says:

          Entao e assim, nos como caes dos USA andamos a ladrar demasiado para o dono, e o Trump conseguiu por nos a ladrar contra a China e comportarmos como os caes obdientes. E isso e importantissimo para orgulho nacional americano. Ele vai se la defendendo a liberdade e democracia ocidental a maneira dele, ao menos nao e troca tintas 😀

        • Ricardo says:

          Tens países mais perto de nós que lidaram pior com o COVID, Itália manda lembranças mas deixou de ser notícia, nem do governo italiano e fala nos media, incrível.

        • ervilhoid says:

          o homem deu cartas na economia americana desde que entrou mas agora só dá notícias de calamidade e desemprego..

          é tipo as notícias do brasil, olhando para as notícias parece que somos o paraíso comparado com o brasil, mas será mesmo assim?

        • Daniel says:

          Desde que começou o COVID? Sabes por exemplo que nos estados unidos não morreu uma unica pessoa por falta de cuidados médicos? Sabes que os estados unidos têm uma taxa de fatalidade mais baixa do que a Suiça que é tida como um dos grandes casos de sucesso da Europa? Os media não te dizem isto mas podes confirmar por ti mesmo.

          • FAND says:

            “Os media não te dizem isto mas podes confirmar por ti mesmo.”
            Pois fui confirmar como disse e tas a espalhar fake news Daniel!
            Os Estados Unidos está com 312 mortes/milhão de pessoas e a Suíça está com 222 mortes/milhão!

          • Daniel says:

            Não sei porquê mas não consigo responder ao post abaixo, mas fica aqui a minha resposta. Acontece que o iluminado utilizador FAND não sabe como se calculata a taxa de fatalidade. Mas pode observar a mesma através deste website https://www.corona-data.ch.

            Taxa de Fatalidade Suiça: 0.06
            Taxa de Fatalidade USA: 0.05

      • jorgeg says:

        Eu não moro nos estados e sei que Trump é fenomenal!
        Um líder com eles no sitio.

        # Trump2020 lanslide

      • cat says:

        A malta do desinfectante pra veia, volta e meia, põem a cabeça de fora.

        Claro que sim, Ricardo. Foram os media que manipularam a questão das vacinas e assim, a Humanidade agora está cheia de autistas. Os media também esconderam ao público a verdade sobre o próprio planeta onde vivem e sobre o facto de que a Terra é plana. Mais ! Esconderam a verdade sobre os dinossauros que vivem no andar de baixo e não no centro (a Terra é plana … ah pois !). Também manipularam a viagem para a Lua. Nunca aconteceu ! Mas existem bases em Marte. Tudo manipulado para o público não saber. Nunca …

        E a maior de todas, os media também recorrem a IA para mudar, em tempo real, tudo o que Trump diz. Para o fazer parecer estúpido.

        Sim porque é mais fácil acreditar em balelas e histórias da carochinha, em vez de admitir o óbvio.

        • PTO says:

          Ora nem mais, eu não diria melhor.
          Não deixa de ser hilariante ver que os que têm esse tipo de discurso de teorias de conspiração são realmente os verdadeiros manipulados… e nem percebem.
          Faz-me sempre sorrir ao ler os discursos desses “iluminados”.

    • jesus says:

      Este sujeito não é caso único. é uma anormalidade estatística propositadamente criada pelo escândalo Cambridge Analityca + Facebook. E aí está o motivo porque o Zuckberg agora vem à praça publica ofender a ação do Twitter

      • Carlos Fernandes says:

        Não é só por isso “..O Facebook News contará com mais de 200 meios de comunicação como parceiros, como o New York Times, o BuzzFeed, o Washington Post, o Wall Street Journal, a Elle, a People, a ABC, a CBS News, a Fox News. E o site Breitbart News, conhecido por publicar artigos com tendências de extrema direita, teorias da conspiração e onde são promovidos discursos anti muçulmanos e contra imigrantes, por exemplo. “Somos uma plataforma para a alt-right [direita alternativa]”, descrevia, em 2016, Steve Bannon, estratega de campanha de Donald Trump e um dos fundadores do Breitbart.

        Reagindo à inclusão deste site de informação na lista de fontes credíveis para notícias pelo Facebook, Joe Bernstein, jornalista do BuzzFeed, escreveu sexta-feira no Twitter: “Uma forma de ver a nomeação do Breitbart como fonte credível: uma investigação minha, há dois anos, continha revelações tão danosas para a credibilidade do fundador do Breitbart Robert Mercer que ele teve que se demitir de CEO do seu hedge fund. Mas pelos vistos isso chega para Zuck & Co”. in Diário de Noticias

    • jorgeg says:

      #Trump2020 landslide

      Deixa de ver a CNN “fake news” ou quem cita a CNN “fake news” e um novo mundo se abrira!
      Trump é o melhor presidente que os EUA já tiveram.
      E e não existe líder do Mundo que se possa comparar com ele, Simple the BEST!

  4. Pedro Gomes says:

    Stay tuned! Se liga, cara!

  5. Carlos Fernandes says:

    …Trump a ser Putin, nada de mais.

  6. Ricardo says:

    Mais que certo, e o decreto que vai colocar a pplware não fala porque não convém, aguardem para ver ou pesquisem.

  7. BlackFerdyPT says:

    “…espera-se que seja algo com o objetivo de controlar as redes sociais.”

    Controladas já elas são. E, o que aconteceu a Trump é apenas uma pequena amostra disso.

    Se Trump se queixa de interferência e de censura, não faria sentido fazer ele o mesmo – e, como tal, não acredito que o objectivo da ordem executiva seja “controlar” as redes sociais.

    Há muito tempo que, toda a gente que é proeminentemente “anti-sistema” se vem a queixar deste tipo de controlo no Twitter e afins – e a pedir uma “Carta de Direitos Digitais” (ou “da Internet”) que conceda aos utilizadores de redes sociais e afins os mesmos direitos de falar de como quando se anda na rua ou se entra num bar: https://www.ammoland.com/2019/05/time-for-digital-bill-of-rights/

    Se for neste sentido que Trump actuar, de facto já está na altura de acabar com os *ABUSOS* por parte dos donos dos meios electrónicos em causa, que usam o seu poder para censurar e controlar o que os outros dizem, nos espaços privados e próprios para exercer a Liberdade de Expressão em nome individual.

    • Celso R says:

      O Facebook, Twitter, etc são companhias privadas, não são um serviço público. Têm as suas regras de conduta próprias.

      Usando a tua analogia, podes até dizer o que quiseres na rua, mas o dono do bar tem o direito de correr de lá se achar que estás a provocar desacatos ou não respeitas o “drees code” do espaço, por exemplo.

      E, neste caso específico, o Trump está a fazer isto porque vai contra as ideias dele. Se isto acontecesse com alguém do outro lado da barricada achas que ele se ia importar?

      • Áquila Freitas says:

        Não é porquê que tens um jardim que podes plantar drogas, não é porquê tens uma oficina que podes fabricar armas.
        Sinceramente, não é porque vou na tua casa que podes escolher com que sotaques devo conversar.

        Redes sociais proíbem dizer que Maomé é homossexual, mas Jesus já pode ser homossexual. O problema não é as políticas das empresas, são as imparcialidades das empresas. Basta ver a lista do Facebook de pessoas que não podem ser ofendidas, vais ficar impressionado.

        • Celso R says:

          Não digo que não tenhas razão na questão da imparcialidade, mas o Facebook é um serviço global que tem que se adaptar às leis dos vários países onde atua.

          E, utilizando o exemplo que deste, nos países muçulmanos o Facebook pode simplesmente ser proibido de atuar lá se permitir comentários a Maomé. Eles protegem também os interesses deles, claro.

          Não digo que é “justo”, mas, novamente, é um plataforma privada com as suas próprias regras, não é um serviço público.

          Se eu deixar aqui um comentário no pplware que o Vitor M. não goste, este pode ser também imediatamente removido, por aqui o Zuckerberg é ele.

        • WTV1234 says:

          Se vieres à minha casa tenho todo o direito de te pôr na rua se começares a dizer coisas que não quero ouvir. O mesmo se aplica aqui.

    • Toni da Adega says:

      Num bar se não cumprires as regras da casa és posto na rua e negado o acesso……

    • Carlos Fernandes says:

      A tua liberdade acaba quando começa a minha e é nesta suposição de devemos conviver, ou seja não desrespeitar os outros para sermos respeitados. Para este efeitos uma das formas mais “justa” é serem baseadas em factos. E é isso que nenhum ditador gosta, seja ele de extrema direita ou de extrema esquerda. Nunca os E.U.A esteve tão próximo da Rússia.

  8. Miguel says:

    Acho muito bem, quem não sabe o que o Trump quer é que as redes sociais deixem de limitar a liberdade de expressão.
    Eu até nem gosto do Trump mas neste caso ele tem razão.

    • Paulo says:

      Liberdade de expressão significa poder dizer mentiras e falsidades? Para além do mais, o Twitter é uma empresa privada e tem todo o direito de limitar ou mesmo banir quem não segue o “Terms of Sevice”.

    • RPG says:

      Mas alguém censurou o que ele disse?!?!?! O que ele disse continua no Twitter, portanto ninguém interferiu com a sua liberdade de expressão wtf! Agora, o Twitter tb tem a liberdade para duvidar e questionar o que o Trump ou outro diz, nomeadamente quando diz algo sem qualquer tipo de fundamento, apenas com o intuito de lavar um pouco mais o cérebro das suas ovelhas

      • Ricardo says:

        A partir do momento que metem um alerta com uma página inteiramente dedicada contra o tweet parece no mínimo um ataque de direito de resposta por parte da oposição que coloca em causa as palavras e vem dar aos utilizadores do Twitter algo como “nos é que estamos certos”.

        • Paulo says:

          Se o Trump (ou outra pessoa) MENTE, o Twitter não tem o direito de alertar e mostrar uma página com os FACTOS? Com a verdade? Não se de trata de uma opinião! Trata-se de factos!!! Caramba, mas é assim tão difícil de perceber isto?!

          • El MAriachi says:

            Quem mente ? Quem define a mentira ? Quem pode ser julgado como mentiroso.. O Piu Piu vai por alerta a toda a gente ou só o ao Trump ?

          • Alves says:

            Os factos não são interpretações, são dados adquiridos, se existem factos que contradizem aquilo que é publicado, acho muito bem que o façam, e isto não viola nem os direitos humanos (muito pelo contrário), nem limita a liberdade de expressão praticada nos Estados Unidos.
            Quanto ao se vão fazê-lo a todos os utilizadores? Se não vão deviam.

    • jesus says:

      A liberdade de expressão não dá o direito a defraudar, deturpar a realidade.

    • Alves says:

      Tem razão em que aspeto? Não percebi o teu raciocínio.

    • Alves says:

      @Miguel
      Perdi-me com a falta de pontuação.
      Entretanto percebi, mas discordo da tua análise, o Trump continua a escrever o que quer, a única coisa que fizeram foi meter uma ligação em duas das suas publicações, não houve censura, ele escreveu o que quis, tal como antes, concluindo continua a ter a mesma liberdade de expressão.

    • PTO says:

      Se achas que a liberdade de expressão não tem de ter regras que a limitam então desculpa lá mas não sabes nem o que é liberdade de expressão, nem o que é viver em democracia.

  9. Samuel MG says:

    se quer censura nas redes em é melhor o Trumpa por um fecho na boca.

  10. andre says:

    se for para liberdade ok, mesmo aqui em Pt, existe censura… não podes dar opinião e os sites selecionam o que querem publicar em teu nome, dão notícias a criticar a falta de liberdade e são iguais, é tudo uma hipocrisia. vivesse numa fachada, promovesse o controlo e prol da segurança, parece que vamos ser atacados por ETs.

      • Robin Hood says:

        Censura é quando te proíbem de dizer ou escrever algo. (desde q não seja crime, é obvio)

        O q a empresa fez foi justamente deixar ele escrever suas asneiras e colocar o link para checar a verdadeira fonte para quem quisesse pesquisar.

    • eu2 says:

      Não vejo aqui este site a selecionar opiniões, vejo todo o tipo de opiniões a surgirem aqui, mesmo que ninguém ligue a algumas delas, pois não passam disso mesmo, opiniões. Isso é liberdade de expressão, poder dizer o que se acha. Mas tentar manipular a verdade é outra coisa.

      Aqui se há seleção de comentários, deve ser para impedir palavrões ou insultos entre as pessoas. Não é limite de liberdade de expressão, mas regras de conduta.

  11. João says:

    se queriam um idiota para vos dar ordens podiam me ter escolhido 😀

  12. Guilherme Tiago says:

    Tanto inculto a comentar… Digam lá onde há limitação da verdade de expressão aqui. A publicação foi proibida? O homem não disse as parvoíces que queria? O conteúdo foi censurado de alguma forma? Não… SImplesmente tem um link a dizer “leia os factos” que aponta para fontes oficiais sobre como o processo de votação por correspondência funciona. Onde está o escândalo?

    • Rui says:

      Ora aqui está um comentário feito com a cabeça lúcida.
      Ele disse o que queria e continua lá.
      A empresa só indicou as fontes oficiais para que o leitor possa fazer o seu juízo.

    • Carlos Fernandes says:

      mas o Pequeno Putin, não quer que sejam apontados as fontes oficiais. Pois as mesmas não incluem sites de extrema direita e porque tudo o que ele diz é verdade.

    • El MAriachi says:

      E quem determina que os factos para os quais somos remetidos são verdadeiros ?

      • Guilherme Tiago says:

        Já estás a entrar por caminhos perigosos… Convém sermos práticos e abordar o problema objectivamente. O voto por correspondência é um método de voto legítimo e legal, realizado em vários países do mundo não apenas no EUA (Portugal incluído). Respondendo à tua pergunta, é o governo que determina esses factos neste caso em particular

      • Robin Hood says:

        E quem determina que os factos para os quais somos remetidos são verdadeiros ?
        Simples: A verdade do próprio fato!

        Se alguém inventasse alguma mentira sobre vc, onde estaria o fato verdadeiro? Não seria vc a própria fonte?

      • Toni da Adega says:

        Consegues dar o exemplo de um facto que não seja verdadeiro?

      • PTO says:

        Se é facto, então por definição da própria palavra, é verdadeiro.
        Simples.

  13. Redin says:

    Se alguém tivesse duvidas do que os espera a continuar com este tipo de bestas a querer limitar a liberdade de expressão e a caminhar lentamente para a ditadura, aqui tem.
    Só é cego quem não quer ver.

  14. Joao Ptt says:

    Se tivesse que adivinhar diria que o presidente dos EUA provavelmente vai assinar alguma legislação que impede as empresas de interferirem em conteúdos publicados por candidatos e políticos em exercício, incluindo a proibição de colocarem qualquer referência a terceiras fontes de informação (incluindo, mas não limitado a “verificação de factos”), associado directa e/ ou indirectamente a conteúdos publicados e nos perfis dos candidatos e políticos em exercício.

    Duvido que os partidos políticos, de qualquer um dos lados com mais expressão eleitoral, se opusessem.

  15. LA says:

    Trump e Bolsonaro, não passam de duas anedotas, eles e quem os defende.

  16. Domingas Octávia says:

    São openiôes de facto o Sr Trum passa dps limites, cada um pensa a sua maneira a verdade é que desde que se tornou presidente dos EUA, aumentou a violência o racismo e a mania de Grandesa.

  17. Domingas Octávia says:

    porque não deixam publicar?

  18. Dark Sky says:

    Não sei se apanharam a história toda mas é assim:
    – O Governador democrata da Califórnia enviou enviou a todos os eleitores inscritos no seu estado os envelopes com o boletim de voto que lhes permitia votar por correspondência. Disse que foi por causa da Covid-19 que ia impedir muitos eleitores de votar.
    – Trump disse: “Alto! Os meus adeptos são dos que exigem a abertura de tudo o mais rápido possível! Até invadem, armados, a assembleia legislativa de um estado” (aconteceu mesmo, pesquisem por Capitólio Michigan). “Os meus adversários são dos que se opõem e dos mais que ficam em casa por causa da Covid-19! Além do mais quem nunca votava vai votar! Numas eleições renhidas isto não é nada bom para para os republicanos” (leia-se “para mim” porque os republicanos, que já foram gente séria, se tornaram unha com carne com Trump).
    – Até aqui tudo bem, é política. Mas o grave é que Trump lançou violentas suspeitas sobre o voto por correspondência, que antes tinha defendido acrescentado coisas como “O voto por correspondência é uma fraude, até vão assaltar os marcos do correio e falsificar os votos e as assinaturas!”
    – Foi aqui que o Twitter pôs nesse tweet de Trump o aviso amarelo “confira aqui se o que é dito é verdadeiro ou falso”, suportado por um serviço do género “polígrafo” que aparece na SIC.
    – Claro que saiu “falso” – não há quaisquer indicações de assaltos aos marcos e serviços dos correios dos EUA (uma instituição insuspeita) nem de falsificação de votos por correspondência.
    – Isto deixou o bebé rezingão Trump pior que estragado -“Esses gajos donos das redes sociais só prejudicam os republicanos (leia-se a mim). Amanhã vou assinar uma ordem executiva para os por na linha – porque comigo ninguém brinca!”
    – Em cenas anteriores tem-lhe dado forte estes arranques, depois dizem-lhe que quem manda é o Congresso e dá o dito por não dito. Vamos ver como é desta vez.

    • Dark Sky says:

      Já li a ordem executiva. Uma trampicezeca sem jeiteira nenhuma.
      Ameaça muito mas não faz nada porque não tem poderes para fazer o que queria – a Constituição e a Primeira Emenda, as leis e o Congresso não deixam.

  19. Zé Duarte says:

    Se mandasse o Facebook abaixo é que era. Agora o Twitter deixem isso estar que eles
    próprios vão-se auto-destruir um dia…

  20. informado says:

    Será que o dono do Twitter é democrata ?

  21. Joao Cordeiro says:

    Trunp nao consegue fazer nada contra o Twitter.
    Pois o Twitter tem dinheiro para pagar a advogados e a lei do seu lado.

    Nada é apagado. Portanto a liberdade de expressão de Trump é conservada. O que acontece é que o Twitter decide usar a sua própria liberdade de expressão e dizer que Trump mente.

    Para regular quer tipo de actividades das redes sociais trump precisava de uma nova lei que lhe desse esse direito. Lei essa que precisa de sair do congresso. E com maioria democrata, nao vai sair.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.