Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Google, Twitter e Facebook combatem desinformação sobre vacina

                                    
                                

Autor: Ana Sofia


  1. Paulo says:

    É tudo muito bonito até ao momento em as redes sociais bloqueiam um estudo feito por cientistas dinamarqueses acerca do uso da máscara como forma de travar o COVID-19 marcando-o como FAKE só porque não acompanha a tendência da política mundial que defende a sua utilização.
    Estão se a trilhar caminhos muito perigosos para o futuro.

    Referência @Twitter.com:
    shorturl.at/uFZ58

    • AD9 says:

      https: //revistagalileu.globo.com/Ciencia/Saude/noticia/2020/11/estudo-questiona-efeito-de-mascara-o-que-nao-significa-deixar-de-usa-la.html
      Pôs como fake o estudo ou alguma publicação a desencorajar o uso de máscara?
      É que retiro do estudo, 2 pontos, primeiro como diz neste estudo é pequeno demais, segundo, não diz para as pessoas não usarem máscara mas podes ter a certeza que era assim que iam interpretar

        • AD9 says:

          Sim eu vi e tens uma reacção ao estudo acima.
          Agora o que eu disse é que o pode ser dado como fake pode não ser o estudo mas sim a publicação, pq lá está o estudo não diz para não se usar mascara. Diz que há a possibilidade de se ficar infectado com a máscara, algo que já se sabia. Alias á muito que se diz que a máscara é mais útil para uma pessoa infectada não propagar ainda mais o virus (algo que o estudo também sugere) do que para auto proteção daí a sugestão que toda a gente use. Ou seja a publicação ser dada como fake também depende de como a pessoa expôs as conclusões do estudo.

          • Paulo says:

            O cientista divulgou o estudo. No estudo estão as conclusões.
            É um cientista de renome internacional.
            Desculpa mas não consigo compreender como é que se pode marcar uma publicação como FAKE. Para mim é pura e simplesmente censura para com tudo o que não alinhe com o raciocínio/política do momento.
            Eu quero ter a possibilidade de aceder a toda a informação possivel de forma a que eu possa ajuizar sobre a credibilidade da mesma e não deixar essa tarefa para terceiros.

          • AD9 says:

            Sinceramente se o autor também não tivesse ido por un título sensacionalista talvez isso não tivesse acontecido. O estudo não comprova que as máscaras não fazem efeito (aliás no próprio estudo pessoas que usaram máscara tiverem menos percentagem dd infectados), ou seja para além de ser pyro clickbait ia induzir as pessoas em erros e ia ser partilhado por todos o pessoal “anti máscara”. Ou seja o autor está mesmo preocupado com a liberdade de escrita ou por não ir obter milhões de clicks a custa de um título bastante dubio” (parafraseando uma das respostas a esse mesmo tweet)?

          • AD9 says:

            Ok o cansaço nitidamente bateu até o corrector automático nesse comentário mas a ideia fica.
            É possível ser se contaminado com máscara sim, é por isso que o estudo foi feito quando a máscara ainda não era obrigatória e é por isso que se recomenda que toda a gente use máscara, não só para nos proteger a nós mas também para proteger os outros.
            Já agora não é por ensinar numa faculdade de renome que é o novo Einstein e pela quantidade de comentários a dizer que ele já devia estar desacreditado, por isso cheira me que já não é o primeiro artigo/estudo mais duvidoso ou controverso se preferir que ele publica

    • BlackFerdyPT says:

      Que é como quem diz, também,

      1) Uma compilação de artigos científicos que denunciam a ineficácia do uso de máscaras:

      https://vaxxter.com/wp-content/uploads/2020/07/Masks-Final.pdf

      2) O reitor do Colégio de Biólogos do País Basco a denunciar importantes mitos sobre esta “pandemia”:

      https://euskalnews.com/2020/08/el-colegio-de-biologos-de-euskadi-pone-contra-las-cuerdas-al-gobierno-vasco-y-al-gobierno-de-espana/

      3) Especialistas na área da Virologia e afins a denunciar as ridículas medidas governamentais:

      https://www.youtube.com/watch?v=DSzphVP-wmE + https://gbdeclaration.org/declaracao-de-great-barrington/

      Etc.

      O verdadeiro objectivo é, claramente, censurar os vários indivíduos e grupos “pela Verdade” que têm surgido.

  2. Joao Ptt says:

    As máscaras, quando estão a isolar correctamente a cara de tal forma que todo o ar tenha de passar por ela, são comprovadamente eficientes durante o período de tempo indicado pelos fabricantes (varia)… não existe na comunidade médica qualquer duvida sobre isso, é algo estabelecido há muito… a polémica só foi criada porque não havia máscaras suficientes, e em vez de dizerem isso mesmo: não há máscaras, precisamos que a indústria crie as mesmas com a eficiência necessária para garantir a segurança, preferiram fazer o que fazem melhor: mentir… e não foi só cá, no Brasil fizeram o mesmo, e provavelmente em outros países do mundo.

    Outra conversa são estas espécies de diz que é “máscara” que não se ajustam efectivamente de tal forma que obriguem todo o ar a passar pelo tecido/ material “filtrante”… aí sim, a eficácia pode ser colocada em causa… porque naturalmente o vírus vai entrar no corpo se não passar pelo filtro… ou pode sair da pessoa e infectar outros porque simplesmente contorna a máscara como se não tivesse lá. Mas qualquer coisa é melhor que nada para impedir que se espalhe “à maluca”, mesmo estas máscaras menos eficientes.

    Quanto à vacina, mesmo 95% de eficácia é muito, muito baixo! É de esperar pelo menos 99,9% ou mais de eficácia, do contrário é tão bom como não a ter tomado apesar de a taxa andar nos 97% de recuperados é só referente aos casos que são conhecidos, a maioria não chega ao conhecimento logo a percentagem de recuperados provavelmente é imensamente superior. É preciso relembrar que apenas morreram até ao momento mais ou menos 0,017703% da população mundial… não é como se isto fosse um problema assim tão grave! Só é pseudo grave porque a comunicação social decidiu fazer disto um bicho papão, que vendo os números objectivamente não se percebe o porquê de tanto alarido, 1,385,649 mortos em 7,827,022,800 pessoas no planeta inteiro… os tais 0,017703% da população mundial que referi antes, não parece caso para parar tudo.

    • R.S. says:

      nao ha nenhum estudo serio com RCT que demonstre que o uso de mascara na populaçao geral sirva para o que quer que seja. simplesmente nao existe. existem alguns estudos observacionais que, ate serem comprovados por RCT valem muito pouco. de qualquer forma a esmagadora maioria dos estudos, sejam observacionais sejam RCT, apontam para o exacto oposto do que escreveste.
      Existem sim, varios estudos feitos para virus influenza que demonstram a inutilidade da mascara, um dos maiores feitos durante o hadj muçulmano. existem tambem estudos para o sarscov-1 que demonstram tambem a inutilidade da mascara.
      Alem desses estudos, que apontam nao so para a inutilidade do uso de mascara como para os maleficios desse uso, tens alguns estudos feitos às consequencias do uso de mascara em cirurgioes, porque existem varios maleficios do uso continuado de mascara.
      o estudo compilatorio em que a OMS supostamente se baseou para obrigar ao uso da mascara, pegou em mais de 1000 estudos feitos durante decadas e, simplesmente foi achando razoes para remover todos os estudos que apontavam para a inutlidade do uso de mascara ate ficar apenas com uns poucos estudos observacionais que erama favor do uso de mascara.
      este estudo na dinamarca, é so mais um a provar que a mascara é inutil. o que alias é facil de comprovar. porque o numero de casos nao aumenta ou diminui com o uso ou nao de mascara. basta ver os graficos dos locais onde foram impostas mascaras e a evoluçao dos casos. nao ha a minima relaçao causal entre as 2 coisas.
      essa do “esta estabelecido à muito” é “achismo”, nao ciencia.

      quanto ao resto, sim. isto é mais uma palermia que pandemia. este ano falam que os UCI estao a quase 100%? o ano passado por esta altura estavam quase em 130%. em 2018, estavam a 120%. seria o covid-18?

  3. Algo says:

    Combate mazé á liberdade de expressão.
    Hum…

  4. Jamaral says:

    ‘mazé á liberdade”

    Há pessoas que decididamente deviam ter resguardo na liberdade de expressão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.