PplWare Mobile

Preparem-se: MEO e NOS devem subir preços dos tarifários em 2020


Autor: Pedro Pinto


  1. Jota says:

    Vai ser a desgraça da MEO e da NOS! A Vodafone tem um serviço de excelência, ainda melhor do que a MEO e a NOS, a Nowo tem preços incalcináveis, portanto tem tudo para ser a desgraça deles!

  2. Asdrubal says:

    Quando estava na meo os preços subiam sempre em janeiro, desde que estou na vodafone, os preços têm-se mantido, e com a nova fidelização ainda deram um desconto. Boa!

  3. Xnelox says:

    À espera do serviço da Vodafone, para já agarrado à NOS

  4. Filipe Coelho says:

    Esta subida é motivo para anular o contrato?

    • Marcos says:

      Verifique se no contrato consta esta atualização de preçário de acordo com o índice indicado na fatura.

    • Arnaldo says:

      Sim.. Contrato é de um valor que não pode ser alterado sem o acordo de ambas as partes.. É a mesma coisa que eu dizer que vai pagar menos do que o valor estipulado

      • Filipe says:

        O meu caro tem de dizer issoa toda a gente que tem empréstimos contratados com taxa variável. Obviamente que não é assim. Se o contrato diz que há aumento com base em critérios x, quebra contratual seria não efetuar o aumento como está contratado

  5. Filipe Coelho says:

    Esta subida é motivo para anular o contrato?

  6. Bruno says:

    Depois deste “estudo bastante credível” https://pplware.sapo.pt/internet/portugal-e-o-2a-pais-onde-se-paga-menos-pelas-telecomunicacoes-e-mentira/ já era esperado que fosse acontecer. A inflação será sempre uma desculpa para justificar o meio.

  7. Yamahia says:

    Ainda bem q mudei para a Vodafone. No entanto já teve melhores dias, ainda assim muito superior á NOS.

  8. Tiago says:

    Quando baixarem é que fico admirado!

  9. Miguel says:

    A vodafone é sempre a somar, no entanto com tantas pessoas a mudarem para a vodafone isto deve trazer consequências no aumento tráfego espero que mantenham a mesma qualidade que estamos habituados.

  10. Tiago says:

    Gostava de poder falar o mesmo da Vodafone, mas onde vivo, não passa de lixo!
    Infelizmente só se preocupam com as cidades o resto não interessa!

  11. RJP says:

    A 01-01-20 novas condições contratuais e atualização da mensalidade com base no IPC, publicado pelo INE (disponivel no.meo.pt/INE), no valor mínimo de 50 cênt IVA incluído, conforme previsto contratualmente. Mais info a partir de 01.12.19 no.meo.pt/condicoes2020. Se é cliente empresarial vá a em.ptemp.pt/condicoes2020.

    Ou seja, leva com o aumento e cala-te. São destas coisas em Portugal que me deixam revoltado. Assina-se um contrato que a meio é alterado unilateralmente.

    • Eu says:

      Não é bem assim!
      Se existe uma fidelização, o valor inicialmente contratado é válido pelo período de fidelização. Qualquer alteração de valores permite rescindir o contrato e até de reclamar a devolução dos valores cobrados a mais!

    • Raquel says:

      Nao ,não é bem assim pois a cláusula de aviso de aumento de valores nos contratos Meo e nos só foi colocada nos contratos celebrados com os mesmo a partir de setembro de 2018 ou todos os anterior a esta data não menciona esta cláusula no qual podem rescindir por justa causa esta na lei

    • Marcos says:

      Realmente está fidelidade de 2 anos, e ainda renovação automática por mais 2 anos para um serviço que não funciona é revoltante.As velocidades de internet contratadas nunca batem com a real (nem mesmo dentro da margem de 80% previsto).As visitas técnicas são demoradas e algumas nem sequer realizadas, o cliente ainda tem que pagar pela comunicação a empresa do problema.A Anacom por sua vez não intervém ou multa a empresa que não cumpre o contrato no tocante ao fornecimento de um serviço de qualidade por parte da operadora. A nível de Europa o serviço está mal em Portugal.

  12. Rui says:

    Em 2016 recorri ao CNIACC(centro de arbitragem de conflitos de consumo) e consegui rescindir o contrato sem penalizações bem como a devolução dos valores cobrados de forma abusiva.
    Em 2020 irei fazer exatamente o mesmo.
    Me aguardem!!!!

  13. Helio says:

    Vai ser agora que saio da meo e contrato a vodafone.

  14. Carlos Sa says:

    Essa da Vodafone manter os preços não sei se é assim. Passaram aqui no prédio a perguntar se estavam satisfeitos com o serviço no mês passado e a avisarem que os preços iam aumentar. Para os clientes estarem já prevenidos e não fossem apanhados de surpresa. Por isso acho estranho aqui a notícia que a Vodafone manter os preços.

  15. Nuno Carvalho says:

    Se leres o contrato/ condições gerais do serviço irás encontrar uma cláusula em que indica que os preços podem ser alterados desde que devidamente comunicados num periodo nunca inferior a 30 dias.
    Se não está de acordo não contrata

  16. Carlos says:

    Vai haver muito pessoal que não leu o contrato, onde esta situação já estava incluída, que vai apresentar a rescisão e o Meo lhes vai apresenta a verba a cobrar por “incumprimento”.

  17. Ricardo says:

    Sempre que o valor do contrato seja alterado durante a sua validade existe motivo para rescisão automatica do mesmo. Quanto a isto não existem nem poderia existir qualquer duvida. Agora so resta ver é se a actualização se aplica a novos contratos ou a todos.

    • Filipe says:

      Não existe dúvida!? Patético, pois se o aumento esta previsto no próprio contrato! Não é pois nenhuma alteração,mas sim apenas o cumprimento do mesmo

  18. Rio says:

    Aqui só se faz publicidade à Vodafone.
    Ser cliente Vodafone com contrato de internet televisão e telemóvel com telemóveis de familiares associados, pode ter desagradáveis surpresas, como aparecer na fatura uma parcela de dezenas de euros com a indicação “pagamentos a entidades externas ” sem indicarem o que foi pago e a quem, a falta de pagamento daquela parcela implica corte do serviço! Ou seja o cliente é vítima de extorsão por parte da Vodafone, portanto atenção, no meu caso foram centenas de euros. Na MEO a uma situação do género e uma importância pequena, pediram desculpa e creditaram o que tinha sido debitado indevidamente.

  19. helder says:

    O contrato pode ser alterado unilateralmente desde que seja comunicando ao cliente.
    Se o cliente nao aceitar, pode rescindir.

  20. Francisco Queirós says:

    Não diga asneiras: os meu pais viram-se gregos para se livrarem do fixo MEO! Demorou meses e eles sempre a facturarem. Nunca devolveram 1 cêntimo!
    A Vodafone levou-me uma vez 30€ a mais, o valor foi devolvido, tive um mês grátis e um pedido de desculpas da parte da administração!
    Trabalhei 3 anos e meio para a Alice França, SFR… A Roubalheira era um nojo! De resto pretendiam facturar as facturas em papel!

  21. Filipe says:

    O artigo está incorrecto. Tanto a NOS como a MEO tiveram aumentos em 2019

  22. SANDOKAN 1513 says:

    Mais 50 cêntimos já a partir do próximo mês de Janeiro de 2020 a pagar quer pelos clientes da NOS quer pelos clientes da MEO.E penso que os da NOWO também não se safam pois a Masmovil(actual dona da empresa),vai alargar os seus serviços um pouco mais por todo o país e precisa de um fundo de maneio generoso.Fundo de maneio que provem de onde ?? Do aumento da tarifa de 50 cêntimos,tal como as outras duas.Sobre a Vodafone já telefonei para o seu serviço de clientes e,tal como o ano passado,não irão aumentar os preços dos contratos.Muito bem,sim senhor. 🙂

  23. Jornalismonline says:

    Para os haters, informem se e deixem de usar estes ISP´s. A Vodafone ainda tem muito que crescer em território nacional, para ultrapassar outras 2 grandes. Não sou eu que digo é a Anacom.

  24. Marcos says:

    Infelizmente esta escrito no contrato que o aumento, baseado na inflação, esta previsto no momento da assinatura do contrato de serviço.Muita gente não lê o que assina. Não confundir contrato de serviço com contrato de empréstimo .São coisas distintas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.