Quantcast
PplWare Mobile

Xiaomi quer prevenir problemas de baterias inchadas

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. Miguel says:

    Conhecem carregadores onde podemos escolher entre normal e rápido?

    • Miguel says:

      Existem telemóveis que podes escolher, caso contrário, penso que será usar USB normal ou 2 carregadores diferentes…

    • TSSRK says:

      O meu samsung tem a opção de fast charging nas definições, suponho que os mais recentes tambem continuem com essa opção

    • rjSampaio says:

      mais facilmente compras um cabo que so tenha os contactos + e –

      Ou pegas num cabo usb, e metes um pouco de fita isoladora nos pinos do meio, ou cortas os cabos de dados.

      Essa cabo passa a apenas carregar ao limite dos 5v 2A (dependendo do carregador) e a parte do rapido, mais que 5V ou mais que 5V2Am nao funciona.

  2. Carlos Fernandes says:

    … bateria removível era tão mais simples.

    • danny says:

      E não há melhor tecnologia do que essa!! Mas não! É tudo colado até mais não e depois para retirar é um problema. O problema das baterias incharem das próprias empresas, pois seguem tendencias estupidas e acharam ” Para que retirar baterias? Temos de proteger os clientes.” Depois é o que vemos.

      • José Fonseca Amadeu says:

        Mas achas que as baterias removiveis não incham?
        Vão inchar na mesma, a unica diferença é que vais à loja compras outra bateria e trocas na hora, enquanto que aqui tens de esperar pela reparação.
        Para mim que ou arranjo em casa ou passo isso ao suporte da empresa para me arranjarem não me chateia.

        • Hugo Nabais says:

          Com baterias amoviveis nem é preciso sequer ir á loja!
          Sempre tive uma bateria extra, se por acaso tivesse algum problema com ela era trocar na hora e sem sair de casa.

        • TSSRK says:

          Eu ja tive um Lumia 535 e havia um bug que acontecia de vez em quando (1 vez por mês se tanto) que o ecrã de bloqueio tipo slide up encravava e o telemóvel começava a aquecer. Estava na universidade e comecei a sentir o bolso quente, tiro o telemóvel e estava encravado no ecrã de bloqueio, se não desse para tirar a bateria não sei se o encerramento forçado pelo botão de energia funcionaria…sendo windows phone tenho as minhas duvidas.

    • rjSampaio says:

      baterias removíveis implica uma destas

      * para a mesma capacidade implica telefones maiores.
      * para a mesma capacidade e telefone pouco maior, menor qualidade da infraestrutura.
      * menor capacidade de bateria.

      • Mike says:

        De onde tiraste essa ideia? O problema só está na tampa traseira, que na maioria dos telemóveis é colada em fez de ser de encaixe. A bateria seria a mesma…
        Há apenas um telemóvel relativamente recente que conheço com bateria removível: o Motorola E6s (sem ser a versão de 2020, nesta última é novamente com tampa colada)…

  3. Zétaro says:

    Podem começar por tirar aquela cola estupidamente difícil de remover! Muitas vezes as baterias depois de removidas, especialmente em uma troca de ecrã não são reaprovateis porque muitas vezes ficam deformadas. Mesmo assim existem muitas casa de reparação que não assumem o custo de repor a bateria se isso acontecer e decidem aproveitar a bateria mesmo deformada não dizendo nada aos clientes. Na nossa assumimos esse custo no caso de acontecer

  4. Jorge says:

    Por estas e por outras é que eu meto sempre o telemóvel a carregar durante a noite (devagarinho) por usb do computador!

  5. gr33nbits says:

    Eu por acaso com o fast charge e o telemóvel carregado em 50 minutos é tão prático que nem penso e já não passo sem, mas vamos ver como as bateriras com anos de este uso se portam e se a Xiaomi está a pensar nisto é porque vão existir problemas com o fast charge e baterias a ganhar peso 😀

  6. Vidal says:

    Ora bem, melhor seria a Xiaomi ter baterias que não inchacem e de preferência serem removíveis, com soluções dessas e telefones todos colados não estou a ver grande solução a não ser comprar outro novo.
    Porque quando a bateria chega a este ponto e ter de pagar para substituir, feitas as contas não compensa.

    • Mike says:

      “…com soluções dessas e telefones todos colados não estou a ver grande solução a não ser comprar outro novo.” – Acabaste de mencionar o porquê de as fabricantes não quererem fazer telemóveis com bateria removíveis facilmente… é o consumismo e tendência de que todos os anos é preciso lançar vários modelos novos… Há equipamentos que podiam durar muito bem 4 anos sem necessidade de os trocar, caso a troca da bateria compensasse relativamente a um equipamento novo…

  7. jorge says:

    Eu ainda hoje estou a usar o iphone 4S, e funciona as mil maravilhas.

    • Mike says:

      Sério? Como? Só se for apenas para chamadas… Eu tenho um que uso apenas numa coluna da JBL, porque com o 4S já nem aplicações como o Youtube funcionam nesse equipamento…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.