Quantcast
PplWare Mobile

Tags: satélites

Pepsi planeia projetar anúncio gigante no céu noturno através de satélites

O projeto da empresa russa StartRockets parece já ter o primeiro cliente. A Pepsi quer um anúncio luminoso no espaço recorrendo aos satélites Cubesat. Estes equipamentos espaciais são capazes de criar anúncios luminosos projetados no espaço e visto na Terra.

A empresa de refrigerantes americana quer ser a primeira a ter publicidade no Espaço.

Pepsi planeia projetar anúncio gigante no céu noturno através de satélites


Projecto Kuiper: Internet em zonas excluídas através de 3236 satélites

Ter acesso à rede mundial Internet é hoje quase um bem indispensável da nossa sociedade. No entanto, nem todas as pessoas do mundo têm essa sorte. Seja por falta de possibilidades ou de cobertura, a verdade é que a Internet não chega a todos. Contudo, a Amazon quer dar o seu contributo.

Conforme foi dado a conhecer,  a Amazon quer levar a web a muitas zonas excluídas do globo. O ambicioso plano tem o nome de Projeto Kuiper.

Projecto Kuiper: Internet em zonas excluídas através de 3236 satélites


Facebook vai investir em satélites para levar Internet a todo o planeta

Mark Zuckerberg e o Facebook têm um plano, há muitos anos, para trazer Internet aos lugares mais inóspitos do planeta e, assim, permitir o acesso à informação ao máximo de cidadãos possível.

Esta sua ideia estava baseada em drones, que acabaram por ser abandonados, mas agora tudo parece estar a ser retomado, desta vez com a utilização de satélites.

Facebook Internet satélites


Starlink – Rede de 4425 satélites de Internet operacional até 2024

E se um dia existisse um fornecedor de Internet mundial? Bom, isso irá acontecer, pois estão já em desenvolvimento vários projetos deste calibre, mas, ao que tudo indica, quem está na frente desta corrida é Elon Musk com a sua rede de 4425 satélites.

Segundo informações da FCC, o projeto Starlink estará licenciado e concluído até 2024.

Rede de satélites Starlink


Já se vendem células solares super eficientes usadas em satélites

O segredo para a eficiência energética está na utilização do melhor produto na captação da luz solar. Não basta ter muita luz, é necessário que as células solares sejam de qualidade a “transformar” a luz em energia.

O Departamento de Energia dos EUA (DOE) acaba de dar luz verde para a comercialização do que são consideradas as células solares mais eficientes do mundo… cerca de 40% mais eficientes.