Quantcast
PplWare Mobile

Tags: Podcast

5 razões pelas quais o Spotify se tem focado em podcasts

O Spotify é a maior plataforma de streaming de música do mundo. Mas nos últimos anos, o seu foco virou um pouco para a linha de podcasts, e fez investimentos que fizeram dela uma das maiores apps de podcasts da atualidade. Mas porque é que está esta empresa tão interessada neste assunto?

Descubra hoje porque é que o Spotify está tão focado nos podcasts.

Spotify


Spotify alertará os utilizadores caso os podcasts mencionem a COVID-19

O Spotify é o serviço de streaming de música mais utilizado no mundo inteiro. Contudo, a fase pela qual está a passar agora não será a sua mais famosa. Tendo em conta essa densidade de pessoas e da possível influência que representa, o Spotify passará a alertar os utilizadores quando os podcasts publicados na plataforma mencionem a COVID-19.

Esta novidade surge, uma vez que alguns artistas estão, agora, a remover os seus trabalhos da plataforma, no seguimento de uma polémica relacionada com desinformação.

Spotify


Spotify: Podcasters poderão cobrar pela subscrição dos seus conteúdos

O Spotify tem conquistado o mundo do áudio e reunido mais assinantes do que qualquer outro serviço semelhante no mercado. Além das várias modalidades disponíveis na plataforma, recebeu os Podcasts, em 2019, e, agora, vai permitir que todos os podcasters cobrem pela subscrição dos seus conteúdos.

Para já, esta opção estará disponível apenas nos EUA.

Spotify


Netflix contrata antiga diretora de conteúdos da Apple Podcasts

A Netflix é, atualmente, uma das gigantes de streaming. Se a sua oferta se tem focado em séries e filmes, a plataforma poderá estar a pensar em alargar os seus horizontes. Afinal, contratou a antiga diretora de conteúdos da Apple Podcasts para que lidere a sua secção de podcasts.

Embora as séries sejam um fenómeno, os podcasts são uma tendência que poderá perdurar.

Netflix


Tim Cook diz que Realidade Aumentada é um trunfo no futuro da Apple

Que a Apple tem apostado nos últimos anos na Realidade Aumentada (RA), isso já sabíamos. Contudo, não era assim tão explícito que esta tecnologia fosse uma pedra angular na estratégia da gigante de Cupertino. Numa entrevista dada por Tim Cook ao podcast Sway, o CEO da Apple falou sobre a sua admiração pela Tesla e a sua liderança em veículos elétricos. Revelou também que ele “provavelmente” que sairá da Apple nos próximos 10 anos. Outra coisa de que Cook falou foi na RA e no seu papel no futuro da empresa.

Esta mensagem de Cook é importante, porque ele nunca costuma falar nos produtos que estão em desenvolvimento. Ao apontar para este caminho, algo diferente estará para nascer. Mas a entrevista revela outras coisas interessantes.

Imagem Tim Cook numa entrevista onde falou de Realidade Aumentada