Tags: ataque

Hackers atacam com sucesso infra-estrutura crítica e desligam-na

Não é recente o relato de ataques de hackers a infraestruturas críticas, sendo conhecidas algumas situações de sucesso, como por exemplo a hospitais ou a empresas fornecedoras de energia. Ainda se lembram do Stuxnet? Os objetivos desta nova ameaça são idênticos mas mais ambiciosos e destrutivos.

Hackers


iPhone é o equipamento que sofre menos ataques de malware

A segurança dos sistemas operativos é um tema recorrente e que está sempre presente no dia-a-dia. Se muitos julgam estar protegidos, a verdade é que estão expostos e muitas vezes até já com malware presente e a causar estragos.

Um estudo da Nokia revelou agora quais os sistemas que estão mais expostos ao malware e quais os que foram efetivamente infetados. Os resultados acabam por ser óbvios e colocam o iPhone como um dos menos afetados.

iPhone


MacBooks estão a ser bloqueados remotamente em novo ataque

Por norma as medidas de proteção que implementamos devem ser dedicadas a proteger-nos e aos nossos dados, não tendo um efeito contrário. No entanto, o processo inverso acontece, com prejuízo para todos.

Muitos utilizadores de MacBooks estão agora a ser vítimas de ataques e a deixar de poder usar os seus equipamentos, tudo graças ao iCloud e à possibilidade de bloquear remotamente os equipamentos.

MacBooks


A simples troca de ecrã pode colocar o seu smartphone em risco

Se há azares que são quase certos de acontecerem a quem usa um smartphone, a quebra do ecrã é um deles. Com extrema facilidade este problema pode acontecer e, muitas vezes, em mais que uma ocasião.

Se a resposta mais normal é substituirmos o ecrã, mesmo que em locais não oficiais e não recomendados, este simples processo pode colocar os seus dados em risco, segundo alguns investigadores descobriram agora.

ecrã smartphone


NATO pondera reagir ao ataque Petya como um ato de guerra

Têm sido muitos os ataques de larga escala que têm afetado os utilizadores da Internet. Cada vez mais sofisticados, pretendem apenas roubar dados ou lucrar com o seu bloqueio.

O ataque da passada semana está agora a ser investigado e tudo aponta para que tenha sido patrocinado ou realizado por um país com um propósito específico. Esta situação está a ser avaliada pela NATO, que pondera reagir-lhe como sendo um ato de guerra.

NATO Petya