Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: que outros países têm apps de rastreamento de contactos?

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. Os Rótulos says:

    Fonte do post: xda-developers
    Instalei a de Espanha (Radar Covid). Ativei e vai-se às definições do iOS em:
    Privacidade > Saúde > Registo de exposição à Covid-19, com registo de exposição ON e com duas aplicações ativas que se pode alternar: A Radar Covid (Espanha) e a Stayaway (Portugal).
    Isto significa que se pode instalar a app de outro país com a mesma API (Exposure Notification API) da Google & Apple.

    A espanhola dá para selecionar a língua (espanhol, catalão e inglês). A portuguesa não, mas outro participante que tem o iOS em inglês diz que o interface da app lhe aparece em português.

    Isto quer dizer que se pode mudar de país e usar a app desse país com tudo a funcionar. Há também notícias que está a ser criada uma rede europeia, por iniciativa da Alemanha, para estas apps.

  2. Os Rótulos says:

    Saltaram a Alemanha (app Corona-Warn-App)

    A Alemanha é que levou à adoção das apps Google & Apple na Europa. Inicialmente a França e a Alemanha, com a participação da Inglaterra, estavam a desenvolver outra app, com outros procedimentos.
    Quando a Alemanha se passou para a Google & Apple deixou a França sozinha. A França lançou a sua app em junho, está muito orgulhosa e desconfia das empresas americanas. Que se saiba a sua app teve pouca adesão.

  3. C.S. says:

    “Vivemos em plena pandemia e ainda existem cépticos que acreditam que tudo não passa de um esquema programado para tramar o mundo.”
    Pensava que a Suécia era habitada por suecos, afinal estou enganado, agora chamam-se cépticos, também há quem lhes chame negacionistas, vá-se lá saber porquê.

    • FernandoRJ says:

      Não sou cético, sei que é perigoso, mas que há política nisso tudo há. Aqui no Brasil estamos com 120.000 mortos, mas magicamente tivemos 70.000 mortos a menos de problemas cardiacos nesses 5 meses de pandemia que estamos enfrentando.

      • C.S. says:

        Se a contabilização dos mortos for feita aí como é feita em Portugal é simples.
        Cá quem morre de problemas cardíacos e tem covid, é contabilizado como morte covid,porque o que conta é o evento final e não a causa básica.
        Por isso é que eu digo que esta pseudo pandemia é uma história muito mal contada.

        • FernandoRJ says:

          Está acontecendo de igual forma. Só não enxerga quem não quer.

          • pois says:

            Entretanto, nos estados Unidos foi feito uma “pequena clarificação”

            “For 6% of the deaths, COVID-19 was the only cause mentioned. For deaths with conditions or causes in addition to COVID-19, on average, there were 2.6 additional conditions or causes per death.”
            cdc.gov/nchs/nvss/vsrr/covid_weekly/index.htm

            🙂

      • Os Rótulos says:

        Eu pesquisei por “brasil mortos por ataque cardíaco covid-19” e as notícias que me aparece são: “Durante a pandemia do novo coronavírus, as mortes por doenças cardiovasculares cresceram 31% no Brasil”

        O negacionista do Covid-19 dá jeito aos bolsonaristas. “O Covid.19 … uma gripezinha”, “Os 120.546 mortos … a maior parte foi de outras doenças” 😉

    • Os Rótulos says:

      “A expressão Negacionismo da COVID-19 refere-se aos que negam a realidade da pandemia de COVID-19 ou, negam que as mortes não estão acontecer da maneira ou nas proporções cientificamente reconhecidas pela Organização Mundial da Saúde.[Essas alegações são consideradas pseudocientíficas e o atual consenso científico apoia os dados emitidos pelos órgãos de saúde dos países” (Wikipédia)

      Notícia de hoje: “Militantes da extrema-direita fintaram a polícia e subiram a escadaria do Reichstag, em Berlim. Entre os negacionistas encontravam-se centenas de militantes de extrema-direita que, de acordo com a BBC, romperam o cordão policial que protegia o Reichstag e subiram a escadaria. Os mais radicais traziam consigo a bandeira do império alemão – usada pelo grupo de extrema-direita Reichsbürger (Cidadãos do Reich) – fintaram um grupo de polícias e chegaram à entrada do edifício.”

      Queres juntar os suecos aos negacionistas? Não, comunicaram oficialmente 5.821 mortos, contados com a mesma metodologia usada em Portugal (temos 1.819 mortos, com uma população idêntica).
      Os suecos são céticos é quanto a eficácia das medidas de confinamento anotadas noutros países, Dado que já tendem a isolar-se naturalmente.

      • C.S. says:

        Eu não quero juntar nada. O que eu digo é que estas medidas são abusivas, são estúpidas, e violadoras de direitos constitucionais básicos.
        E a sua continuidade vai dar origem ao aparecimento de movimentos neo nazis cujas consequências serão mais prejudiciais do que uma pseudo pandemia que mata menos que uma gripe normal.

  4. zelfer says:

    Já sei como afastar as pessoas de mim.

  5. Hugo Costa says:

    Malaysia: MySejahtera.

    Super completa, updates diários de informação, etc.
    Obrigatória no país.

    • Os Rótulos says:

      Por certo não é uma app de contact-tracing Google & Apple. As da post são.
      Há outras mais completas noutros países, mas recolhem dados, armazenam-nos e tratam-nos como não é permitido na Europa (e a Apple e a Google também não permitem).
      Em alguns países são também, obrigatórias, o que não é caso destas.

      • Os Rótulos says:

        A app Google & Apple da Malásia é a MyTrace, segundo a lista do @eu2.

        • Hugo says:

          Boas. Não aqui na Malasia a única app oficial e utilizável e unicamente a MySejahtera. Disponibilizada pelo Governo da Malaysia. Relativamente ao tratamento de dados internos não há muita preocupação. Visto que nós todos que usamos tecnologia já sabemos disso tudo

  6. PTO says:

    Já instalei e não vi nada de extraordinário na App relativo às ENORMES teorias da conspiração que os habituais personagens gostam de inventar.

    • Sujeito says:

      Parece que tu inventaste uma teoria só tua. O que se apontava que essa app iria ter de problemático com a privacidade, de facto tem, portanto não é teoria nenhuma.

      A questão é, que raio esperavas tu encontrar na app?!

      • Os Rótulos says:

        E o que raio apontas tu de problemático na privacidade?

        • C.S. says:

          Tudo.
          E as razões são exatamente as mesmas que impediram a aplicação para detectar os infectados com o vírus da sida.

          • Os Rótulos says:

            LOL
            Diálogo antes de se ter relações sexuais:
            – “Tens a app Stayaway Sida”?
            – “Hã? Para que serve?”
            – “Se eu estiver agora infetado com o HIV estou no período de incubação (sem sintomas), que é variável. Se tiver sintomas vou fazer o teste. Mas desde a data da infeção até desenvolver anticorpos detetáveis nos testes passam uns três meses. Mas se tiver um teste positivo dou o alerta na app! Todos os meus parceiro(a)s sexuais ficam a saber que podem ter sido infetados nos últimos três meses!”.
            – “Ó ##&/??!& usa um preservativo! “

  7. eu2 says:

    Está aqui outra lista, mas um pouco desatualizada: https://public.flourish.studio/visualisation/2241702/

  8. Sardinha Enlatada says:

    Se ja nao bastava a comunicacao andar a bombardear-nos constantemente com noticias covid. Agora temos mais um pica miolos com esta aplicacao que nao serve para nada alem de gerar ainda mais panico as pessoas. Deviamos respirar mais e deixar este virus em paz para quem se quer preocupar com ele neh ? Enquanto isso a economia continua a abrir um buraco sem fundo. Obrigado covid criminoso. Alguem devia pagar pelo que estao a fazer a economia do mundo.

  9. João says:

    Não me acredito que haja esses negacionistas que referem.

  10. C.S. says:

    Ah! Já percebi.
    Esta aplicação funciona mesmo que tenhas o preservativo.
    Eh! Pá! Este vírus é mesmo muito perigoso. Quem diria que é pior que o vírus da sida…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.