Quantcast
PplWare Mobile

CEO do Instagram diz que o TikTok é o seu concorrente mais forte

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Joao Ptt says:

    Olha eles (Facebook) a tentar atirar areia para cima dos reguladores, a fingir que o TikTok é um concorrente do Instagram, quando já se sabe que o governo dos EUA está a tentar banir a aplicação dos EUA por suspeitas de espionagem ao serviço da China (como se os EUA não fizessem o mesmo com as aplicações feitas e geradas nos EUA), e que por isso a qualquer momento vão ficar sem concorrência… além de que não prestam exactamente os mesmos serviços nas mesmas condições, mesmo que o TikTok permaneça acessível e utilizável nos EUA.

  2. Elkido says:

    O Tik TOK poderá ser eventualmente banido dos EUA mas isso não é problema para alguém que esteja a residir ou a trabalhar ou de férias nos EUA para aceder a ele…. basta ter 2 dedos de testa e instalar um VPN e depois colocar que está em qualquer país do Mundo excepto EUA

  3. Ze Duarte says:

    O Intagram tem CEO? Pensava que aquilo era controlado por macacos residentes na cave da HQ do Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.